Home / Plantas / Como Cuidar de Girassol em Vaso em Apartamento?

Como Cuidar de Girassol em Vaso em Apartamento?

Elas são espécies formidáveis, saídas diretamente da original família Asteraceae, e que, apesar de serem práticas quando o assunto é o seu cultivo, costumam despertar algumas dúvidas nos iniciantes na arte de cultivar girassóis.

São dúvidas, como por exemplo, como cuidar de um girassol em vasos dentro de um apartamento? O cultivo é por mudas ou sementes? Quais condições climáticas eles mais apreciam? Entre outras que cercam uma das mais extravagantes espécies de flores ornamentais da natureza.

Os girassóis são originários da América do Norte. Lá eles já eram cultivados pelas tribos indígenas americanas, especialmente para alimentação e uso das suas excelentes propriedades medicinais.

Com relação ao cultivo de girassol em vasos dentro de apartamentos, o que sabemos é que ele não oferece assim tantos obstáculos. Só exige mesmo a atenção para uma das principais características dessa espécie: o seu gosto por uma boa jornada de sol durante o dia.

Mas também será necessário, em caso de preferência pelo cultivo a partir de mudas, que estas sejam de boa qualidade, compradas em berçários ou lojas de jardinagem, além de dar preferência pelo girassol-anão.

Pois essa é uma variedade que costuma medir entre 30 e 40cm de altura e possuir pétalas que não ultrapassam os 7cm. Por isso mesmo é a mais indicada para o cultivo em condições restritas de espaço – como é o caso de um apartamento.

Como Plantar e Cuidar de Girassol em Vaso Dentro de um Apartamento?

Em primeiro lugar, é preciso adquirir um vaso adequado para esse propósito. Ele deve ser higienizado, com um raio suficiente para que a planta cresça adequadamente (a não ser que pretenda transplantá-la para um jardim) e ter entre 35 e 40cm de largura.

Nesse caso, você poderá utilizar também uma jardineira de janela, engradados, barris de madeira, entre outros recipientes que ofereçam espaço e condições adequadas para o seu desenvolvimento.

Vaso escolhido, o próximo passo a ser dado, de acordo com os especialistas em jardinagem, é forrar a sua base com fragmentos de pedras ou cascalhos, pedaços de argila, britas, tiras de espumas, entre outros materiais semelhantes.

Logo após, acrescente (até no máximo 3cm) o solo adquirido em um estabelecimento bem avaliado e o adubo orgânico (compostagem) devidamente triturado.

Talvez para cuidar, adequadamente, desse girassol que foi plantado em um vaso dentro de um apartamento, seja importante, também, juntar uma quantidade de cristais de absorção, que são materiais capazes de reter a água e, com isso, reduzir a necessidade de rega durante o dia.

As sementes (entre 3 e 9) devem ser colocadas no máximo a 2 cm dentro da terra (até 10 sementes, a depender das dimensões do vaso escolhido).

E no caso de mudas, plante-as entre 2 e 3cm dentro da terra (1 muda para cada 10 cm de comprimento de um vaso); atentando para o fato de que o normal é que tenha que descartar algumas que não se desenvolverão adequadamente. Isso quer dizer que, certamente, irá produzir a metade da quantidade das mudas plantadas.

Cuidando de Girassóis Em Vasos Dentro de um Apartamento

Agora será necessário atentar para as condições de rega. É bom saber que os girassóis são exigentes quando o assunto é água! Eles geralmente requerem entre 20 e 30ml de água a cada 2 dias, para que, ao final de no máximo 1 semana, comecem a germinar, fortes e vigorosos, com toda a exuberância digna dessa espécie.

Outra coisa a saber é que também será inevitável fazer uma espécie de limpeza das mudas que não germinaram corretamente. Elas deverão ser arrancadas, a fim de que as demais possam ser oxigenadas adequadamente e não tenham o seu desenvolvimento comprometido.

Especialistas (e admiradores) nessa espécie garantem que se após 2 semanas não houver uma germinação saudável, a operação não saiu a contento, e o cultivo não foi efetivado.

Mas se tudo ocorrer da forma correta elas crescerão, esplendidamente, e você só terá que seguir com a rega até que atinjam entre 25 e 30cm – período no qual a quantidade de água deverá ser dobrada (mais sempre de dois em dois dias).

Tome também o cuidado para, a partir desse momento, manter a planta durante todo o dia sob o sol – e jamais na sombra -, já que, por motivos que não precisam nem serem explicados, o sol é a principal companhia dessa espécie, a ponto de segui-lo, avidamente, em busca dos seus poderosos raios.

Cuidando de Girassol no Vaso de Apartamento
Cuidando de Girassol no Vaso de Apartamento

Um detalhe importante: o girassol deve ser poupado dos excessos! Chuva, frio excessivo, granizo, ventos fortes, entre outras intempéries, são prejudiciais ao seu desenvolvimento e geralmente comprometem o resultado, principalmente durante a primeira semana.

Não Diminua os Cuidados Com os Girassóis!

Não há como cuidar de girassóis em vasos dentro de uma apartamento sem que aprenda a desenvolver em si mesmo a arte da paciência e da disciplina!

Portanto, a ordem é continuar os cuidados! Sempre! Diligentemente! Pois em 15 dias os girassóis já deverão apresentar um bom desenvolvimento, e portanto será a hora de aumentar, ainda mais, a rega – de preferência para 70ml de água (ainda em intervalos de 2 dias).

Agora já teremos os primeiros botões em flor!, e é possível que eles exijam um fertilizante especial, a fim de garantir um melhor desenvolvimento.

Essa não é exatamente uma regra, pois os girassóis não costumam exigir tantos cuidados adicionais, mas não custa tentar garantir o sucesso de uma tão delicada e dedicada operação.

45 dias depois, os botões já estarão completamente desenvolvidos, e novamente a quantidade de água deverá aumentada, para cerca de 100 ml a cada dois dias, a fim de garantir a manutenção da terra sempre úmida e capaz de absorver, adequadamente, os nutrientes aplicados nela.

É importante chamar atenção também para o fato de que você talvez perceba uma tendência do girassol a descair a sua parte superior, como se tivesse nela um peso.

Logo, a fim de não deixar que ele perca a sua imponência e porte altivo, recomenda-se fixá-lo a uma estrutura – como um bambu ou uma estaca – capaz de sustentar-lhe o peso.

O resultado será que, ao final de 2 meses, você terá um belíssimo ornamento feito com girassóis, mesmo tendo sido plantados em um vaso e dentro do espaço restrito de um apartamento.

Girassol Bem Cuidado no Vaso de Um Apartamento
Girassol Bem Cuidado no Vaso de Um Apartamento

Poderá aproveitar as suas sementes, pétalas e botões em saladas. Produzir um óleo com excelentes propriedades medicinais. Ou simplesmente apreciar uma das mais belas espécies de plantas ornamentais oferecidas pela natureza.

Capaz de tornar um ambiente da mesma forma exótico e com todas as características de um espaço bastante singular.

Deixe o seu comentário sobre esse artigo. E aguarde as próximas publicações.

Veja também

Para que Serve o Suco da Berinjela? Como Preparar Passo a Passo

Berinjela Vinda da Índia e consumida há mais de quatro mil anos, berinjela é conhecida …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *