Home / Animais / Mandril Animal: Características, Nome Científico e Fotos

Mandril Animal: Características, Nome Científico e Fotos

Os mandris (nome científico Mandrillus sphinx) são parentes muito próximos dos babuínos e também considerados os maiores primatas do mundo. Possui uma pelagem verde-oliva em quase todo o corpo- padrão que é ‘quebrado’ em áreas como a face, nádegas e ventre.

Possui distribuição geográfica nas florestas tropicais de países como Gabão, Congo, Camarões e Guiné Equatorial. Infelizmente, é considerado uma espécie ameaçada de extinção pela IUCN (União Internacional para Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais).

Neste artigo, você conhecerá um pouco mais sobre o mandril, suas características, comportamento e outras peculiaridades.

Então venha conosco e boa leitura.

Mandril Animal: Classificação Taxonômica

Saiba Mais Sobre o Mandril
Saiba Mais Sobre o Mandril

A classificação científica para esses macacos obedece à categorização descrita abaixo:

Reino: Animalia;

Filo: Chordata;

Classe: Mammalia;

Ordem: Primates;

Família: Cercopithecidae;

Subfamília: Cercophitecinae;

Gênero: Mandrillus;

Espécie: Mandrillus sphinx.

Mandril Animal: Descrição dos Grupamentos Taxonômicos

Macacos, sírios, lêmures e seres humanos estão abrigados na ordem taxonômica dos primatas. Estes animais surgiram a partir de ancestrais arborícolas e, até hoje, o numero de espécies arborícolas, em detrimento das espécies terrestres, é mais expressivo.

Na família taxonômica Cercopithecidae, estão presentes os chamados macacos do Velho Mundo. Estas espécies são nativas da África e da Ásia e podem ser encontradas em uma diversidade de hábitats (incluindo savanas,  áreas semiáridas, locais montanhosos e florestas tropicais). A maioria das espécies é de médio ou grande porte.

Abaixo desta estruturação, a subdivisão ou subfamília Cercophitecinae possui um quantitativo de 71 espécies, dentre as quais o mandril, os babuínos (os quais correspondem a um total de 5 espécies), o macaco-japonês (nome científico Macaca fuscata) e outros.

Os babuínos são macacos de focinho pontudo, caninos grandes, calosidades nas nádegas, caudas prêenseis e comprimento corporal de até 120 centímetros. As 5 espécies de babuínos estão distribuídas dentro do gênero Papio.

No gênero Mandrillus, estão presentes apenas duas espécies, sendo elas o mandril (Mandrillus sphinx) e o dril (nome científico Mandrillus leucophaeus). Anteriormente, estas duas espécies eram categorizadas dentro do gênero Papio– conformação que se modificou graças às pesquisas recentes.

Mandril Animal: Características, Nome Científico e Fotos

 

O mandril (nome científico Mandrillus sphinx) é um primata de grandes dimensões.

Tanto o mandril quanto o drill possuem focinho alongado, assim como certo dimorfismo sexual em relação às dimensões corporais (tais como peso e altura) e em relação a outras características (tais como a coloração da pelagem). Acredita-se que este dimorfismo sexual também se estende ao crescimento do crânio.

Além dos focinhos muito grandes, mandris também apresentam cristas nasais proeminentes, assim como edema paranasal (ou seja, edema na área adjacente- ao lado- das narinas). Estas características também estão presentes no drill.

Os mandris possuem tonalidade que varia entre o verde-oliva ao marrom escuro, ao longo do corpo. Todavia, existem áreas que apresentam outra coloração, como é o caso da face e das nádegas. Nestas áreas, em particular, padrões multicoloridos (mais pronunciados nos machos), que se tornam ainda mais evidentes durante os períodos de excitação.

As áreas multicoloridas na face podem variar entre os tons de azul-claro a violeta. Nas nádegas, a coloração é avermelhada, sendo azulada nas bordas.

Acima dos olhos e nas laterais do focinho existem sulcos. Na face, também estão presentes olhos pequenos e afundados. Ambas as áreas não possuem pelos.

Desconsiderando a cauda, um macho adulto deste macaco possui comprimento corporal compreendido entre 75 a 95 centímetros. No caso da fêmea, este valor está compreendido entre 55 a 66 centímetros.

Todos os indivíduos possuem cauda curta. Os machos podem chegar aos 35 quilos.

Mandril Animal: Comportamento e Alimentação

Em relação à alimentação, na dieta dos mandris, estão presentes desde componentes vegetais, como é o caso das raízes, folhas, cascas, fibras, raízes e frutas até artrópodes e animais vertebrados. Dessa forma, estes macacos são classificados como onívoros.

Os componentes animais da sua dieta incluem ovos, artrópodes, tartarugas, sapos, porco-espinho, ratos, musaranhos e até mesmo aves e tartarugas. Os mandris não caçam presas de tamanho considerável, todavia, pesquisadores já registraram machos caçando certas espécies de antílopes.

Ainda em relação aos hábitos alimentares, mais precisamente em relação ao consumo de componentes vegetais, os mandris podem causar danos a muitas culturas agrícolas, sendo, portanto, visto como pragas em determinadas regiões.

Na natureza, os mandris são encontrados em grandes grupamentos de até 800 indivíduos. Apesar deste número já ser considerado elevado, cientistas já encontraram grupamentos com aproximadamente 1.300 indivíduos. Este recorde registrado no Parque Internacional de Lopé (país localizado na costa do Atlântico da África Central).

Apesar do porte avantajado, os mandris também possuem predadores, sendo o leopardo o principal deles.

Mandril Animal: Hábitat e Distribuição Geográfica

Habitat do Mandril
Habitat do Mandril

Os mandris são encontrados em florestas tropicais de países como o Congo, Guiné Equatorial, Gabão e Camarões (no caso, a porção Sul). Três rios importantes delimitam esta distribuição geográfica, sendo eles o Rio Sanaga (este na porção Norte), assim como os rios Ivindo e Ogoué. Em relação a este último rio, as populações de mandril nos extremos Norte e Sul do mesmo são surpreendentemente diferentes. Acredita-se que, no futuro, estas populações possam ser classificadas como subespécies distintas.

Camarões é um país que pertence à porção ocidental da África Central. Possui tamanha diversidade em termos de cultura e geologia que, por vezes, pode ser chamado de “África em miniatura”. Neste país é possível encontrar desde praias até montanhas, desertos, florestas tropicais e savanas.

A República da África Ocidental é um país curioso, uma vez que pode apresentar vários territórios descontínuos, os quais incluem desde um espaço continental até terrenos insulares (no caso, ilhas). Este país pertence à África Ocidental.

*

Agora que você já conhece um pouco mais sobre o mandril, que tal continuar conosco para visitar também outros artigos do site ?

Aqui há muito material de qualidade e um amplo acervo nas  áreas de zoologia, botânica, ecologia de um modo geral e até mesmo dicas práticas que podem ser úteis no seu dia-a-dia.

Sinta-se à vontade para digitar um tema de sua escolha em nossa lupa de pesquisa no canto superior direito. Caso não encontre o tema desejado, você pode sugeri-lo abaixo em nossa caixa de comentários.

Até as próximas leituras.

REFERÊNCIAS

Animal Diversity Web. Papio baboons. Disponível em: < https://animaldiversity.org/site/accounts/information/Papio.html>;

Britannica Escola. Mandril. Disponível em: < https://escola.britannica.com.br/artigo/mandril/570966>;

IUCN Red List. Mandrill. Disponível em: < https://www.iucnredlist.org/species/12754/17952325>;

WayBack Machine. Mandrill (Mandrillus sphinx). Disponível em: < https://web.archive.org/web/20150905163505/http://www.arkive.org/mandrill/mandrillus-sphinx/>;

Veja também

Lebre na Natureza

Tudo Sobre a Lebre : Características, Nome Cientifico e Fotos

Hoje vamos trazer mais um animal incrível e cheio de curiosidades super interessantes para os …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.