Home / Plantas / Tudo Sobre Bananeiras

Tudo Sobre Bananeiras

A bananeira é um vegetal herbáceo completo, apresenta raiz, tronco, folhas, flores, frutos e sementes. O tronco é representado pelo rizoma e o conjunto de bainhas das folhas do pseudocaule. A multiplicação da bananeira se dá naturalmente por via vegetativa, pela emissão de novos rebentos. Porém, o seu plantio também pode ser feito por meio das sementes, processo muito utilizado quando se quer fazer a criação de novas variedades ou híbridos. Pertencem a família Musaceae que contém cerca de 1000 espécies.

Apresentam folhas verdes e largas, e seus frutos podem ser comestíveis ou não, dependendo da espécie. Os frutos não comestíveis geralmente são utilizados em ornamentação de jardins. São plantas de médio porte, mas o tamanho também pode variar de acordo com o tipo da bananeira.

As bananeiras têm como fruto a banana,que é muito conhecida e consumida no mundo todo. Geralmente crescem em cachos nas bananeiras e cada cacho tem cerca de 50 a 150 bananas, com frutos individuais agrupados, conhecidos como “mãos”, de 10 a 25 bananas. Geralmente compramos banana por mão ou palma. O gosto adocicado de seu fruto atrai o paladar, ele é pequeno e de fácil manuseio, rico em açúcares, fibras e vitaminas. A maioria apresenta uma casca amarela e polpa branca, podendo ter tonalidades diferentes entre as espécies, e seu tamanho varia também conforme o tipo da banana.

Ao lado do arroz, trigo e milho, o fruto da bananeira é um dos produtos alimentares mais produzidos no mundo. É muito consumido por atletas, pessoas que querem fazer uma reeducação alimentar, pessoas que querem ganhar massa muscular, pois ele é considerado um fruto muito forte para o organismo.

Origem

É originária do sudeste da Ásia, e no século VI há relatos dessa fruta na Índia. Foi mencionada em documentos escritos, pela primeira vez na história, em textos budistas de cerca de 600 a.C. Mais tarde, apareceram em toda a África Equatorial, Guiné e nas ilhas Canárias, levadas pelos navegadores portugueses. Depois, chegaram a Américas, onde hoje se encontram os principais produtores. Se adaptou muito bem a diferentes tipos de climas e solos, mas principalmente em regiões tropicais, passando a ser cultivada em cerca de 130 países. A palavra banana teve origem na África Ocidental e, adotada pelos portugueses e espanhóis, veio a ser usada, por exemplo, na língua inglesa.

Cores Variadas da Banana

O que pouca gente sabe é que as bananas podem ter várias cores diferentes. As bananas verdes são verdes ou verde-escuras e, à medida que amadurecem, podem ficar amarelas, vermelhas ou verdes e brancas. Outras cores de banana incluem roxo e azul, mas não são tão comuns de encontrar. A casca da banana vermelha quando madura é salpicada de manchas escuras. Peles de banana maduras tornam-se marrons ou pretas, e o fruto fica mole. A polpa das bananas comestíveis pode variar em relação a doçura e textura. Pode ser branco, amarelo ou amarelo-salmão. Os tipos são cultivados geralmente sem sementes.

Importância Nutritiva das Bananas

A banana contém grandes quantidades de açúcares: sacarose, frutose e glicose. Além disso, é uma fruta rica em fibras, vitaminas A, B1, B2 e C, cálcio, fósforo e ferro. Devido ao fato de ser um concentrado de carboidratos, muitos atletas recorrem à banana após a prática de algum exercício físico. A mistura única de vitaminas, minerais e carboidratos de baixo índice glicêmico em bananas, fez deles o fruto favorito entre os atletas de resistência. Sua portabilidade fácil, baixo custo e bom gosto também ajudam a apoiar sua popularidade. Um estudo realizado com ciclistas, em 2012, descobriu que comer o equivalente a cerca de metade de uma banana a cada 15 minutos de uma corrida de três horas era tão bom em manter níveis de energia constantes, quanto beber uma quantidade equivalente de carboidratos e minerais de uma bebida esportiva processada.

As bananas há muito tempo são valorizadas pelos atletas pela prevenção de cãibras musculares devido sua grande quantidade de potássio (que ajuda a previní-las). O potássio também ajuda os músculos a se contraírem e as células nervosas a responderem aos estímulos recebidos. Ele também faz com que o coração bata regularmente e pode reduzir o efeito do sódio na pressão sanguínea. O potássio pode reduzir o risco de formação de pedras nos rins à medida que as pessoas envelhecem. Por sua vez, os rins saudáveis ​​garantem que a quantidade certa de potássio seja mantida no corpo.

Além desses benefícios, ela apresenta zinco em sua composição, que é útil para infecções de pele, perda de cabelo e problemas de fertilidade masculina. Alguns dizem que passar a casca da banana sobre ferimentos, ajuda a cicatriza-lo. Certos tipos de banana possuem alto nível de serotonina, tornando-as benéficas para o coração, músculo liso. A banana é muito útil para pacientes com ansiedade, depressão e Mal de Parkinson, vez que além de serotonina, melhora a produção de dopamina.

Consumo da banana

Ela pode ser consumida in natura, além de ser empregada na  culinária de diferentes formas como em tortas, doces, sorvetes, bolos, com açaí. O fruto é consumido em larga escala nos Estados Unidos e Europa. A Índia é a maior produtora de bananeiras do mundo, seguida pelo Brasil, China, Equador, Filipinas, Indonésia, Costa Rica e México. Além do fruto em si, a folha também é muito utilizada para fazer utensílios como bolsas, pratos, porta copos, entre outros.

As bananas são produzidas e colhidas o ano todo, ao contrário de outras frutas. Quanto mais quente a temperatura, mais rápido as bananas amadurecem. No entanto, para amadurecer lentamente, as bananas devem ser refrigeradas.

Bananas em Dietas

Além de muito famosa entre os atletas, como já foi dito anteriormente, as bananas também são muito consumidas por aqueles que querem perder uns quilinhos. Podem ser utilizadas em receitas para substituir leite condensado, por exemplo, como é o caso do brigadeiro de banana. Picolé de chocolate, onde a banana serve para dar a consistência do picolé, deixando-o mais saudável e menos calórico.

Dieta Com Banana
Dieta Com Banana

Porém um alerta precisa ser feito em relação a banana na hora do almoço. Não é recomendado pelos nutricionistas comer banana junto com o feijão, pois devido o potássio da fruta a absorção do ferro contido no feijão e na carne vai ser prejudicada. Por isso não se indica comer enquanto se estiver almoçando.

Veja também

Arroz Tem Glúten ou Não? É Bom Para Emagrecer?

Uma pessoa pode ter um estilo de vida sem glúten porque tem doença celíaca, alergia …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *