Home / Animais / Macaco Mandril: Características, Nome Cientifico, Habitat e Fotos

Macaco Mandril: Características, Nome Cientifico, Habitat e Fotos

O macaco mandril é uma espécie de macaco considerado do Velho Mundo, ou seja, que não faz parte da América ou da Oceania. Assim, o macaco mandril não é natural do continente americano como um todo.

Os macacos dessa espécie são parentes próximos dos babuínos, apresentando peso elevado, tamanho grande e um rabo apenas curto – todo macaco mandril possui rabo, mesmo que seja pequeno, pois o rabo é a características maior dos macacos em relação à grande maioria dos outros primatas.

Contudo, pelo fato de não ser comum do Brasil, é provável que poucas pessoas conheçam de verdade o macaco mandril. Já outros podem até conhecer o mandril, mas apenas de programas de TV ou de séries famosas, já que o macaco mandril é frequentemente utilizado para compor o elenco de séries, desenhos ou convidado em programas de televisão da Europa e dos Estados Unidos.

Macaco Mandril
Macaco Mandril

Conheça o Macaco Mandril

O mandril é bastante conhecido pelas suas nádegas coloridas, que chamam a atenção de qualquer um. Assim, as nádegas do macaco mandril possuem diversas cores entrepostas, em uma união que certamente mostra como a natureza pode ser diferenciada em muitos aspectos.

Conforme a maturidade sexual vai sendo atingida, o macaco mandril vai tendo as nádegas cada vez mais coloridas, algo que serve também para realizar a diferenciação entre aqueles animais que ainda não estão em idade sexual e aqueles que já atingiram a maturidade nesse sentido.

Dessa forma, nos momentos de excitação sexual do mandril, as nádegas ficam ainda mais multicoloridas, sendo esse um sinal de que o outro ser possui interesse sexual e está disposto a realizar a relação.

Porém, os machos é que possuem a coloração mais forte nas nádegas, já que nas fêmeas não há tanta cor, nem mesmo nos momentos de excitação sexual. Esse fato pode ser explicado de forma simples, já que são os machos que buscam atrair as fêmeas e não o contrário. Assim, o macaco mandril macho possui coloração mais forte e acentuada.

Outros Usos Para as Nádegas Coloridas do Macaco Mandril

Outro ponto interessante sobre as nádegas coloridas do macaco mandril é que esse fator ajuda os macacos perdidos a se guiarem na selva, rumo ao seu grupo de origem ou a outros grupos da espécie.

Isso porque, na selva, onde há apenas verde para todos os lados, o macaco mandril se destaca pela coloração diferenciada e, assim, consegue chamar a atenção de qualquer animal perdido do grupo.

Um grande problema é que, se o macaco mandril chama a atenção de outros membros do grupo que possam estar perdidos por algum motivo, o mesmo acontece com os predadores. Dessa forma, raposas, panteras e lobos-do-mato se aproveitam da beleza do macaco mandril para encontrar presas tidas como fáceis de identificar e, depois, matar.

Nádega do Macaco Mandril
Nádega do Macaco Mandril

Ademais, o macaco mandril pode ser visto nas florestas tropicais do Congo, Camarões, guiné Equatorial e Gabão. Em comum a esses países, o fato de as florestas serem bastante úmidas e muito quentes, algo que o macaco mandril encara muito bem e com muita facilidade.

Veja abaixo mais informações sobre o macaco mandril, entendendo melhor as características e detalhes a respeito desse animal tão belo e curioso.

Características do Macaco Mandril

Em relação ao tipo físico, um macaco mandril macho pode pesar até 35 quilos e medir até 95 centímetros. Já as fêmeas não passam dos 13 quilos e dos 65 centímetros.

O macaco mandril apresenta uma alimentação bastante diversificada, já que esse animal é onívoro. Assim, tal qual os outros primatas, o macaco mandril é conhecido por consumir muito bem diferentes tipos de alimentos.

Flores, frutas, insetos, outros mamíferos e folhas podem fazer parte da dieta do macaco mandril, a depender da oferta de alimentos disponível e do esforço que o mandril terá de fazer para alcançar esses alimentos. Isso porque o macaco é tido como um animal bastante preguiçoso, que descansa ao longo de grande parte do dia e, assim, não se preocupa muito em executar tarefas mais pesadas.

Casal de Macaco Mandril
Casal de Macaco Mandril

Esse fato ajuda o mandril em sua longevidade, já que o macaco atinge os 45 anos quando em cativeiro e os 25 anos quando criado na natureza. Embora haja uma diferença substancial entre as expectativas de vida em cada ambiente, o certo é que o macaco mandril vive muito mais que diversos outros primatas mais ágeis e mais inquietos.

Os grupos e sociedades do macaco mandril são conhecidos pela quantidade alta de fêmeas e macacos em desenvolvimento, com poucos machos ou até mesmo só um. Isso porque o excesso de machos pode representar um problema, já que possivelmente haveria brigas frequentes para reproduzir com as fêmeas.

Ademais, apenas 10% dos sobreviventes da espécie macaco mandril são machos, o que aumenta muito a concorrência entre esses machos.

Estado de Conservação e Nome Científico do Macaco Mandril

O macaco mandril atende pelo nome científico de Mandrillus sphinx.

O ataque à conservação do macaco mandril, na África, é bastante diferente do que acontece no Brasil. Se no Brasil a busca por macacos é para o tráfico internacional de animais silvestres, no continente africano muitos macacos são mortos para o consumo humano. Não é diferente com o macaco mandril, que é morto muitas vezes para servir de alimento para as pessoas.

Macaco Mandril Com a Boca Aberta
Macaco Mandril Com a Boca Aberta

Ademais, a agricultura também tira espaço do macaco mandril na África, já que para construir os campos agrícolas é preciso devastar longas áreas de selva que, antes da devastação, serviam como lar para esses macacos.

Habitat Natural do Macaco Mandril

O macaco mandril é um animal típico das florestas equatoriais ou tropicais da África, sendo amplamente adaptado para tal. Assim, o macaco mandril consegue sobreviver muito bem a chuvas frequentes e ambientes muito úmidos, como são os ambientes de florestas assim.

Ademais, na verdade a falta de água em abundância pode ser um problema grave para o macaco mandril. Dessa forma, margens de rios ou lagos ou ambientes próximos a esses locais podem servir muito bem como casa para o macaco mandril.

Por fim, o macaco mandril ainda habita florestas pequenas e secundárias quando é empurrado para esses locais por algum motivo.

Veja também

Jumento Pêga: Características, Nome Cientifico e Fotos

O Brasil possui muitos itens que pertencem exclusivamente ao país, tais como flores e outros …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *