Home / Plantas / Substituição Da Copa Do Cajueiro: Como Fazer

Substituição Da Copa Do Cajueiro: Como Fazer

O cajueiro, atualmente, é uma das plantas mais cultivadas no Brasil. Essa planta produz a fruta caju, e ela é responsável por movimentar a economia, oferecer produtos e benefícios.

Só na região Nordeste, por exemplo, são produzidas cerca de 160 toneladas de castanha por ano. Por ser uma planta com facilidade de adaptação, o cajueiro se espalhou pelos diversos climas e regiões do Brasil.

Hoje, iremos aprender um método de fazer com que uma parte dos pomares possam ser recuperadas.

A tecnologia de substituição de copa do cajueiro pode fazer com que o número da produtividade suba para até 1.300 quilos por hectare. Esse número, no entanto, vai depender de alguns fatores, como o método de substituição escolhida, o número de plantas e alguns outros fatores que iremos conhecer.

Neste artigo, você irá entender como esse método funciona.

Características da Fruta

Para começar, precisamos falar sobre a fruta caju. Na verdade, o caju, em si, se trata de um pseudofruto. Ou seja, a parte que realmente é uma fruta, é a castanha. A parte avermelhada, amarela ou rosada, é o pedúnculo floral, o pseudofruto.

O caju é um pseudofruto produzido, principalmente, nas regiões com clima semiárido do Nordeste. Através da fruta, é possível conseguir diversos usos e benefícios.

Além de possuir Vitamina C e bastante ferro concentrados na sua polpa, é possível fazer também sucos,              doces, mel, cajuadas, rapadura de caju, entre outros.

Até mesmo alguns tipos de aguardentes são possíveis produzir, pois o caju fermenta de forma muito rápida, dando origem a, por exemplo, cauim.

A castanha de caju, que é realmente o fruto do caju, possui uma textura dura e oleosa. Para se consumir ao natural, é necessário assar o fruto, remover a casca, e então comer a castanha de forma salgada ou com açúcar.

Com a castanha, é possível fazer, ainda, diversos outros usos e extrair diversos benefícios. Por exemplo, da castanha é feito óleos, amêndoas, patês, entre outros, e a partir delas, proteínas, minerais e fibras agem em benefício da nossa saúde.

O caju, no geral, auxilia em várias áreas da nossa vida. O sistema imunológico, a pele, cabelos, unhas, intestino, inflamações, envelhecimento, gravidez, tudo isso, ou é fortalecido ou prevenido.

Por fim, o caju é uma fruta muito importante na vida diária de cada um. Proporciona não apenas emprego e uma fonte de renda, mas também diversos benefícios para a saúde.

Substituição Da Copa De Cajueiro

A substituição da copa de cajueiro existe, pois, a produtividade total da castanha no Brasil, está muito abaixo do potencial total do cajueiro.

Um ótimo exemplo é que o Brasil possui cerca de 650 mil hectares com o plantio de cajueiro, no entanto, são produzidos, como citado, cerca de 160 mil toneladas de castanha por safra. Esse valor é igual a apenas 246 quilos por habitat, ou seja, é um valor muito baixo, pois o cajueiro possui um potencial maior de produção.

A substituição da copa de cajueiro, existe, justamente, para alguns dos pomares possam ser recuperados, e dessa forma, faz-se a enxertia nas brotações, e as raízes e copa do cajueiro permanece.

Para ser feita essa substituição, existem alguns métodos, e iremos aprender cada um deles.

Substituição Total

Independente da produção dos cajueiros, neste método, será feita uma substituição da copa em literalmente todas as plantas do cultivo.

Esse método, normalmente, é muito adotado em locais com grandes áreas de plantação. Uma das vantagens desse método é que o novo pomar ficará muito mais uniforme, o porte da planta mais baixo e a produtividade irá aumentar.

Substituição Da Copa De Cajueiro
Substituição Da Copa De Cajueiro

Uma das desvantagens, é o fato de que o custo de implantação é bem alto, e pelo menos durante o primeiro ano, a produção fica baixa, para começar a apresentar resultados apenas depois.

Substituição Seletiva

Esse método é mais utilizado, diferente do método anterior, em locais com plantações feitas em pequenas áreas.

A substituição da copa, no entanto, só será feita em plantas que tenham uma produção baixa, e os cajueiros com produção alta, são mantidos no local.

Para ser utilizado esse método, é importante que se tenha um conhecimento muito bem detalhado do potencial de produção de cada planta, para que as erradas não sejam substituídas, e que haja um acompanhamento individual de produção de cada planta por 3 anos seguidos.

Alguns tipos de cajueiro possuem, de forma comprovada, um baixo rendimento. Como é o caso da castanhola e eucalipto, e esses, sim, podem ser substituídos com total certeza.

Uma das vantagens desse método é o fato de que ele garante uma alta produção, com um custo muito mais barato, e durante o primeiro ano, não há uma queda na produção.

A principal desvantagem é que o novo pomar ficará com algumas plantas mais baixas e outras mais altas, o que irá dificultar um pouco o manejo e o adensamento.

Substituição Em Fileiras Alternadas

Esse método irá substituir as copas dos cajueiros, como o nome diz, de maneira alternada. Ou seja, metade das plantas do pomar irá ser feita a substituição, em fileiras alternadas, sem levar em conta a produção de cada uma.

Desta forma, o acompanhamento individual citado no método anterior é dispensado, já que a substituição seguirá uma regra de alternância.

A principal vantagem desse método é que seu custo também é baixo, e no primeiro ano a redução na produção é considerada baixa.

Produção de Caju
Produção de Caju

No entanto, algumas plantas com alto potencial de produção poderão ser substituídas, o que pode ocorrer, no futuro, uma produção menor do que a esperada inicialmente. Outra desvantagem, é que o pomar também ficará desarrumado, e algumas plantas serão maiores do que outras.

Vantagens Gerais

A substituição da copa do cajueiro, no geral, apresenta mais vantagens do que desvantagens quando feita em plantações com baixa produção.

Algumas delas são:

  • A produtividade é aumentada de 240 para 1.300 kg aproximadamente
  • Reduz o tamanho das plantas, facilitando a colheita e manejo
  • Baixo custo
  • Dispensa a irrigação

Agora você já sabe quais os melhores métodos para substituir a copa do cajueiro. Entendendo as vantagens e desvantagens, é possível escolher o melhor método para o seu pomar. Deixe nos comentários caso você já conhecesse essa tecnologia!

Veja também

Origem da Flor Amarilis e História da Planta

O cultivo de flores está se tornando uma atividade cada vez mais comum no Brasil; …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *