Home / Plantas / Quantas Mudas de Banana por Hectare? Esclarecendo Dúvidas Sobre o Plantio de Bananas

Quantas Mudas de Banana por Hectare? Esclarecendo Dúvidas Sobre o Plantio de Bananas

A agricultura brasileira, desde os primórdios da colonização, é uma das principais bases econômicas do nosso país. Tudo começou com a cana-de-açúcar, e, posteriormente, o café.  Hoje produzimos para exportação e consumo interno muitos cereais, grãos e frutas.

A agricultura atualmente está direcionada para o comércio e para a subsistência (através dos pequenos produtores, atuando em regime de agricultura familiar). Dentro deste cenário, a banana faz sucesso por aqui.

Cada vez mais práticas de melhoramento genético vem sendo empregadas, de modo a obter espécies mais resistentes a pragas, e, é claro, com frutos mais apetitosos. 

Em decorrência do grande consumo de bananas por aqui, a bananicultura vem despertando interesse econômico cada vez maior. Inclusive, muitos curiosos vem se aventurando neste meio.

Se você já pensou em se aventurar na bananicultura, provavelmente já teve ter ser perguntado quantas mudas de banana por hectare são necessárias no território de plantio.

Então, venha conosco. Essa e outras dúvidas serão respondidas.

Boa leitura.

Plantio de Bananas

Mesmo quem não planta banana com a finalidade de produção em média ou larga escala, pode contar com a versatilidade de plantar o seu enxerto no próprio quintal, ou até mesmo em um vaso (respeitando os parâmetros mínimos de profundidade e largura necessários).

Leia mais sobre o assunto no artigo como plantar banana ouro

É imprescindível manter as condições adequadas do solo, como umidade e presença de matéria orgânica, de modo que a bananeira tenha a nutrição adequada para o desenvolvimento vistoso dos frutos.

Ciclo de Vida da Bananeira

Quando uma bananeira adulta emite um novo rebento, chamamos esse processo de gestação. Para perpetuar a produção, é necessário plantar esse rebento, o qual brotará a partir do solo. Depois do brotamento, a bananeira cresce e se desenvolve, produzindo frutos.

Após o amadurecimento e formação do cacho, inicia-se o processo de necrose da planta. Logo, o ciclo de vida da bananeira é definido e limitado à produção da fruta de uma única vez.

Em razão deste ciclo de vida, é comum que no bananal haja bananeiras em vários estágios de desenvolvimento. Esse espaço diversificado recebe o nome de touceira.

Bananicultura no Brasil : Diferenças Entre Agricultura Familiar, Agricultura de Subsistência e Agronegócio

Na agricultura familiar, a gestão da propriedade é compartilhada pela própria família, e a atividade agropecuária é a principal fonte geradora de renda.

O agricultor familiar tem uma relação particular com a terra, pois além de considera-la como seu local de trabalho, a enxerga como moradia.

Censos do ano de 2006 apontam que 84% dos estabelecimentos agropecuários brasileiros pertencem a grupos familiares.  A maioria deles está localizado na Região Nordeste. A agricultura familiar detém uma grande importância no abastecimento do mercado interno. Além da contribuição econômica, o fator cultural deste modelo agrícola também é bastante relevante.

No entanto, alguns regimes de agricultura familiar atuam como agricultura de subsistência , ou seja, a produção de alimentos é destinada à sobrevivência do próprio agricultor, seus familiares e da própria comunidade ao qual está inserido. Não há interesses comerciais.

Dificilmente um regime agricultura familiar (principalmente destinado à subsistência) irá utilizar trator ou outros maquinários. Os instrumentos mais utilizados são a enxada, arado e foice.

O agronegócio está destinado à produção em larga escala, com fins estritamente comerciais. Muitas vezes, o agronegócio tem interesse maciço e específico para a exportação, como é o caso do plantio de soja.

No agronegócio destinado à bananicultura, as práticas de melhoramento genético estão cada vez mais sendo empregadas, principalmente com o objetivo de controlar a infestação por pragas ou gerar espécies com frutos comercialmente atraentes.

Algumas das espécies de bananas mais consumidas no nosso país, inclusive, são resultantes de práticas induzidas de melhoramento genético. Um exemplo disso é a banana ouro, espécie híbrida, obtida através do cruzamento de bananas silvestres. Leia mais sobre o assunto no artigo plantas pé de banana ouro.

Logo, há um alto investimento científico e tecnológico empregado no ramo do agronegócio, e muitas pesquisas ainda estão em andamento.

Recomendações Sobre o Espaçamento Entre Bananeiras

Ao estabelecer o território destinado ao plantio de bananas e seguir as recomendações que obedecem ao ciclo de vida da bananeira, algumas informações adicionais também são muito importantes.

Espaçamento entre Bananeiras
Espaçamento entre Bananeiras

Por exemplo, tome cuidado com o excesso de perfilhos, ou seja, de mudas.

O excesso de perfilhos provoca uma competição entre as plantas na touceira. Competição para disputa de água, nutrientes, espaço de crescimento, e até mesmo luminosidade. Convém lembrar que além de serem profundas, as raízes da bananeira lateralizam-se em grande extensão (podendo chegar a 2 metros).

Quando não o espaço adequado entre as mudas de bananeira, a competição por nutrientes resulta em um prejuízo ao crescimento e desenvolvimento do fruto, com o surgimento de cachos menores às exigências do mercado. Nesse caso, quem é produtor rural pode ter alguns prejuízos e sentir a desvalorização do seu produto.

Por isso, o recomendado é retirar o excesso de bananeiras, deixando apenas 3 plantas por touceira (ou melhor por grupamento). O padrão mais adequado é a manutenção de uma planta mãe, com mais dois seguidores. Esses seguidores seriam o filho (que sai da planta mãe), e o neto (que sai do filho).

Feito a escolha da família, corte as bananeiras com um facão, e use um equipamento específico para perfuração do rizoma em profundidade, e retirada da sua região de crescimento.  Realizado esse processo, o perfilho cortado não brotará novamente.

As mudas cortadas e como rizoma perfurado podem ficar no bananal, mas é importante cortá-las em pedaços pequenos, de modo a facilitar a necrose e evitar o aparecimento de pragas e outras doenças.

Quantas Mudas de Banana por Hectare?

O espaçamento entre bananeiras pode varia em torno de 2 m2 a 27 m2, segundo a Embrapa. Esta margem leva em consideração fatores como a fertilidade do solo, o nível tecnológico envolvido no cultivo, a espécie de bananeira, e o destino da produção.

Em algumas circunstâncias, quando a produção é de alta densidade, a concentração pode atingir de 3.332 a 5000 plantas por hectare. Em produções de baixa densidade, a média atingida é 1.666 plantas por hectare.

A ordenação das bananeiras em fila dupla permite maior facilidade de inspeção e facilidade na aplicação de agrotóxicos e fungicidas, além de otimizar os processos de mecanização.

Os espaçamentos mais utilizados no Brasil para consumo comercial são:

  • 2,0 x 2,0 m a 2,0 x 2,5 m para as variedades de porte baixo a médio (Nanica, Nanicão, Grande Naine);
  • 3,0 x 2,0 m a 3,0 x 2,5 m para as variedades de porte médio (Maçã, D’Angola, Terrinha, Figo);
  • 3,0 x 3,0 m a 3,0 x 4,0 m para as variedades de porte alto (Terra, Comprida, Maranhão, Prata, Pacovan).

Esses parâmetros foram definidos pela Embrapa, e norteiam a prática comercial da bananicultura.

Se você gostou de descobrir quantas mudas de banana por hectare são necessárias, compartilhe esse artigo. Compartilhe principalmente se conhecer algum aspirante a produtor rural. Repasse essas dicas adiante.

Continue navegando em nosso site e leia outros artigos também.

Até as próximas leituras.

REFERÊNCIAS

CHITARRA, A. B.; CHITARRA, M. I .F. Manejo pós-colheita e amadurecimento comercial de banana. Pesq. agropec. bras. Brasília-DF, v. 19, n. 6, p. 761-71, jun. 1984;

GloboPlay. Excesso de mudas junto ao pé de banana pode prejudicar o crescimento da planta. Disponível em: < https://globoplay.globo.com/v/3552655/>;

LIMA, M. B.; ALVES, E. J. Agência de Informação- EMBRAPA. Banana- Espaçamento e densidade. Disponível em: < https://www.agencia.cnptia.embrapa.br/Agencia40/AG01/arvore/AG01_73_19122006104854.html>;

Secretaria especial de agricultura familiar e do desenvolvimento agrário. Casa Civil. O que é agricultura familiar. Disponível em : < https://www.mda.gov.br/sitemda/noticias/o-que-%C3%A9-agricultura-familiar>.

Veja também

Trigo de Verão: Características, Nome Científico e Fotos

O trigo de verão, são gramíneas popularmente conhecidas como coix, originárias da Índia e agora …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *