Home / Plantas / Flor Astromélia Marsala: Características, Cultivo e Fotos

Flor Astromélia Marsala: Características, Cultivo e Fotos

Por sua durabilidade, beleza e cor que contrasta com o branco, a flor astromélia marsala tem sido a preferida das noivas na hora de decorar a igreja, salão e bolo, e muito usada na confecção do buquê das noivas. Sua beleza realça na cor marsala e confere ao ambiente um ar alegre e sofisticado.

A cor marsala fica entre o vermelho acastanhado e o vinho amarronzado, uma tonalidade requintada que, além de combinar divinamente com o branco, vai bem com as cores metálicas, bronze e ouro.  Muitas noivas preferem combinar a flor astromélia marsala com as cores rosê e marfim. Outras com tons de azul, que traz ares de modernidade.

O fato é que, contrastando com qualquer cor, a flor astromélia marsala é tendência em festas, a “queridinha” das noivas, pois dá um toque especial a qualquer evento, tornando-o diferenciado, seja simples ou luxuoso.

O significado da flor astromélia (Alstroemeria Hybrida) é muito nobre, por ser ligado à amizade eterna e à felicidade plena. Simboliza também a saudade, o agradecimento, a riqueza, a prosperidade e a fortuna. Por isso, se for presentear um amigo, aposte nesta flor, que simboliza este vínculo tão belo que existe entre duas pessoas.

Seu nome foi escolhido em homenagem ao botânico Clas Alströmer, por seu amigo Carlos Linneo, que quis eternizar o sueco por ter colhido suas sementes em 1753, durante viagem à América do Sul.   O gênero Alstroemeria apresenta mais de 50 espécies, que modificadas geneticamente transformam-se em mais de cem cores muito admiradas pelo mundo todo, em especial a cor marsala.

Como flor é resistente e bela, é muito comercializada como flor de corte e está disponível em mais de cem variações de cores nas floriculturas. Pode ser adquirida como arranjos, em buques ou vasos, ou mesmo misturadas com outras flores, em forma de buquê. Depois das rosas é a preferida das noivas, que fazem lindos buquês coloridos, que contrastam com seus vestidos brancos.

Chamada popularmente de lírio-dos-incas, lírio-de-luna, madressilva brasileira, madressilva da terra, ou alstroméria, a planta tem como origem países da América do Sul, como Brasil, Peru e Chile.  É classificada como planta herbácea, rizomatosa e florífera, preferindo o clima continental e equatorial.

Lírio-Dos-Incas
Lírio-Dos-Incas

Para quem tem espaço e o dom de cultivar plantas em casa, a astromélia é uma boa opção para deixar seus canteiros com colorido de festa, ou aquele cantinho com vasos, mais alegre e atraente. Você só precisa escolher bem a planta, em um local de confiança, que garanta seu estão de saúde, ter um bom espaço e alguns cuidados especiais.

Astromélia no Jardim

  • A distância entre uma planta e outra deve ser de 50 centímetros, no mínimo, pois ela forma grandes touceiras.
  • Por ter rápida dispersão, é considerada planta invasora.
  • Deve ser podada frequentemente para não crescer de forma desordenada e dar ao seu jardim um ar de abandono.
  • Cresce e floresce melhor em pleno sol ou meia sombra.
  • Por necessitar de sol intenso, se desenvolve mais rápido em climas Equatorial, Temperado, Continental, Mediterrâneo e Tropical.
  • Não gosta de geada, mas suporta bem o frio e períodos de estiagem curtos.
  • É comum ser atacada por fungos, por isso precisa ser sempre vistoriada e, se for necessário, ter caules e folhas doentes removidos.
  • Gosta de terra bem adubada, um pouco ácida, drenável, rica em matérias orgânicas e bem irrigada.
  • Para ter plantas mais saudáveis e floridas, dê preferência a fertilizante líquido e mudas híbridas que resistem mais às pragas e ao tempo.
  • Ou então, uma vez por mês revire a terra em seu entorno e a enriqueça com compostos naturais.
  • As plantas são multiplicadas por divisão. Ao separar as mudas, tome cuidado para não danificar os rizomas.
  • Se quiser plantá-la em vaso, pode utilizar um recipiente com 15 centímetros de profundidade, não se esquecer de deixa-lo ao sol e regá-lo. As regas devem ser feitas dia sim dia não, ou pelo menos duas vezes por semana, sem deixar o solo encharcado para que a raiz não apodreça.

Astromélia em Vaso

Astromélia em Vaso
Astromélia em Vaso
  • Na água a flor permanece até 20 dias bonita, desde que todos os dias tenha a água trocada e os caules cortados em pelo menos um centímetro.
  • Não sobrevive ao frio, por isso deve ser conservada em ambiente bem quente.

Características da Flor Astromélia

  • Diferencia-se de outras flores por possui pétalas em dois formatos distintos: pontiagudo e arredondado.
  • Sua cor original é rosa claro, mas geneticamente modificada pode ser encontrada em muitas cores, dentre elas as cores: branco, rosa, laranja, amarela, lilás e vermelha, em várias tonalidades, rajadas ou manchadas.
  • Diferente das outras flores, tem várias flores em um mesmo caule.
  • Não gosta de baixa temperatura.
  • Sua inflorescência acontece durante o ano todo, mas é potencializada durante a primavera e o verão, deixando os ambientes extremamente coloridos e atraentes.
  • É uma flor que não tem perfume.

Características da Planta

  • É uma planta florífera, rizomatosa e herbácea.
  • Tem raízes como as da dália, carnosas e fibrosas, muitas vezes tuberosas.
  • Algumas espécies do gênero têm raízes comestíveis, utilizadas para farinha, pão e outros produtos alimentícios. Mas tome cuidado: as raízes devem ser escolhidas por especialistas que entendam do negócio, pois algumas espécies podem ser tóxicas.
  • Possui caules eretos que ramificam na altura de 20 a 25 centímetros de altura, chegando a planta a atingir 50  60 centímetros, em sua altura total.
  • As folhas são elípticas e oblongas e agem de forma interessante: são retorcidas na base, deixando a parte inferior para cima e a parte superior para baixo.
  • A inflorescência ocorre no término do caule em forma de buquês com várias flores.
  • As flores são polinizadas pelas abelhas e produzem sementes duras, arredondadas e pequenas.
  • A maioria das astromélias são propagadas em laboratórios.
  • Cerca de 190 cultivares de astromélias e muitos híbridos foram desenvolvidos com cores e marcas diferentes e são comercializadas em forma de plantas e flores.
  • Se ficar em um ambiente muito quente, a planta deixa de produzir flores.
  • É uma planta de ciclo perene, isto é, pode florescer durante o ano todo.
    Buquê de Astromélia Vermelha
    Buquê de Astromélia Vermelha

Classificação Científica

  • Gênero – Alstroeméria hybrida
  • Família – Alstroemeriaceae
  • Categoria – Bulbosas, Flores Anuais, Flores Perenes
  • Clima – Continental, Equatorial, Mediterrâneo, Subtropical, Temperado e Tropical
  • Origem – América do Sul
  • Altura – 40 a 60 centímetros
  • Luminosidade – Meia Sombra, Pleno Sol

Veja também

Tudo Sobre a Clerodendro: Características, Nome Cientifico e Fotos

O nome etimológico do clerodendro vem de kleros que significa ‘clero’ e dendro que significa …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *