Home / Animais / Tucano do Pantanal: Curiosidades, Extinção e Imagens

Tucano do Pantanal: Curiosidades, Extinção e Imagens

O Pantanal, ao lado da Floresta Amazônica, Mata Atlântica, Cerrado, Pampa e Caatinga, é considerado um dos principais biomas brasileiros. Por definição, entende-se que um bioma seja um conjunto de ecossistemas (vegetal e animal), com uma diversidade biológica particular.

Dentre os principais biomas brasileiros, o complexo do pantanal é considerado o menor de todos, contudo é a maior planície de inundação do mundo, com extensão estimada em 250 mil Km².

Dentro da fauna do Pantanal, espécies famosas, tais como a onça-pintada, sucuri, jacaré e anta, se destacam. Contudo, o catálogo de aves também é extenso e conta com a inclusão de espécies como a ema, tuiuiú, seriema, garça, tucanuçu (também conhecido como tucano do pantanal), dentre outras espécies.

Neste artigo, você conhecerá importantes informações referentes ao tucano do pantanal, assim como outras espécies de aves encontradas por lá.

Pantanal
Pantanal

Então venha conosco e boa leitura.

Conhecendo um Pouco Mais Sobre o Pantanal

O Pantanal é uma savana estépica e alagada, com altitude estimada em 100 metros.

No Brasil, está situado no Sul do Mato Grosso e Noroeste do Mato Grosso do Sul. Embora também ocupe porções ao Norte do Paraguai e Leste da Bolívia. Uma curiosidade é que na Bolívia este bioma recebe o nome de Chaco Boliviano.

A porção alagada do Pantanal deve-se em razão da lentidão da drenagem das águas, as quais fluem lentamente pelo Médio Paraguai. A biodiversidade da área recebeu um aumento, em decorrência de projetos agropecuários desenvolvidos a década de 1960.

O clima neste bioma é quente e úmido, embora seja um pouco mais frio no inverno. A umidade do ar é sempre alta em razão da evapotranspiração da grande quantidade de água acumulada. O solo em si é arenoso em sua maior parte e até mesmo capaz de suportar a pastagem de animais bovinos.

Em relação à planície do Pantanal, esta é levemente ondulada, com raras elevações isoladas.

A vegetação do Pantanal é composta por gramíneas, arbustos, plantas rasteiras e árvores de porte médio.

Em relação à fauna, há uma diversidade de reptéis, peixes (no caso, 263 espécies), mamíferos (em número de 124) e até mesmo uma grande quantidade de borboletas (as quais completam a quantidade de 1.100 espécies).

Aves do Pantanal

Antes de falar sobre o tucano do pantanal, é importante saber que este bioma também é abundante em relação às suas aves, uma vez que abriga cerca de 650 espécies. Uma curiosidade é que no Brasil como um todo (considerando todos os biomas e subecossistemas), há aproximadamente 1.800 espécies de aves.

Dentre as espécies de aves, há o tuiuiú (ave considerada símbolo do pantanal), arara-azul-grande, garça, beija-flor (muitas espécies da ave), ema, seriema, socó, jaçanã, gavião, colhereiro, papagaios, curicacas, carcarás e, é claro, os tucanos.

Os socós são aves semelhantes às garças, em número de 7 espécies e coloração castanha. As jaçanãs são aves de 23 centímetros de comprimento, penugem predominantemente negra com manto castanho, e dedos longos e finos. A curicaca é uma ave conhecida pelo seu bico longo, fino e curvado; possui cerca de 69 centímetros de comprimento e 43 de altura; e penas em tons cinza, alaranjado, esverdeado e avermelhado. No caso do carcará, a ave pode se assemelhar um pouco aos falcões e águias.

Tucano do Pantanal: Curiosidades, Extinção e Imagens

Várias espécies e tucanos podem ser encontradas no pantanal, dentre elas o tucanuçu (nome científico Ramphastos toco) se destaca. Esta ave, também chamada de tucano-toco, é o maior representante de sua família taxonômica (Ramphastidae).

Possuem 56 centímetros de comprimento e pesam 540 gramas.

Possui um enorme bico alaranjado, com uma mancha negra em sua extremidade. Este bico possui cerca de 20 centímetros e é formado por tecido ósseo esponjoso, o que possibilita que, mesmo sendo grande, essa estrutura seja leve.

São aves frugívoras, mas que complementam a necessidade proteica com a ingestão de insetos, e até mesmo pequenos vertebrados (em alguns casos, até mesmo ovos). Para alimentarem-se, lançam o alimento para trás e para cima em direção à garganta, na medida em que abrem o bico para o alto.

Os bicos são construídos em árvores ocas, cupinzeiros, barrancos ou buracos quaisquer. Em geral, são de 2 a 4 ovos incubados pelo período de 16 a 18 dias. Esses ovos podem ser alvo de outros animais, tais como macacos e gaviões.

O tucanuçu pode ser encontrado em pares ou em bandos com até 20 indivíduos voando em fila indiana. Para dormir, costumam ‘dobrar-se’ de modo que o seu tamanho reduza em até dois terços.

Assim como as demais espécies, o tucanuçu não possui dimorfismo sexual, logo a sexagem é realizada através de exame de DNA.

Algumas espécies de tucano estão ameaçadas de extinção, outras apenas sob necessidade de vigilância (como é o caso do tucanuçu), de qualquer forma, a causa deste estado de atenção é a ação de traficantes de animais, assim como o desmatamento e perda de hábitat natural.

Outras Espécies de Tucano

Ao todo, há aproximadamente 30 espécies de tucanos, as quais estão distribuídas principalmente na Argentina, México e Brasil. Contudo, também estão presentes em muitos países da América Latina.

Além do tucanuçu, outras espécies famosas incluem o tucano grande de papo branco (nome científico Ramphastos tucanus), o tucano de bico preto (nome científico Ramphastos vitellinus) e o tucano de bico verde (nome científico Ramphastos dicolorus).

Ramphastos Dicolorus
Ramphastos Dicolorus

O tucano grande de papo branco mede entre 53 a 58 centímetros, com média de peso entre 515 a 700 gramas. No caso do tucano de bico verde, a média de comprimento está entre 42 a 48 centímetros, ao passo que o peso está entre 265 a 400 gramas. Em relação ao tucano de bico preto, este possui aproximadamente 46 centímetros de comprimento e está categorizado em 4 subespécies.

 

*

Depois de conhecer um pouco mais sobre o tucano e as aves do pantanal, nossa equipe o convida para continuar conosco de modo a conhecer também outros artigos do site.

Aqui há muito material de qualidade nos campos da zoologia, botânica e ecologia de um modo geral.

Até as próximas leituras.

REFERÊNCIAS

FIGUEIREDO, A. C. Infoescola. Tucano. Disponível em: < https://www.infoescola.com/aves/tucano/>;

Ornithos Birdwatching. Aves do Pantanal. Disponível em: < http://www.ornithos.com.br/aves-do-pantanal/>;

Wikipédia. Pantanal. Disponível em: < https://pt.wikipedia.org/wiki/Pantanal>;

Wikiaves. Tucanuçu. Disponível em: < https://www.wikiaves.com.br/wiki/tucanucu>.

Veja também

Pode Dar Fígado de Boi Para Cachorro?

Os cachorros são os animais de estimação preferidos em todo o mundo. Seu sendo de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *