Home / Plantas / Quais São as Flores Mais Raras do Mundo?

Quais São as Flores Mais Raras do Mundo?

Na natureza, podemos ver plantas de todos os tamanhos e cores. Atualmente, existem cerca de 425.000 espécies catalogadas em todo o mundo. Embora algumas delas tenham formas realmente estranhas, o que as torna realmente especiais é sua escassez. Sendo assim, você sabe quais são as flores mais raras do mundo?

Nesse artigo, vamos falar de algumas belezas que dificilmente são encontradas, mas que encantam assim mesmo. Confira!

As flores mais raras nos quatro cantos do mundo

Flor Kadupul

A particularidade desta linda flor branca é o tempo de floração limitado: um evento tão fugaz que raramente pode ser visto. A flor abre depois da meia-noite e morre antes de amanhecer.

Devido ao seu murchamento, é também a flor mais absurdamente cara de todo o universo. De fato, não tem preço, porque ninguém teve tempo suficiente para vendê-la. É nativa do Sri Lanka, mas é encontrada também na Austrália.

Flor Cadáver (Amorphophallus Titanum)

Originalmente de Sumatra, no oeste da Indonésia, além de ser uma das flores mais raras do mundo, a flor cadáver também é a mais estranha. Pode atingir até 3 metros de altura e produz um cheiro desagradável que lembra carne podre.

Isso, combinado com uma cor vermelha intensa em seu núcleo e uma temperatura incomumente quente durante a floração, atrai insetos que usa para polinização.

Flor de Udumbara (Youtan Poluo)

Originalmente nascida da China, a flor de Udumbara é uma das flores mais raras do mundo. Durante séculos, pensou-se que o florescimento dessas flores brancas pequenas era uma lenda, que só aparecia nos livros budistas. Diz-se que apenas floresce de 3.000 a 3.000 anos. Em Seul, essas flores foram descobertas na cabeça de uma estátua de Buda.

Nepenthes Attenboroughii

Essa planta estranha foi encontrada pela primeira vez em 2007 e, desde então, aparece nas listas das 100 espécies mais ameaçadas do mundo. É uma enorme planta carnívora que pode atingir até um metro e meio de altura, tendo sua origem nas Filipinas.

Videira de Jade

As incomuns pétalas de cor verde-marinha e roxas da flor da videira de jade fazem dela, sem dúvida, uma das flores que são mais impressionantes da nossa lista.

As flores curvas, que são extraordinariamente duráveis ​​em sua textura, são inclinadas e polinizadas por morcegos. Estes pendem das videiras para coletar o néctar nessas plantas.

Devido ao desmatamento, esta espécie está agora listada como em extinção. Portanto, são as flores mais raras do mundo, extremamente preciosas.

É originalmente do Havaí e das Filipinas.

Silene Tomentosa

Essa é a única flor dessa lista que “foi trazida de volta dos mortos”, por assim dizer. Em 1992, a flor Silene tomentosa foi tida como extinta devido à sua destruição de seu habitat, mas, no ano de 1994, redescobritam-na em crescimento na Reserva Natural de Peñón.

Desde então, grandes esforços foram feitos para continuar sua propagação. Graças ao trabalho do Kew Botanical Gardens, em Londres, agora foi reintroduzido no Rochedo de Gibraltar.

Middlemist Vermelha ou Middlemist Camélia

Esta é provavelmente uma das flores mais raras do mundo, com apenas dois exemplares conhecidos: o da Nova Zelândia e o do Reino Unido.

Na Chiswick House, oeste de Londres, você pode ver a impressionante Middlemist vermelha. Ela foi trazida para este país há 200 anos por John Middlemist.

Originalmente da China, essa espécie agora é encontrada somente no Reino Unido e na Nova Zelândia.

Orquídea Fantasma (Epipogium aphyllum)

É quase como se essa orquídea fantasma quisesse ser mesmo uma das flores mais raras do mundo. Não possui folhas, tem tempos de floração imprevisíveis e requer uma árvore hospedeira muito específica para crescer.

Essas flores são uma espécie protegida devido à raridade de suas aparições. A penalidade pela eliminação ou alteração delas pode envolver prisão.

É originalmente encontrada no Reino Unido, embora alguns relatos citem o Japão e a Rússia.

Chocolate Cosmos (Cosmos Atrosanguineus)

Infelizmente esta linda florzinha se extinguiu na natureza. O único exemplo encontrado é um clone que se reproduziu por propagação vegetativa.

O vermelho escuro e quase marrom dessas flores coloridas inclui um anel de seis a dez pétalas. Assim, emite um aroma doce de baunilha, remanescente de grãos de cacau ou vagens, que lhe dão o nome comum.

A Chocolate Cosmos é originária do México, antes de se extinguir.

Flor Bico de Papagaio

O bico do papagaio é uma das flores incrivelmente bonitas e uma das flores mais raras do mundo. É nativa das Ilhas Canárias e cresce como o bico de um papagaio, daí, o nome.

É também uma das flores que está ameaçada de extinção, sendo que apenas algumas espécies foram salvas. Estas podem ser vistas sob a proteção da lei.

Kokia cookei

Descoberta pela primeira vez nas ilhas havaianas no final do século 19, existem quatro espécies em seu gênero. Todas estão extintas na natureza ou estão em perigo de extinção. Essas flores são difíceis de cultivar e produzem exemplares de tom vermelho-alaranjadas anualmente.

Raffalesia Arnoldii

A Rafflesia Arnoldii é a maior flor de florescência do mundo, à medida que crescem em uma área de um metro e meio e pesam até cinco quilos. Elas também são conhecidas como as maiores flores de todo o universo.

É uma das três flores nacionais na Indonésia. As outras duas são jasmim branco e orquídea da lua. No ano de 1993, foi oficialmente declarada como uma das flores mais raras do mundo pelo Decreto Presidencial. Uma característica única é que não tem raízes e folhas.

A Rafflesia Arnoldii apresenta-se sob raridade porque muitos turistas insistem em colhê-las para decoração ou para uso medicinal. Essa flor não possui clorofila e, portanto, não pode sofrer fotossíntese.

Hieracium Snowdoniense

Hieracium snowdoniense é a única planta conhecida que cresce na plataforma rochosa e íngreme, além de no penhasco inacessível da montanha, voltada para o norte.

Uma das flores mais raras já existentes tem crescido historicamente em grandes altitudes entre 300 e 900 m acima do nível do mar. A principal razão pela qual a flor é difícil de reproduzir é por causa do habitat incomum e também de alguns outros fatores que geralmente favorecem a altitude.

Veja também

Como Usar a Canela Para Emagrecer?

A canela, assim como o cravo, noz-moscada, gengibre, açafrão, pimenta-do-reino, cúrcuma e outros, é considerada …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *