Home / Plantas / Quais São os 5 Tipos de Rosas?

Quais São os 5 Tipos de Rosas?

Para os amantes de flores, hoje vamos falar sobre a preferência nacional chamada rosa. E essa flor possui uma variedade grande de espécies, nem sempre sabemos qual a variedade estamos comprando ou fotografando. Por isso trouxemos algumas informações bacanas para te ajudar a tirar essa dúvida, existem variedades bem famosas e outras nem tanto. Na hora de comprar nem sempre é fácil categorizar as espécies, mas entender um pouco mais sobre elas fica mais fácil de entender.

Existem claro aquelas que podemos ver sempre enfeitando os jardins por aí, e elas com certeza a preferência nacional quando o assunto são flores. Com tantas  opções de flores que temos não adianta, as rosas continuam sendo as mais cultivadas e amadas por seus fãs.

Aliás, essa é a flor preferida dos criadores de perfume, pois as rosas são tão perfumadas que rendem perfumes muito incríveis. Inclusive perfumes amados por muitos, como é o caso do channel nº 5 levam o aroma dessas flores em sua composição.

Quais São os 5 Tipos de Rosas?

Botão de Rosa
Botão de Rosa

Essa é uma resposta bem complexa, pois não existem apenas 5 tipos de rosas, mas sim um número de espécies maior que 200 disponíveis. Ao longo do tempo foi preciso selecionar as variedades que deveriam ser cultivadas, e conseguiram separar 30 mil tipos de roseiras.

Não foi um trabalho fácil, porque eram muitas e todas lindas e cheirosas, foi preciso eleger as mais bonitas e perfumadas. A categorização das roseiras funciona assim: toda roseira é uma lenhosa, mas nem todas são classificadas dessa maneira. A maioria delas são arbustos sim, mas também temos roseiras escandentes e cobre solos.

Essas flores são conhecidas cientificamente como Rosaceae. Como pudemos ver elas nunca serão idênticas, qualquer mínimo detalhe como na aparência das pétalas, no seu tamanho e nas roseiras podem fazer toda a diferença. Todas essas rosas possuem o seu caule ramificado, elas crescem em ramos e não em um único tronco por exemplo. Mas como cada uma delas ramifica de uma forma diferente, elas foram classificadas em grupos. É o que vamos conhecer agora.

Roseira Arbustiva

Esse tipo de roseiras podem ter diversos formatos, sendo menores ou maiores, elas são lindas e possuem muitas folhas. Elas crescem bastante, mas isso vai depender do local de plantio, caso seja favorável ela pode alcançar 2m de altura. Ela é bem fácil de ser cultivada, além disso é muito resistente e por isso muitos gostam dela.

As rosas surgem nesse tipo se roseira são graciosas, imponentes e possuem as suas pétalas bem definidas, parecem ter sido desenhadas a mão. O crescimento é bem rápido, elas dão entre 3 e 4 botões de rosas. Elas se adaptam melhor naqueles lugares onde as estações do ano são bem definidas, mas podem sim se adaptar a outros climas.

Rosa Híbrida de Chá

Essas rosas são do tipo híbrido, mas fazem parte da mesma família das outras, as suas pétalas têm um formato diferenciado das outras, ela é mais redondo e não padronizado. Além disso, elas possuem um aroma único e ainda mais intenso que as outras rosas. Ela é encontrada com uma grande variedade de cores, o nome escolhido é por conta do seu aroma único muito parecido com o do chá preto chinês.

Essa flor é resultado do cruzamento de duas espécies de rosa, a rosa- chá com outra rosa híbrida, o híbrido perpétuo. Esta espécie é resistente e de fácil cultivo. Importante ressaltar que essas rosas necessitam de luz direta a maior parte do tempo para conseguir florescer. Elas podem ser plantadas no solo ou também em vasos, desde que o preparo seja adequado ela vai se desenvolver muito bem.

Rosa Chinensis

Essas mini rosas originárias da China são realmente mini, elas crescem bem pouco e não ultrapassam de 60 cm, além disso as suas pétalas também são menores, essa é a principal diferença dessa para outras rosas mais comuns. Elas são fáceis de serem cultivadas, ficam lindas em vasos decorativos. Elas podem ser encontradas em 4 cores: branca, amarela, vermelha e cor de rosa. Elas apreciam mais o clima frio, mas podem tolerar um clima mais quente se receberem a quantidade certa de água.

Rosas do Tipo Rasteiras

Essa é uma rosa de pequeno porte, mas são resistentes e se chamam assim porque tomam o solo onde é cultivada. Elas podem ser encontradas em uma diversidade de cores, e geralmente não é difícil seu cultivo. Essa planta aprecia o clima temperado.

Se preocupe em plantar em um local que tenha bastante espaço para o seu desenvolvimento, pois ela vai se espalhando e tomando conta de tudo. Elas podem gerar flores o ano todo, e outras podem gerar flores apenas 1 vez ao ano. É um tipo de rosa resistente a doenças e são bem bonitas e charmosas.

Rosa Sempre Floridas

Apesar do nome engraçado, essa se trata de uma rosa perene, ou seja, elas ficam a maior parte do ano abundantemente floridas. Essa espécie possui espinhos, ela pode ser de pequeno a médio porte, sua altura máxima é de 80 cm. As pétalas dessa flor tem um formato único e aprecia o clima temperado.

Silva-macha

Essa também é conhecida como rosa silvestre, é bem diferente das outras. As pétalas dessa espécie são mais abertas, no miolo um tom amarelo. Inclusive poucos sabem que esse tipo de rosa é utilizado para fazer chá, pois possui antioxidantes importantes.

Mas não para por aí, pois ela também tem muita vitamina C, por esse motivo é tão utilizada como um tratamento natural super efetivo prevenindo doenças também. É importante enfatizar que essa espécie também possui espinhos.

Dicas de Cuidados com as Rosas

Saiba que as rosas adoram receber sol, por isso sempre as deixe em um local que receba muita luz.  Escolha jardins abertos e bem ventilados e iluminados para elas. Prepare o solo com carinho, um solo fértil e rico vai deixá-las bem vistosas.

Veja também

Pé de Limão no Vaso

Pode Plantar Limão em Vaso?

Se você gosta muito de limão e adoraria poder colher limões frescos diretamente do seu …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.