Home / Plantas / Melancia Comprida: Características, Benefícios e Nome Científico

Melancia Comprida: Características, Benefícios e Nome Científico

A melancia, essa fruta deliciosa e inconfundível, é uma das mais completas quando pensamos em alimentos para o organismo. Seja a quantidade de nutrientes, seu sabor ou sua aparência, ela é uma das mais populares e consumidas do país.

Independentemente do seu gosto pessoal, é praticamente impossível um brasileiro dizer que não a conhece.

Ela é símbolo entre as frutas e, inclusive, é uma das características mais importantes em desenhos animados infantis: Afinal de contas, quem não se lembra da Magali — da turma da Mônica — e sua fome insaciável? Você consegue se lembrar de qual era a fruta que mais aparecia em suas mãos?

Pois bem. Só aqui, alguns argumentos já foram suficientes para mostra o quão importante ela é. Agora, saiba mais sobre as vantagens de sua ingestão, suas características únicas e muito mais informações!

Melancia Comprida: Características

A melancia comprida é uma das variedades de melancia. Não há alteração em sua coloração, muito menos em seu sabor. O que pode acontecer é outra espécie da fruta ficar com o mesmo formato.

Seu peso comum é entre 8 e 15 quilos quando madura. Sua coloração fica mais vermelha do que habituais, quando estão no processo final de maturação.

Seu cultivo está sendo feito principalmente nos países asiáticos, como o Japão. Aqui no Brasil, sua produção é feita timidamente em chácaras de pequeno e médio porte. Sua distribuição ainda é escassa, sendo que os locais onde ela é encontrada estão, principalmente, em sites de distribuição na internet.

Hoje em dia, o número de pratos da alta gastronomia feitos com melancia comprida está crescendo muito. Por ser considerada uma fruta relativamente rara e exótica, atrai muitos paladares curiosos.

Benefícios da Melancia

Como a maioria das frutas existentes, ela dá benefícios imensos ao corpo humano. Alguns deles são:

Ajuda na Hidratação

Beber água é uma maneira importante de manter seu corpo hidratado.

No entanto, comer alimentos que têm alto teor de água também pode ajudar. Curiosamente, a melancia é 92% de água.Além disso, um alto teor de água é uma das razões pelas quais frutas e verduras ajudam você a se sentir satisfeito.

A combinação de água e fibra significa que você está ingerindo um bom volume de alimentos sem muitas calorias.

Contêm Nutrientes e Compostos Vegetais Benéficos

No que diz respeito aos frutos, a melancia é uma das mais baixas em calorias — apenas 46 calorias por xícara (154 gramas). Isso é mais baixo do que frutas com baixo teor de açúcar, como as bananas.

Um copo (154 gramas) de melancia tem muitos outros nutrientes também, incluindo estas vitaminas e minerais:

  • Vitamina C: 21% da Ingestão Diária de Referência (IDR);
  • Vitamina A: 18% do IDR;
  • Potássio: 5% do IDR;
  • Magnésio: 4% do IDR;
  • Vitaminas B1, B5 e B6: 3% do IDR.

A melancia também é rica em carotenoides, incluindo beta-caroteno e licopeno. Além disso, tem citrulina, um aminoácido importante.

Aqui está uma visão geral dos antioxidantes mais importantes da melancia:

Vitamina C

A vitamina C é um antioxidante que ajuda a prevenir danos celulares causados ​​pelos radicais livres.

Carotenoides

Os carotenoides são uma classe de compostos vegetais que inclui o alfa-caroteno e o beta-caroteno, que o seu corpo converte em vitamina A.

Licopeno

O licopeno é um tipo de carotenoide que não se transforma em vitamina A. Este potente antioxidante dá uma cor vermelha aos alimentos vegetais, como tomates e melancia, e está ligado a muitos benefícios para a saúde.

Cucurbitacina E

A cucurbitacina E é um composto vegetal com efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios. O melão amargo, um parente de melancia, contém ainda mais cucurbitacina E.

Contêm compostos que podem ajudar a prevenir o câncer Pesquisadores estudaram o licopeno e outros compostos vegetais individuais na melancia por seus efeitos anti-câncer.

Embora o consumo de licopeno esteja associado a um risco menor de alguns tipos de câncer, os resultados do estudo são mistos. O elo mais forte até agora parece ser entre o licopeno e os cânceres do sistema digestivo. Além disso, a cucurbitacina E foi investigada por sua capacidade de inibir o crescimento de tumores.

Pode Melhorar a Saúde Do Coração

A doença cardíaca é a causa número um de morte em todo o mundo. Fatores de estilo de vida, incluindo dieta, podem reduzir o risco de ataque cardíaco e derrame, reduzindo a pressão arterial e os níveis de colesterol.

Vários nutrientes da melancia trazem benefícios específicos para a saúde do coração. Estudos sugerem que o licopeno pode ajudar a baixar o colesterol e a pressão sanguínea.

Melancia Cortado no Formato de um Coração
Melancia Cortado no Formato de um Coração

Também pode ajudar a prevenir o dano oxidativo ao colesterol. De acordo com estudos em mulheres obesas, pós-menopáusicas e homens finlandeses, o licopeno também pode reduzir a rigidez e espessura das paredes das artérias. A melancia também contém citrulina, um aminoácido que pode aumentar os níveis de óxido nítrico no organismo.

O óxido nítrico ajuda os vasos sanguíneos a se expandirem, o que reduz a pressão arterial. Outras vitaminas e minerais na melancia também são bons para o coração. Estes incluem vitaminas A, B6, C, magnésio e potássio.

Pode Diminuir a Inflamação E O Estresse Oxidativo

A inflamação é um dos principais motores de muitas doenças crônicas. A melancia pode ajudar a diminuir a inflamação e o dano oxidativo, pois é rica em antioxidantes anti-inflamatórios, licopeno e vitamina C.

Em um estudo de 2015, ratos de laboratório foram alimentados com melancia em pó para complementar uma dieta pouco saudável. Em comparação com o grupo controle, eles desenvolveram níveis mais baixos do marcador inflamatório e menos estresse oxidativo.

Suco de Melancia
Suco de Melancia

Em um estudo anterior, os seres humanos receberam suco de tomate rico em licopeno com adição de vitamina C. No geral, seus marcadores de inflamação diminuíram e os antioxidantes aumentaram. A melancia tem licopeno e vitamina C.

Como antioxidante, o licopeno também pode beneficiar a saúde do cérebro. Por exemplo, pode ajudar a retardar o início e a progressão da doença de Alzheimer.

Pode Ajudar a Prevenir a Degeneração Macular

O licopeno é encontrado em várias partes do olho, onde ajuda a proteger contra danos oxidativos e inflamação. Também pode prevenir a degeneração macular relacionada à idade. Este é um problema ocular comum que pode causar cegueira em adultos mais velhos.

É Bom Para Pele E Cabelo

Duas vitaminas na melancia – A e C – são importantes para a saúde da pele e do cabelo. A vitamina C ajuda seu corpo a produzir colágeno, uma proteína que mantém sua pele flexível e seu cabelo forte.

A vitamina A também é importante para a pele saudável, uma vez que ajuda a criar e reparar as células da pele. Sem vitamina A suficiente, a sua pele pode parecer seca e escamosa. Tanto o licopeno quanto o beta-caroteno também podem ajudar a proteger a pele das queimaduras solares.

Referências do artigo

Post “Benefícios da Melancia”, do site Linha de Saúde;

“Melancias Compridas”, de produtores rurais;

“Sementes de Melancia Comprida”, no site de comercialização de produtos Mercado Livre, direto de produtores.

Veja também

Xícara de Chá de Hibisco

Hibisco: Benefícios e Malefícios Para o Homem

O hibisco é consumido principalmente em chá das suas folhas, ele está entre as plantas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *