Home / Animais / Pinshcer Miniatura: Cores, Personalidade, Canil, Filhotes e Fotos

Pinshcer Miniatura: Cores, Personalidade, Canil, Filhotes e Fotos

Tudo o que se sabe sobre a raça de cachorros alemães pinscher miniatura (cores, personalidade, características dos filhotes, canis, fotos, entre outras particularidades) começou a ser explorado a partir do ano de 1834 (ou 1836), quando eles foram descritos pela primeira vez.

No entanto, tão ou mais singular e excepcional quanto as suas características são as suas origens – repletas de lacunas e de controvérsias.

Há quem jure, por exemplo, que os pinschers seriam o resultado do cruzamento entre o alemão teckel (aqueles que ganharam o sugestivo apelido de “cães salsicha”) e o incomum “galguinho italiano” (do Egito). E que dessa união teria surgido uma das raças mais originais dessa não menos original família Canidae.

Mas há também uma outra versão, que da conta de que os pinschers seriam, na verdade, uma mistura do pinscher alemão standard com o manchester terrier (uma raça nobre da Inglaterra, e que chamava a atenção por ser imbatível quando o assunto era a caça de uma boa presa).

Porém, controvérsias à parte, o que se sabe mesmo é que eles são, verdadeiramente, parentes próximos dos excepcionais cães dobermans. E que também são descritos como a menor raça de cães de guarda do mundo (por mais difícil que seja acreditar), tal é a sua valentia, lealdade, fidelidade e espírito protetor.

Isso sem contar, obviamente, a facilidade com que podem ser cuidados, graças a uma altura que dificilmente ultrapassa os 30 cm, além de uma pelagem curta e poucas exigências alimentares.

Pinscher Miniatura: Cores, Personalidade, Canil, Filhotes e Fotos

Quem já não teve a experiência de aproximar-se de um desses cães e, deslumbrado, ao tentar acariciá-lo, ser surpreendido! Na verdade descobrimos, da pior maneira possível, que estamos diante de um verdadeiro cão de guarda, na mais completa e perfeita definição dessa palavra.

Os pinschers são animais registrados pela American Kennel Club desde meados dos anos 20, e de lá para cá não pararam de angariar prestígio nos quatro cantos do mundo, principalmente por ser, talvez, a raça que melhor apresente as qualidades mais apreciadas nos dias atuais por criadores de cães: valentia e coragem associadas a um porte físico que os faz serem animais pouco exigentes com relação a cuidados.

Pinscher Miniatura Cores

Mas o que convencionou-se acreditar é que o pinscher seria um cão estressado, com níveis altíssimos da sua pressão sanguínea, e que não se sabe como eles não infartam de tão agitados que ficam diante da presença de um estranho.

Só que na verdade essa sua personalidade pode ser considerada menos uma reação orgânica do que um impulso instintivo, fruto de uma série de cruzamentos que o dotaram com a característica de permanecerem sempre alertas e prontos para defenderem os seus donos de toda e qualquer ameaça – mesmo a mais remota.

O pinscher miniatura, à parte as características da sua personalidade, filhotes, fotos, características dos seus canis, entre outras especificidades, como podemos perceber nessas fotos, não possui apenas a tradicional coloração preta com detalhes marrons no rosto, ventre e patas; na verdade é possível encontrá-los nas cores marrom, malhado, creme, dourado, entre várias outras combinações – cada uma dessas mais exótica e original que as outras.

Além das Cores, Fotos, Personalidade, Características dos Filhotes, Fotos, Canis, Outras Particularidades dos Cães Pinschers Miniatura

Talvez a principal característica dos pinschers seja a de latir, latir muito! Na verdade, a depender do local onde vivem, eles simplesmente não irão parar!

Logo, o recomendado é que, ainda filhotes, eles passem por um processo de adestramento, que é o que irá lapidar essas suas característica de serem agitados, energéticos e de adorarem correr para todos os lados.

Além das características da sua personalidade, cores, fotos, filhotes, canis, entre outras particularidades dessa raça, como qualquer outra, ela também apresenta as suas predisposições a determinados tipos de doenças – geralmente associadas à idade.

Mas esses transtornos geralmente resumem-se a duas: a luxação na patela (a rótula do joelho) e a Atrofia Progressiva da Retina. A primeira é a mais comum, e consiste num transtorno típico dos cães miniatura, que tendem a apresentar um certo deslocamento dessa rótula com a idade; o que exige, portanto, a sua observância desde a fase de filhotes.

A Atrofia Progressiva de Retina é outra afecção comumente associada aos pinschers, e que por ser um distúrbio típico da idade, o máximo que se pode fazer é adiá-lo por meio de cuidados que envolvem visitas semestrais ao veterinário, dieta adequada para esse tipo de cão, vacinação, entre outros cuidados.

No mais, é saber que terá nas mãos uma raça ativa por natureza, e que por isso mesmo terá que ser submetida a exercícios diários, caminhadas e um ambiente onde possa socializar-se de forma saudável com os membros da família.

E caso essas observações seja atendidas à risca, você poderá ter a companhia desse animal por longos 12, 13 ou até 15 anos.!

Sempre como um verdadeiro cão de guarda e de companhia, leal e bastante disposto, como poucas raças conseguem ser nesse tão extravagante universo da família Canidae.

Canis da Raça Pinscher

Com o objetivo de perpetuar o gosto pela criação desse tipo de raça, diversos amantes dos cães pinscher miniatura resolveram criar espécies de “hotéis caninos” que, entre as suas várias atribuições, tem as de recolher, cuidar, cruzar, vender e proteger esses animais dos maus tratos aos quais muitos são submetidos – até mesmo pelos seus donos.

*Na cidade de Jundiaí, à rua Piratininga, por exemplo, está localizado um canil de pinschers miniatura com o sugestivo nome de “Pinscherlândia”.

Criada há mais de 20 anos, o canil, segundo os seus representantes, realiza vendas de pinshcers fêmeas com as sua principais cores: canela, marrom, malhado, preto, entre outras, já vermifugados e imunizados com a tradicional v10.

A empresa ainda responsabiliza-se por disponibilizar o seu pedigree, dar assistência veterinária, atestado de saúde, entre outras documentações geralmente exigidas por essa raça.

Tel: (11) 99742-1000 (whatsapp) (11) 4581.9459

E-mail: [email protected]

*O Kennel Clube do Rio Grande do Sul é outro canil que também realiza vendas de filhotes de pinscher miniatura para todo o Brasil, com as suas diversas cores (como podemos conferir nessas fotos) e personalidade tão características.

Contato: (51) 99545-0088

E-mail: [email protected]

Rua Múcio Teixeira, 724 – Menino Deus Porto Alegre, RS –

*“A Eu Quero um Filhote” é um canil em funcionamento desde o ano de 1999, e que gaba-se de possuir em seu “quadro de clientes” algumas celebridades que ajudam a contribuir para a fama do local. A empresa envia para todo o Brasil diversas raças, entre elas o Pinscher miniatura, com toda a documentação exigida por esse tipo de animal.

Contato: [email protected]

Tel – (11) 3645-1589 / Whatsapp 96132-657

E caso queira, deixe a sua opinião sobre esse artigo e aguarde as nossas próximas publicações.

Veja também

Terrário para Jibóia Onde Encontrar? Qual o Tamanho Ideal?

A jibóia (nome científico Boa constritor) está entre os reptéis de estimação mais queridos. Mesmo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *