Home / Plantas / Nectarina Precoce de Itupeva: Características, Muda e Fotos

Nectarina Precoce de Itupeva: Características, Muda e Fotos

Você conhece a variedade de nectarina Precoce de Itupeva? Neste artigo, conheça algumas características e saiba mais sobre a fruta.

Há muito tempo atrás, acreditava-se que a nectarina era o resultado do enxerto de um galho de uma ameixeira em um pessegueiro ou o fruto do cruzamento entre essas duas árvores.

No entanto, estudos indicam que a fruta se originou de uma variedade de pessegueiros nativos da China, a Prunis persica nucipersica.

Prunis Persica Nucipersica
Prunis Persica Nucipersica

Uma descrição de um tipo de pêssego com pele lisa foi encontrada em textos franceses do século XVI.  Nos textos, a fruta era chamada de brugnon. Dessa forma, até meados do século XIX, todos os pêssegos de pele lisa eram conhecidos como brugnon na França.

Já no século XX, foi desenvolvido um novo cultivar de nectarina no Brasil, o qual recebeu o nome ‘Precoce de Itupeva’. O Instituto Agronômico de Campinas chegou a esse resultado por meio do seu programa de melhoramento genético.

Nectarina Precoce de Itupeva: Características

A nectarina Precoce de Itupeva foi obtida através de cruzamentos entre cultivares de pêssego locais e nectarina provenientes da Flórida, EUA. Os frutos possuem polpa branca, caroço solto e sabor doce-acidulado, sendo que o doce supera a acidez.

A fruta apresenta tamanho médio a grande, seu peso varia entre 90 e 100 gramas, possui pele lisa de cor amarelo-creme com tons de cor vermelho-vivo. A nectarina Precoce de Itupeva tem textura macia, é suculenta, possui sabor agradável e o tamanho do seu caroço varia de pequeno a médio.

A árvore que dá origem ao fruto possui ramos frutíferos ralos e bem desenvolvidos. Além disso, apresenta alta produtividade. O nome ‘Precoce de Itupeva’ foi atribuído à fruta porque os produtores do município de Itupeva, SP, foram os primeiros a se interessar pelo cultivo da nova variedade.

A nectarina Precoce de Itupeva é uma opção para o cultivo de nectarina em regiões de inverno brando. Em razão da sua época de maturação e colheita, o cultivo dessa variedade proporciona um maior período de safra e, consequentemente, mais vantagens para o produtor.

Visto que os frutos apresentam polpa branca e cores menos chamativas do que as variedades conhecidas, eles podem parecer incomuns e enfrentar certa resistência no mercado. No entanto, seu sabor adocicado pode agradar uma boa parte dos consumidores.

Nectarina: Tudo Sobre a Fruta

A nectarina é uma fruta arredondada, com carne suculenta e caroço, semelhante ao pêssego. Apresenta pele lisa, como uma ameixa, e pode ser consumida com ou sem casca.

Diferentes variedades desta fruta foram cultivadas ao longo do século XVII, mas a nectarina foi de fato introduzida nos Estados Unidos no século XVIII e então passou a ser cultivada em todo o país, especialmente na região da Califórnia.

As nectarinas não contêm proteína ou gordura, mas possuem carboidratos, fibras, minerais, vitaminas e muita água. Elas são ricas em antioxidantes, especialmente carotenos. A cor da carne influencia em algumas propriedades nutricionais da fruta.

A nectarina é uma das frutas carnudas com maior teor de vitamina B3. Essa vitamina participa do metabolismo de nutrientes, promovendo a degradação do colesterol e, portanto, ajudando a reduzir seu nível no sangue.

A nectarina é uma variedade de pêssego. Pode ser chamada de pêssego sem pelos e é fruto de uma mutação genética. Ela apresenta tons mais vívidos e geralmente é menor do que um pêssego. Sendo uma variedade espontânea de pêssego, os pêssegos e as nectarinas são geneticamente equivalentes.

Nectarina: Cultivo E Colheita

A árvore de nectarina é muito parecida com o pessegueiro. Por esse motivo, ambas compartilham características comuns, como sensibilidade a baixas temperaturas e necessidade de luz para produzir frutos.

A árvore é decídua, relativamente pequena e com um sistema radicular ramificado e superficial. Ela não suporta temperaturas abaixo de -15º C, sendo que a longa exposição a baixas temperaturas e a falta de abundante luz solar prejudicam a produção de frutos saudáveis.

A cultura da nectarina é um fenômeno interessante, visto que os pessegueiros podem ser criados a partir de sementes de nectarina e também podem nascer espontaneamente a partir de sementes de nectarina.

A colheita da nectarina no hemisfério Norte ocorre durante o mês de maio e a fruta é vendida até o final de julho. Na Espanha, as províncias com maior produção são Sevilha e Huelva, sendo que uma quantidade significativa de sua produção é destinada à exportação.

Cultivo da Nectarina
Cultivo da Nectarina

É possível encontrar nectarinas em diferentes épocas e diversas partes do mundo, pois além de ser produzida no Brasil, ela também é cultivada na África do Sul, Argentina, Chile, Nova Zelândia, Estados Unidos, entre outros.

Nectarina: Curiosidades

As nectarinas quase sempre são colhidas antes de amadurecer para facilitar seu transporte. Elas podem ser armazenadas em temperatura ambiente até que estejam maduras. Caso estejam muito maduras e seja preciso guardá-las por mais tempo, é recomendado mantê-las na geladeira ou no congelador.

Na hora de escolher nectarinas, lembre-se de que a intensidade da cor da pele de uma nectarina não é sinal de maturação, visto que essa característica varia de acordo com o tipo da fruta. Você deve optar pelas frutas macias, com cheiro agradável e pele sem manchas.

Nectarinas geralmente são vendidas frescas quando chega a época, mas também podem ser encontradas congeladas ou enlatadas. Não é preciso descascar a nectarina fresca, mas é recomendado lavar bem a fruta em água corrente antes de consumir. As frutas podem ser utilizadas em saladas de frutas, sorvetes, compotas, tortas e espetinhos de frutas.

A nectarina é cultivada há alguns séculos. É uma fruta bastante conhecida na Inglaterra desde o final do século XVI mas, por razões desconhecidas, não esteve presente nos mercados europeus por um longo tempo no passado.

Atualmente, seu consumo têm aumentado no mundo, sendo impulsionado por países como França, Reino Unido e Alemanha.

Além da nectarina Precoce de Itupeva, existem muitas outras variedades da fruta que apresentam sutis diferenças na cor, no tamanho e no sabor.

A palavra nectarina vem de “néctar”, sendo relacionada ao delicioso sabor da fruta.

Gostou do artigo? continue navegando no blog para ler mais e compartilhe este artigo em suas redes sociais!

Veja também

Como se Faz Saião com Leite? Para que Serve?

O saião (nome científico Kalanchoe brasiliensis) é uma planta medicinal que também pode ser conhecida …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *