Home / Plantas / Planta Azaleia Mini: Altura, Tamanho, Características E Fotos

Planta Azaleia Mini: Altura, Tamanho, Características E Fotos

As azaleias são flores verdadeiramente maravilhosas, mas tem um tipo delas que se destaca bastante, que são as chamadas mini azaleias. Já ouviu falar? Pois bem, são de fácil cultivo e embelezam muito o ambiente onde ficam.

A seguir, vamos saber mais a respeito dessas flores muito interessantes.

Mini Azaleias: Um Pequeno Dossiê

Nativas do leste dos EUA, essas plantas atingem de 2 a 3 m de altura mais ou menos. De nome científico Rhododendron catawbiense, esse exemplar de azaleia é perfeito para aqueles que desejam forrar vasos e canteiros, devido ao pouco espaço que ocupam. Essa espécie miniatura, por sinal, tem o mesmo comportamento da planta mãe (a Rhododendron simsii). Ou seja, só floresce entre o outono e o inverno, preferindo temperaturas mais amenas.

Ela cresce, em especial, nas encostas das montanhas e em picos de altitudes elevadas, em particular, na Virgínia, na Carolina do Norte e na Geórgia. Foi uma flor descoberta nas proximidades do rio Catawaba, na Carolina do Norte, no ano de 1809, pelo botânico escocês John Fraser.

Sua casca tem uma coloração cinza-amarronzada, e que desenvolve escamas finas com o passar de sua idade. A mini azaleia, inclusive, é bastante usada na produção de híbridos que sejam resistentes ao frio, já que, originalmente, as azaleias vêm das partes mais frias do continente asiático.

Suas folhas são grandes (podem medir até 15 cm de comprimento), simples, brilhantes, e com um verde escuro bem característico. Por sinal, a planta mantém a sua folhagem durante o ano todo, contanto que as condições climáticas sejam favoráveis ao seu desenvolvimento, e elas sejam bem cuidadas.

Já as flores da mini azaleia, por sua vez, podem ser de várias cores, como, por exemplo, brancas, vermelhas, arroxeadas ou rosas. Elas desabrocham, geralmente, no final da primavera, em aglomerados compactos, cada um possuindo de 15 a 20 flores. Cada uma possui cerca de uns 20 mm de comprimento.

Como Plantar Uma Mini Azaleia Corretamente?

Para cultivar essas belas flores, o primeiro passo é ter um solo que seja ácido e que retenha umidade, mas que seja bem drenável. Esse tipo de azaleia se dá muito bem com sol pela manhã, contanto que tenha meia-luz no período da tarde. No verão, é uma planta que gosta de temperaturas mais frescas, e é importante nunca deixar as raízes secarem.

No inverno, é fundamental que as mini azaleias estejam protegidas de ventos muito fortes. Uma dica é não deixar as flores perto ou embaixo da linha de gotejamento de árvores da família das nogueiras, pois as azaleias em geral são sensíveis a substâncias tóxicas oriundas das raízes dessas árvores.

Plantar Uma Mini Azaleia no Vaso
Plantar Uma Mini Azaleia no Vaso

Se o solo for demasiadamente argiloso, canteiros ou plantações elevadas são uma solução viável. Para reter a umidade do solo, é recomendável usar fragmentos de madeiras ou cascas de pinheiros. Dessa forma, até a temperatura do solo fica ma mais adequada possível para auxiliar na saúde da planta.

Com relação à poda, por exemplo, eis aqui um tipo de flor que não necessita tanto desse procedimento. O que precisa ser feito de vez em quando é retirar os galhos que estejam mortos, danificados ou simplesmente doentes. O ideal é fazer isso em qualquer época do ano. Aproveite também para remover as treliças de flores já gastas após o florescimento. Assim, você direciona a energia da planta para os locais certos.

Caso você queira remodelar a flor, pode fazer a chamada poda de luz, selecionando apenas galhos cobertos, recortando um pouco acima de um cacho de folhas. Agora, se você quer uma remodelação mais radical, espere até o inverno, e corte acima de 2 cm mais ou menos acima de um botão.

Podando Azaleia
Podando Azaleia

Por fim, podemos falar das regas. Caso elas estejam em solo bem drenáveis (e esse é um requisito básico para elas), rapidamente essa parte irá secar, necessitando de mais água. No primeiro ano de vida da flor, as regas devem ser feitas, pelo menos, 2 vezes por semana. Nas próximas estações, o mais recomendável é regar umas 4 vezes por semana, especialmente nos dias mais secos do ano. Só é preciso tomar cuidado para, evidentemente, não encharcar a planta.

Problemas Com Pragas E Doenças Em Geral

Aqui está o grande calcanhar de aquiles dessas plantas, pois as Rhododendrons são bastante suscetíveis a ataques de insetos e doenças em geral. Em se tratando de insetos, por exemplo, os mais comuns que podem aparecer nas mini azaleias são as brocas, as cochonilhas, os ácaros e as moscas brancas.

Já em se tratando de doenças, as que mais acometem essa planta são o cancro, a mancha foliar, a ferrugem e o oídio. É como que muito sol possa fazer as folhas caírem. Ainda tem a questão de que se o solo não tiver uma boa drenagem, as raízes podem apodrecer facilmente.

Em solos argilosos e mal drenados, por sua vez, a planta pode se tornar suscetível à chamada raiz de Phytophthora (que nada mais é do que a podridão das raízes da mini azaleia), ou mesmo a podridão da coroa.

Praga em Azaleia
Praga em Azaleia

É por isso que essa planta precisa dos cuidados que citamos aqui, como o tipo de solo, de luminosidade, e por aí vai, pois somente assim a mini azaleia terá grande probabilidade de sempre ficar saudável, evitando assim o aparecimento de pragas e doenças que possam facilmente destruir suas flores.

Principais Usos Das Mini Azaleias

De um modo geral, podemos dizer que os usos para essa planta são bem limitados. Basicamente, ela é cultivada como planta ornamental, sendo uma espécie bastante popular tanto na América do Norte, quanto na Europa.

É especialmente na primavera que essas flores são exibidas por quem cultiva plantas ornamentais com regularidade. Além do seu tipo nativo, muitos híbridos foram criados, principalmente em lugares de clima frio, como é o caso da Purple Elegans, da Roseus Elegans e da Grandiflorum.

Mas, de um modo mais amplo, é só isso mesmo. Justamente por serem muito bonitas, as mini azaleias funcionam muito bem como plantas ornamentais, e nada mais do que isso. Porém, o conjunto de sua beleza é tanto que realmente não precisa mais do que isso, não é verdade?

Veja também

Como Plantar, Cultivar e Fazer Muda de Pé de Ameixa em Vaso?

Será que se pode plantar o caroço que sobrou da ameixa que a pessoa comeu? …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *