Home / Plantas / Ficha Técnica da Folha da Fortuna Saião: Raiz, Folhas e Caules

Ficha Técnica da Folha da Fortuna Saião: Raiz, Folhas e Caules

O saião é um vegetal pertencente ao gênero botânico Kalanchoe, com diversas espécies correspondentes. Também pode ser conhecido pelos nomes de folha da fortuna, flor da fortuna, erva-da-costa, coerana, eoirama-branca, orelha-de-monge e kalandiva.

Ao todo, são 133 espécies reconhecidas.

Não há consenso definitivo e preciso acerca de sua origem geográfica, porém acredita-se que tais vegetais sejam nativos do Brasil, África, Índia e Yemen. Atualmente, além de estar presente no Brasil, também pode ser encontrado na Ásia Tropical, Sri Lanka, Myanmar e alguns países da África.

Neste artigo, você conhece algumas importantes características e informações sobre o saião.

Então venha conosco e boa leitura.

O saião é um vegetal pertencente ao gênero botânico Kalanchoe, com diversas espécies correspondentes. Também pode ser conhecido pelos nomes de folha da fortuna, flor da fortuna, erva-da-costa, coerana, eoirama-branca, orelha-de-monge e kalandiva.

Ao todo, são 133 espécies reconhecidas.

Não há consenso definitivo e preciso acerca de sua origem geográfica, porém acredita-se que tais vegetais sejam nativos do Brasil, África, Índia e Yemen. Atualmente, além de estar presente no Brasil, também pode ser encontrado na Ásia Tropical, Sri Lanka, Myanmar e alguns países da África.

Neste artigo, você conhece algumas importantes características e informações sobre o saião.

Então venha conosco e boa leitura.

Ficha Técnica da Folha da Fortuna Saião: Classificação Botânica

A classificação científica para o vegetal saião obedece à seguinte estruturação:

Reino: Plantae;

Divisão: Magnoliophyta;

Classe: Magnoliopsida;

Ordem: Saxifragales;

Família: Crassulaceae;

Gênero: Kalanchoe.

Kalanchoe brasiliensis cambess

Os representantes da família Crassulaceae possuem uma adaptação natural a ambientes com poucos recursos hídricos. Esta adaptação é materializada na presença de uma cutícula com cera espessa revestindo a epiderme; assim como pela presença folhas carnosas contando com tecidos de reserva para água. Ao todo, são 35 gêneros e mais de 1500 espécies, cuja distribuição não ocorre apenas em locais com clima tropical, como também em locais de clima temperado.

A espécie mais conhecida de saião é o Kalanchoe brasiliensis cambess.

Ficha Técnica da Folha da Fortuna Saião: Propriedades Medicinais

A propriedade mais conhecida do saião é a de tratamento de alterações estomacais, dentre elas indigestão e dor no estômago (até mesmo proporcionando alívio de quadros de gastrite). No entanto, o potencial anti-inflamatório, diurético, antimicrobiano e cicatrizante pode trazer muitos outros benefícios.

O efeito calmante e cicatrizante do vegetal é excelente para casos de irritação na mucosa gástrica ou intestinal. Através do seu efeito diurético, o saião é capaz de controlar os níveis de pressão arterial, diminuir o inchaço nas pernas e até mesmo eliminar alguns cálculos renais.  Sua ação cicatrizante é altamente benéfica para melhorar o aspecto de erisipelas, queimaduras, dermatites, verrugas, úlceras e picadas de inseto. O saião também é eficaz contra infecções pulmonares (no caso, bronquite e asma), além de aliviar episódios de tosse. A ação anti-tumoral ainda não foi comprovada em humanos, porém está sendo testada em ratos.

O chá de saião é a forma mais comum consumo da planta- embora, farmácias de manipulação também vendam sucos e pomadas. Assim como as pomadas, os cataplasmas também são considerados formas de uso tópico. Na Angola, cataplasmas com as folhas do vegetal são empregados para controle da febre. Na Malásia, cataplasmas no peito são utilizados para alívio da tosse e congestão torácica.

A Índia é considerada um dos países com maior uso terapêutico do vegetal. A A medicina tradicional do país frequentemente utiliza folhas frescas como cataplasmas em feridas, escoriações, contusões e até mesmo acidentes com animais peçonhentos- contudo, estas folhas são anteriormente prensadas e torradas. O suco de saião é misturado com manteiga e ingerido para controle de quadros de diarreia, cólera, litíase e outros quadros. O Sul da Índia utiliza muito o extrato das folhas externamente para alívio de dores articulares.

Convém lembrar que mesmo sendo uma planta comumente utilizada, recomenda-se consulta a um médico fitoterapeuta para avaliar a possibilidade de riscos e contraindicações.

Não é recomendado que gestantes e lactantes consumam qualquer produto derivado deste vegetal.

Ficha Técnica da Folha da Fortuna Saião: Raiz, Folhas e Caules

Em geral, o vegetal saião cresce até 30 centímetros; contudo (considerando-se também a diversidade de espécies), algumas literaturas consideram o seu comprimento médio entre 90 centímetros a 1,20 metros.

Fortuna Saião

As folhas costumam apresentar um comprimento de 7,5 a 10 centímetros. O pecíolo é achatado, carnudo e possui de 2,5 a 3,8 centímetros de comprimento. Possui um limbo oblongo, denteado, aculeado e serrado.

As flores aparecem entre o inicio da Primavera e fim do Inverno. Tais flores podem ser encontradas nas cores branca, amarela, laranja, rosa, vermelha, entre outras. As flores possuem um cálice com 3 a 5 milímetros de comprimento; e corola medindo 1,6 centímetros de comprimento. Na corola, estão dispostas 4 pétalas de formato lanceloado.

Dicas Para o Plantio/ Compra de Folhas de Saião

O plantio é mais favorável em locais com exposição solar. O ideal é que o vaso seja posicionado em locais com luz solar direta e correntes de ar (uma vez que o vento também é importante no processo). Caso o vegetal seja cultivado à meia-sombra, deverá obrigatoriamente receber luz solar direta durante algumas horas por dia.

Como estes vegetais apresentam a tendência a acumular água, não demandam grande quantidade de regas. Durante o verão, a sugestão é de 2 regas semanais; ao passo que, no inverno, apenas uma rega é necessária- e isto quando o substrato estiver começando a ressecar. Durante a rega, não deve-se molhar a planta, mas o solo- sempre com quantidade moderada de água (nunca em excesso).

Ao comprar folhas de saião, alguns critérios devem ser observados. É fundamental que as folhas estejam inteiras, viscosas, brilhantes e com ausência de manchas. Em relação ao número de botões fechados, estes também são um critério importante, uma vez que quanto maior o número de botões, maior a durabilidade do vegetal.

Como Preparar Chá de Saião

No preparo do chá, são utilizados 3 colheres (sopa) de folhas picadas para 250 ml de água fervente. Bastar colocar as folhas em água fervente e deixar repousar durante 5 minutos.

Passados os 5 minutos de repouso, basta coar e beber. O ideal é que o consumo do chá seja de 2 xícaras por dia.

Há aqueles que preferem consumir saião com leite por acreditar que tal mistura possa potencializar a ação cicatrizante sobre a mucosa gástrica, bem como o potencializar o poder de alívio sobre a tosse. Neste caso, a folha de saião deve ser batida no liquidificador com uma xícara de leite, coando-se a mistura para consumo de 2 vezes ao dia.

Depois de conhecer um pouco mais sobre o saião, que tal continuar aqui conosco para conhecer também outros artigos do site.

Garanto que por aqui também há outros temas de seu interesse. Sinta-se à vontade para navegar por aqui.

Divirta-se e até as próximas leituras.

REFERÊNCIAS

PPMAC. Plantas- Medicinais- Aromáticas- Condimenares. Saião. Disponível em: < http://www.ppmac.org/?q=print/content/sai%C3%A3o>;

The Plant List. Kalanchoe. Disponível em: < http://www.theplantlist.org/1.1/browse/A/Crassulaceae/Kalanchoe/>;

Tua Saúde. Para que serve a planta Saião e como tomar. Disponível em: < https://www.tuasaude.com/saiao/>;

Wikipédia. Kalanchoe. Disponível em: < https://pt.wikipedia.org/wiki/Kalanchoe>.

Veja também

Como Plantar Vinca em Vaso em Casa?

A vinca-de-madagascar ou simplesmente vinca (nome científico Caranthus roseus) é um vegetal de fácil propagação, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *