Home / Plantas / Tudo Sobre a Couve Ornamental: Características e Fotos

Tudo Sobre a Couve Ornamental: Características e Fotos

A couve Ornamental possui o nome científico de Brassica oleraceae e é uma planta que teve origem no continente europeu. O vegetal sempre chama atenção pela beleza e colorido sendo sempre usada pelos paisagistas. Pode também ser conhecida como couve de jardim ou repolho ornamental.

Características

Foi com a chegada dos imigrantes europeus no sul do Brasil que a planta começou a se desenvolver por aqui. A couve ornamental possui caules pequenos e podem chegar a atingir até trinta centímetros de altura. São plantas que se adaptam muito bem em climas mais frios.

As suas folhas são comestíveis e bem grandes possuindo detalhes crespos nas bordas. O detalhe que faz essa planta ser tão bonita é exatamente as cores que essas folhas se apresentam: verde, azul, róseas brancas e roxas. Já as flores possuem coloração amarela.

A couve ornamental possui diversos nutrientes e pode ser usada em alguns pratos, mas por possui um sabor um pouco amargo ela é utilizada com mais frequência na composição de projetos de jardinagem.

Como Cultivar a Couve Ornamental

O vegetal pode ser cultivado tanto em jardins quanto em vasos e a propagação acontecer por meio de sementes. A couve ornamental gosta de solo rico em matéria orgânica e solo úmido sem excessos.

Pode se desenvolver melhor com sol, mas se adaptam bem com a mesmo meia-sombra. Entretanto, é uma planta que pode resistir tranquilamente ao frio e até mesmo as geadas. É aconselhável que sejam trocadas de local pelo menos de dois em dois anos para permanecer com um visual exuberante.

A sua rusticidade não exige grandes cuidados e apenas pequenos detalhes podem fazer a couve ornamental permanecer viva por muito tempo no seu jardim. As sementes da couve ornamental podem ser encontradas em lojas especializadas ou em site que fazem o envio para todo o país. Na região sul do Brasil é muito comum encontrá-la enfeitando e colorindo ruas, jardins e canteiros.

Outras Informações Sobre a Couve Ornamental

A couve ornamental é um “parente” muito próximo dos brócolis, repolho, couve e couve flor. Ela costuma ser cultivada na estação da primavera exigindo solos leves e com boa drenagem.  Lembre-se que é preciso deixar espaço entres as plantas já que o crescimento da couve é intenso e costuma ocupar uma área considerável.

Mesmo o cultivo sendo relativamente simples, lembre-se que a couve também exige alguns cuidados para que possam se desenvolver bem e permanecerem vibrantes por mais tempo. Portanto, não esqueça de colocar a sua planta com acesso aos raios solares, pois mesmo suportando apenas meia-sombra, a couve ornamental apresenta mais vivacidade e beleza quando convive com luz do sol.

Curiosidades Sobre a Couve Ornamental
Curiosidades Sobre a Couve Ornamental

Fique atento ao solo e não deixe que ele fique seco. As regas devem ser feitas regulamente e não devem deixar a terra com o aspecto de encharcamento. Outro ponto que ajuda muito o desenvolvimento pleno da planta é a retirada de folhas e galhos mortos, assim, a planta não precisa se preocupar em enviar energia para aquelas partes que não estão mais vivas e pode concentrar os nutrientes para as áreas que importam.

Curiosidades Sobre a Couve Ornamental

Vamos conhecer algumas curiosidades sobre essa planta tão bonita? É só continuar acompanhando o nosso artigo.

  • A teoria mais aceita sobre a chegada da planta no Brasil é a que conta que os imigrantes europeus trouxeram o vegetal há muitos anos.
  • As folhas da couve ornamental não são tóxicas, mas caso o cultivo da planta tenha sido feito com agrotóxicos existem grandes chances dele se encontrar contaminado. Portanto, fique muito atento a procedência da folha e evite consumir aquelas que não são cultivadas organicamente. Além disso, é importante lembrar que as folhas da couve são duras e em geral não são usadas para o preparo de pratos culinários.
  • Você sabia que quanto mais frio o clima, mais as folhas da couve ornamental aparecem intensas? Portanto, em temperaturas mais baixas é comum observar a planta com folhas ainda mais coloridas. Não é à toa que elas são amplamente encontradas na região da Serra Gaúcha e também em muitos jardins na Inglaterra.
  • As folhas adquirem um formato que é chamado de roseta.
  • Quer uma forma bem diferente de decorar a sua mesa de jantar para um evento especial? Que tal utilizar a couve ornamental e alguns pallets? A combinação pode garantir uma combinação muito bela e rústica.
  • Após o plantio, é possível que a planta atinja o seu tamanho adulto em aproximadamente doze semanas. A indicação é que ela seja plantada no início da primavera. Fique atento para a presença de pragas que poderão aparecer de forma sazonal. De forma geral, elas acabam desaparecendo com a chegada das geadas.
  • Caso sua intenção seja adquirir somente uma planta da espécie é aconselhável que ela cultivada em um vaso para parecer maior e mais viva.

Confira a Ficha Técnica da Couve Ornamental

Para encerrar preparamos algumas das informações mais importantes sobre a couve ornamental. Vamos conferir?

Planta Couve Ornamental
Planta Couve Ornamental
  • Nome Científico: Brassica oleraceae
  • Família: Brassicaceae
  • Altura: pode atingir 30 centímetros
  • Também pode ser conhecida como: Repolho-ornamental
  • Clima: se adapta bem a diversos tipos de climas
  • Origem: Europa
  • Luz: Necessita de sol direto, mas também consegue sobreviver com meia-sombra
  • Ciclo de Vida: perene.

E você? Já conhecia a couve ornamental? As plantas são sempre sinônimo de bem-estar e alegria. Que tal incluí-las na sua vida e começar agora mesmo o seu jardim? A couve ornamental pode ser uma excelente alternativa, concorda?

Aproveite e compartilhe esse artigo nas suas redes sociais e fique à vontade para deixar um comentário ou sugestão.

Veja também

Pimenteira-Bastarda

Qual a Árvore Mais Indicada para Plantar na Calçada?

Sabemos da importância das árvores em nossas vidas, elas são essenciais para o meio ambiente, …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.