Home / Animais / Águia Harpia Comedora de Gente Existe?

Águia Harpia Comedora de Gente Existe?

A harpia (nome científico Harpia harpyja), também pode ser chamada pelos nomes de gavião-real, cutumirim, uiraçu-verdadeiro, gavião-de-penacho, uiraçu, uiraciur, uraçu e uriaquê. É uma espécie extremamente intrigante e até mesmo fascinante, uma vez que é considerada a maior e mais pesada ave de rapina do mundo.

Está presente em muitos brasões de estados brasileiros, inclusive nas forças armadas e Polícia Federal.

A espécie é considerada exímia caçadora, e conta com o auxílio de garras super compridas, assim como com as suas habilidades de voo acrobático. Alimenta-se de animais de grande porte, tais como aves, macacos menores e até macacos maiores (tais como o bugio e a preguiça). A algum tempo atrás teria surgido um boato de que a espécie seria capaz de atacar humanos, no caso, crianças pequenas. Mas será que é verdade?

Afinal, águia harpia comedora de gente existe?

Essas e outras curiosidades você vai conferir no artigo abaixo.

Boa leitura.

O que São Aves de Rapina?

As chamadas aves de rapina são todas as espécies de aves carnívoras que possuem adaptações específicas para a caça ativa. Estas adaptações incluem garras fortes, voo poderoso, boa audição e visão, além do tradicional bico curvo e afiado.

A visão é tão aguçada que chega a ser de 2 a 8 vezes superior á visão humana. Dessa forma, estas aves podem avistar as presas a dezenas de metros de distância. No caso da águia real, estes números são ainda mais surpreendentes, uma vez que ele consegue enxergar uma lebre a mais de 3 Km de distância.

Harpia harpyja

Estas espécies contam com olhos voltados para frente, e, devido a essa característica, possuem uma visão binocular. Esta visão proporciona noção de distância e profundidade e, dessa forma, facilita no planejamento de manobras aéreas, bem como no ataque às presas.

Os bicos são utilizados para rasgar pele/ carne durante a alimentação, sendo que os falcões usam o bico para matar as presas de uma forma mais direta. De acordo com o tipo e o formato do bico, é possível identificar os tipos de presas que estão no cardápio da ave em questão.

Águia Harpia: Classificação Taxonômica

A classificação científica para a águia harpia obedece a seguinte estruturação:

Reino: Animalia;

Filo: Chordata;

Classe: Aves;

Ordem: Falconiformes;

Família: Accipitridae;

Gênero: Harpia;

Espécie: Harpia harpyja.

Águia Harpia: Características

A águia harpia possui entre 50 a 90 centímetros de altura. A envergadura (isto é, extensão das asas abertas) pode chegar à incrível marca de 2,5 metros. Há diferenciação do peso para machos e fêmeas, sendo estes possuem 4 a 5,5, ao passo que, para elas, a média está compreendida entre 6 a 9 quilos.

Macho e fêmea possuem uma crista de penas largas, a qual se levanta quando ouvem algum ruído. Nesta crista, há duas penas maiores que, de certa forma, se destacam. Também possuem um disco facial formado por penas menores (tal como a coruja) e, dessa forma, podem focar as ondas sonoras de modo a melhorar suas capacidades auditivas.

Harpia harpyja Características

Outras características físicas incluem olhos pequenos, topete longo, asas largas e redondas, cabeça na cor cinza, papo e nuca de cor negra; além da cor branca no peito, na barriga e na parte de dentro das asas. A cauda possui 3 faixas cinzentas e pode medir até mesmo 2/3 do comprimento das asas.

Águia Harpia: Comportamento e Padrão Reprodutivo

A espécie é bastante rápida e forte. Sua força é capaz de erguer um carneiro sem muita dificuldade. A modalidade de voo ocorre alternando batidas de asa com planeio.

Seu assobio é longo e estridente. Um hábito que manifesta regularmente é voar sobre as florestas e campos em círculos, geralmente nas horas mais quentes do dia.

As caçadas envolvem rápidas e curtas investidas. Os machos geralmente são mais ágeis, porém as fêmeas caçam as presas mais pesadas. No caso de presas muito grandes, tal como as preguiças e os macacos, estas podem ser consumidas parcialmente (de modo a diminuir o peso e facilitar o transporte) até serem levadas ao ninho.

Em relação ao padrão reprodutivo, todas as águias são monogâmicas e, dessa forma, unem-se por toda a vida. A cada 2 a 3 anos, os casais dão a cria. Os ninhos são confeccionados em árvores muito altas, com altura de até 40 metros. A idade para atingir a maturidade sexual é entre os 4 a 5 anos de vida.

O acasalamento ocorre entre os meses de Junho a Novembro, sendo que o tempo de incubação dos ovos é de 2 meses. Geralmente, a postura envolve 1 a 2 ovos, mas esse fato chega a ser bastante curioso e intrigante, porque se os 2 ovos eclodirem, apenas um sobreviverá, já que o filhote maior (geralmente , o ‘primogênito’) mata o menor.

Em relação ao processo de desenvolvimento da águia ‘filhote’, com 6 meses este testa as suas asas. Contudo, ainda permanece alimentado e recebendo os cuidados dos pais 6 a 10 meses após testar as asas.

Águia Harpia Comedora de Gente Existe?

O tamanho e as dimensões da águia harpia são realmente assustadores. O fato da espécie também se alimentar de animais maiores gera um certo medo de que, em algum momento possa atacar os humanos.

Há um vídeo em circulação na internet que mostra uma harpia capturando um bebê e o erguendo do solo. Este vídeo gerou grande comoção e, através dele, surgiram possíveis relatos semelhantes em comunidades ribeirinhas do Norte do Brasil. Todavia, alguns veículos de comunicação (incluindo o G1) desmentiram a história. O vídeo na verdade é uma montagem produzida por estudantes canadenses, e que acabou vazando na internet.

Os especialistas afirmam que esta espécie de águia prefere manter certa distancia em relação aos seres humanos, por possuir certa aversão à nossa presença. No caso, ela só atacaria pessoas caso alguém se aproximasse ou manipulasse seu ninho ou seus filhotes. Alguns indivíduos da espécie também podem ficar agressivos quando criados em cativeiro.

Agora que você já conhece muitas informações sobre a águia harpia, nossa equipe o convida a continuar conosco para conhecer também outros artigos do site.

Aqui há muito material de qualidade nos campos da zoologia, botânica e ecologia de um modo geral.

Até as próximas leituras.

REFERÊNCIAS

ITIS Report. Harpia harpyja. Disponível em: < https://www.itis.gov/servlet/SingleRpt/SingleRpt?search_topic=TSN&search_value=560358#null>;

MENQ, W. Aves de rapina Brasil. Águia que ataca criança: verdade ou mito? Disponível em: < http://www.avesderapinabrasil.com/aleatorias/aguias_criancas.htm >;

MENQ, W. Aves de rapina Brasil. O que são aves de rapina? Disponível em: < http://www.avesderapinabrasil.com/aleatorias/o_que_sao_avesderapina.htm>;

Wikipedia. Harpia harpyja. Disponível em: < https://pt.wikipedia.org/wiki/Harpia_harpyja>;

Veja também

Alimentação do Castor: O que Eles Comem?

Os castores são mamíferos, roedores, de hábitos semi-aquáticos, conhecidos pela curiosa habilidade para construção, inclusive …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *