Home / Animais / Porque os Jacarés Ficam com a Boca Aberta?

Porque os Jacarés Ficam com a Boca Aberta?

Se você já visitou um zoológico ou já teve a felicidade ou infelicidade de encontrar um jacaré pessoalmente, deve te notado um detalhe. É engraçado que esses animais ficam boa parte do tempo com a boca aberta e já se perguntou o por quê disso?

Esses répteis de sangue frio são extremamente resistentes, habitam a Terra há mais de 250 milhões de anos. É um parente muito próximo dos dinossauros, começaram a habitar o planeta Terra no período do triássico superior, foi logo no inicio, quando os dinossauros começaram a povoar este planeta.

Porém, o mundo já não é mais o mesmo do que a 250 milhões de anos atrás, não é mesmo? Passado todo esse tempo os dinossauros foram extintos, e o parente mais parecido daqueles gigantes répteis é o jacaré! Contudo, não se torna o parente mais próximo deles! Logo, iremos te explicar porque, continue lendo esse artigo!

Nesse período de evolução, eles adquiriram caudas mais fortes para que nadem mais rápido em baixo d’água, e auxilie no impulso quando for pular para pegar um pássaro desatento. Suas narinas ficaram mais elevadas, de modo que elas fiquem na superfície da água e consigam respirar enquanto nadam.

Sangue Frio

Como são animais de sangue frio, por si só não são capazes de aumentar a temperatura corporal, por exemplo, quando alguns animais correm, seu sangue flui mais rápido e as extremidades do seu corpo se aquecem já os jacarés não! Dependem exclusivamente do sol e do ambiente para tal tarefa.

O sol ajuda a esquentar o seu corpo, e com o corpo mais quente eles conseguem fazer com que seu metabolismo acelere. Suas funções vitais ficam mais eficazes com a temperatura do corpo elevada. Porém, eles também conseguem viver bem em baixas temperaturas e a neve. Conseguem controlar seu consumo de oxigênio e dar prioridade para órgãos vitais, como cérebro e coração.

Jacaré com Boca Aberta

Esses répteis ectodérmicos costumam manter sua temperatura durante o dia em torno de 35° C, podendo ficar um dia inteiro se aquecendo, e a noite já dentro d’água, perdem calor de acordo com a temperatura do ambiente.

Como controlam muito bem o seu corpo como já dito, são capazes de dar prioridade determinados órgãos, em momentos diferentes. Mas, como isso é feito? Você tem alguma ideia? Pois é, agora vamos te explicar a ciência por trás dessa habilidade!

Quando estão com o corpo com bastante calor, são capazes de fazer a vasodilatação, que é o fato dos seus vasos sanguíneos se dilatarem, ou seja, seus vasos sanguíneos crescem para que mais sangue chegue à determinada região. Outro exemplo disso é quando vão caçar e precisam que os músculos inferiores estejam fortes e bem preparados para o uso.

Vida

Como são muito resistentes, esses bichos tem uma longa vida. Normalmente, tem um ciclo de vida de 60 a 70 anos de idade, porém a casos de jacarés que viveram até os 80 anos sendo criado em cativeiro. Pois, na natureza selvagem estão expostos a predadores e a caça, então muito das vezes não conseguem completar seu ciclo de vida.

Vivem em colônias onde o macho dominante é o único que pode acasalar com o seu harém de fêmeas. Existem colônias tão grandes que o macho tem cerca de 25 fêmeas para procriar, mesmo que estudos indicam que um jacaré macho consegue acasalar com apenas seis fêmeas. Já as fêmeas, caso não tenha um macho dominante, é capaz de acasalar com vários machos.

Reprodução

Uma fêmea deposita em média 25 ovos por gestação. Normalmente, colocam os ovos a beira de rios e lagos, onde dentre esses 60 a 70 dias de encubação, chocam os filhotes. Com isso a fêmeas fica vigiando até que os filhotes estejam preparados para serrem chocados. Até esse processo acontecer os ovos permanecem escondidos de baixos de terra e gravetos.

O sexo do filhote vai depender da temperatura do ninho, caso esteja entre 28° e 30°C vão nascer fêmeas. E se for acima disso, como 31° e 33°C vão nascer machos. Logo quando nasce, a mãe que ajuda o filhote na quebra do ovo, pois no inicio de sua vida é um animal bastante frágil.

Tanto que os filhotes permanecem com a mãe até completarem um ano de vida, logo quando ela dará a luz a uma nova ninhada. E apesar de todos os cuidados maternos, só 5% dos filhotes vão chegar à vida adulta.

Curiosidades

Esses animais podem se reproduzir em larga escala durante um ano, tanto que, curiosamente quando houve uma intensa caça predatória no Brasil, pesquisadores fizeram um estudo sobre o jacaré do pantanal. E o resultado foi surpreendente!

Com a caça dos jacarés maiores e mais velhos, abriam vantagem para os mais novos, assim fazendo com que esses animais se reproduzissem com diversas fêmeas diferentes. Contudo, o resultado da pesquisa foi que o numero de jacarés naquela determinada região dobrou durante aquele ano, mesmo com a caça predatória desses animais.

Conseguem viver até anos sem comer, isso mesmo! O jacaré é capaz de ficar até pouco mais de um ano sem comer, porém, depende do seu tamanho e porcentagem de gordura corporal.

De acordo com estudos 60% do alimento que consumem é transformado em cordura corporal. Portanto, se estiverem muito bem alimentados conseguem ficar meses ou até pouco mais de um ano sem se alimentar. Jacarés que atingem à marca de uma tonelada conseguem facilmente ultrapassar a média de dois anos sem consumir nenhum tipo de alimento.

O fato dos jacarés ficarem o tempo todo com a boca aberta é bastante simples! Como são seres ectotérmicos precisam de ajuda externa para manter ou regular sua temperatura. Então, quando eles precisam aumentar sua temperatura corporal mais rapidamente, ficam longas horas de baixo do sol com a boca aberta.

Pois, sua boca é extremamente vascularizada, ela contém diversos micros vasos que facilitam na hora de obter calor. E também, pode ser que queiram perder calor para o ambiente e permanecem com a boca aberta caso queiram abaixar sua temperatura. Um fato interessante, é que apesar de se parecer muito com lagartos os órgãos dos jacarés são mais similares aos das aves.

Veja também

Quanto Tempo Após o Nascimento Pode Dar Banho no Cachorro?

Ter um filhote canino em casa é sinal de bagunça, brincadeira e correria. Por conta …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *