Home / Plantas / Substrato Para Alfazema: Onde Encontrar? Qual O Melhor?

Substrato Para Alfazema: Onde Encontrar? Qual O Melhor?

As plantas e as flores fazem parte do nosso dia a dia desde que o mundo existe. Seja para decoração, seja para alimentação, ou para usos medicinais, é certo que elas são nossas companheiras há muitos anos.

Muitas culturas utilizam várias partes das plantas e das flores para várias funções. Alguns utilizam para fazer chá, outros para fazer óleo, outros usam como corante, outros comem in natura, e outros ainda fazem remédios, xaropes e tônicos capilares com elas.

É certo que elas são de grande utilidade. E quando falamos sobre flores, no entanto, vêm tantas na nossa mente, que é muito difícil a gente conseguir nomear ou reconhecer todas elas.

Apesar de haver muitas espécies e gêneros de plantas e flores, uma hora ou outra, elas aparecem em séries, filmes ou em programas de tv, onde é mostrado alguma utilidade muito boa delas, e desperta na gente certa curiosidade para pesquisar mais.

Hoje, iremos falar sobre as alfazemas, e qual o melhor substrato e onde podemos encontrar. Além disso, você vai descobrir alguns benefícios dessa planta, e quais são suas principais propriedades.

Caso não saiba o que é alfazema, talvez você a conheça como lavanda, seu nome mais conhecido.

Características

Em Portugal, a alfazema, é conhecida simplesmente como lavanda. Ela é uma planta que pertence ao gênero chamado Lavandula, que se encontra na família Lamiaceae.

A lavanda, ou alfazema, possui pequenos arbustos, que são perenes, e que também está incluso os subarbustos e as anuais.

Para a ornamentação e também como ervas, a espécie que mais é utilizada, são as que possuem o nome de lavanda inglesa e também a Lavandula angustifólia. Em Portugal, as espécies que servem como ornamentais, são as: L. pedunculata, L. viridis, L. latifólia, entre outras.

As flores da alfazema são usadas, na maior parte do tempo, para criar arranjos florais do tipo seco. Com flores de cor púrpura e os seus brotos, que possuem um cheiro muito suave, são feitos pot-pourris, ou seja, aqueles vasos com folhas, plantas e flores secas para criar uma fragrância agradável no ambiente. Outra utilidade é para afastar insetos e parasitas.

Na parte comercial, o cultivo é feito principalmente para que se possa extrair óleos, com propriedades antissépticas, usado muito em aromaterapia e na fabricação de produtos cosméticos.

No entanto, se ela for utilizada como um produto terapêutico, ou medicinal, é importante tomar muito cuidado com a quantidade usada, pois em altos níveis, pode causa excitação em doses tóxicas.

Da destilação das flores é obtido o tão conhecido óleo essencial de alfazema. Das várias substâncias e propriedades que esse óleo apresenta, os principais são o linalol e também o acetato de linalila, que são os responsáveis por produzir o aroma de lavanda. Outras substâncias que podem ser citadas são: taninos cumarina, resina e sapopina.

Aroma de Lavanda
Aroma de Lavanda

A alfazema ainda possui a função de produzir mel a partir das flores e do seu néctar. O mel, com alta qualidade, foi produzido primeiramente em países que ficam próximo do Mediterrâneo, e então foi sendo introduzido no mercado internacional como um produto de alta e ótima qualidade.

Em sua forma nativa, a alfazema pode ser encontrada nas canárias, no oeste e no norte da África, em regiões do sul da Europa e também no Mediterrâneo, e em países como Arábia e a Índia. Atualmente, os países que possuem a maior produção de alfazema, são: Austrália, Rússia, França, Grã-Bretanha e Bulgária.

Sua classificação científica é:

  • Reino: Plantae
  • Filo: Magnoliophyta
  • Classe: Magnoliopsida
  • Ordem: Lamiales
  • Família: Lamiaceae
  • Género: Lavandula L.

Benefícios da Alfazema

Em locais onde a alfazema é utilizada como um produto medicinal e terapêutica, ela é muito indicada para problemas relacionado a insônia, depressão, ansiedade e como um calmante.

Benefícios da Alfazema
Benefícios da Alfazema

Os principais benefícios que podemos citar são:

Auxilia na digestão e dores no estômago: o efeito calmante da alfazema também atua nos distúrbios intestinais. Uma boa dica é tomar um chá de lavanda após as refeições, e o efeito é sentido poucos minutos após ingerir. Os gases intestinais, tão chatos, também são aliviados.

Auxilia no cuidado da pele e picadas de insetos: a alfazema também possui um efeito de amaciar, acalmar e limpar a pele, reduzindo a vermelhidão e também coceira que podem ser causadas por picadas de mosquitos, insetos, entre outros.

Auxilia nos distúrbios de sono: o seu efeito calmante e relaxante é ótimo para ser utilizado em noites de insônia. Pode ser usada como chá, óleo essencial, almofada de ervas ou como gotas em queimador.

Auxilia na ansiedade, dores na cabeça e irritação: com suas propriedades calmantes, a alfazema proporciona um leve efeito de sedação, e é muito recomendada para utilizar em casos de dores de cabeça, tensão após um dia estressante, aliviar o cansaço, e em quadros de depressão.

Onde Encontrar Substrato?

Para servir como base de suporte para as alfazemas, os abstratos podem ser encontrados para a compra em sites da internet, em floriculturas ou mercados especializados em plantação e cultivo de plantas e flores.

O COMPO SANA UNIVERSAL, que é o mais indicado para a alfazema, especificamente, pode ser encontrado na Leroy Merlin, em sites de produtos como o Compo Jardineria, ou em lojas de sua confiança.

Substrato
Substrato

Qual O Melhor Substrato?

A alfazema, no caso, gosta muito de terras que estão moderadamente férteis, muito bem drenadas e também um pouco alcalina.

O substrato mais indicado para a alfazema é o COMPO SANA Universal. Esse substrato possui uma ótima qualidade, sua importação vem da Alemanha e pode ser usado tanto no interior como exterior. Possui altíssimas avaliações.

Como o seu peso é baixo, seu transporte se torna fácil, e ele também possui um encaixe para carregar na mão, facilitando ainda mais e deixando mais confortável carregá-lo.

Para armazenar ele corretamente, é recomendado locais secos, e após usar, fechar muito bem a embalagem.

A quantidade necessária é a seguinte:

  • Vaso de 40 cm: 20 litros
  • Vaso entre 60 e 80 cm: 40 litros
  • Vaso entre 80 e 100 cm: 50 litros

Agora você já sabe tudo o que precisa sobre os substratos necessários para a alfazema. Deixe nos comentários alguma dica que você pode nos dar!

Veja também

Curiosidades Sobre a Ameixa e Fatos Interessantes

A ameixa é um membro da família das rosas e é um parente próximo de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *