Home / Plantas / Ficha Técnica Da Flor Jasmim-Dos-Poetas: Raiz, Folhas E Caule

Ficha Técnica Da Flor Jasmim-Dos-Poetas: Raiz, Folhas E Caule

É inegável que existem flores muito exuberantes ao redor do mundo. Hoje, falaremos o Jamim-dos-poetas, uma dessas flores magníficas que temos à disposição na natureza, especialmente de como cultivá-la e colocar essa linda flor em sua casa ou jardim.

Características dessa Flor

Essa espécie aqui é uma das trepadeiras mais usadas para a confecção de cercas vivas e também para decorações do tipo “coroamento” de partes estruturais de jardins. De nome científico Jasminum polyanthum, essa planta apresenta lindas flores brancas, com tonalidades que variantes de rosa, e cujas folhas são verde-claras.

O crescimento desse jasmim  de dá de maneira circular, enrolando-se onde puder, seja em colunas, seja em arcos. O crescimento dos seus ramos é intenso, chegando a incríveis 6 metros de altura, o que proporciona uma cobertura ampla do local onde ele está plantado. Uma utilidade bem prática para o jasmim-dos-poetas é cobrir caramanchões.

Sendo uma trepadeira semi-herbácea, esse jasmim possui muitos ramos e é de fácil crescimento. A flor é famosa por exalar um perfume bem característico, e seus ramos são avermelhados, com folhas pinadas. As inflorescências possuem várias flores, com botões rosas e panículas abertas com pequenas flores brancas.

Uma das suas características principais é ser de fácil cultivo e manutenção, e é justamente sobre isso que falaremos logo em seguida.

Como Se Dá O Cultivo Desse Jasmim?

Quanto ao plantio desse jasmim, ele deve ser feito em solo fértil, com pleno sol. Além disso, o solo precisa ser muito bem drenável, e estar repleto de material orgânico de boa qualidade. Já a irrigação precisa ser feita em intervalos regulares. Caso o clima de sua região seja ameno, melhor ainda, pois a planta crescerá em abundância.

Essa planta também precisa de podas de limpeza sempre que for necessário, e de cuidados anuais, especialmente, quanto a adubos. A sua multiplicação é feita através de estaquia, por meio de ramos semilenhosos, e que devem ser removidos logo após a floração para gerarem novas plantas. Há também a possibilidade de propagação através de sementes, alporquia e também mergulhia.

Importante salientar que pessoas que tenham grande sensibilidade a odores fortes devem evitar o plantio desse jasmim nas janelas de seus aposentos, visto que o perfume concentrado dessa planta pode causar enjoos.

De um modo geral, o cultivo dessa planta é algo bastante simples, ao contrário de muitas outras espécies de flores por aí. O solo, por exemplo, pode ser composto de muito adubo e mais um pouco de argila. Inclusive, se o plantio for feito através de mudas, o buraco na terra precisa ser maior do que o torrão da muda.

O abudo, especificamente, pode ser feito misturando em um baldo adubo animal de curral curtido, , com cerca de 30 gramas de composto orgânico, juntando ainda aproximadamente umas 100 gramas de farinha de osso, e misturando tudo até ficar bem uniforme. Em seguida, é colocar esse adubo bem no fundo do buraco, onde a muda ficará acomodada.

Durante aproximadamente uns 10 dias após o plantio, essa muda precisará ser regada todos os dias, e, após esse prazo, pode começar a ter regas regulares, umas três vezes na semana. Pela necessidade de fazer posteriormente a condução dessa trepadeira, o mais indicado é que a sua muda seja plantada próximo a cercas, muros e caramanchões.

E, como fazer mudas dessa planta?

Para se fazer mudas dessa flor, basta pegar os ramos do ponteiro, quando este já estiver sem flores. Isso acontece depois de sua fase de crescimento, após a primavera, na maior parte das vezes. O procedimento é cortar estacas com até 25 cm de comprimento, e remover as folhas da base para cavar a muda na terra.

Para plantar essa muda, o ideal é usar um adubo que seja bem leve, como, por exemplo, casca de arroz carbonizada, junto de quantidades de terra e areia de canteiro em partes iguais.

Em seguida, basta colocar em sacos de cultivo comuns, ou mesmo em caixotes, e enterrara as mudas cerca de uns  cm, molhando a terra imediatamente após o plantio. Depois, cubra com um plástico bem escuro, ou simplesmente deixe em local bastante protegido. É necessário que a umidade seja adequada para garantir o enraizamento.

Formas gerais de propagação

Caso você possua viveiros, por exemplo, seria bom fazer uso de hormônios de enraizamento nas mudas, pois, dessa forma, a propagação será maior e mais acelerada.

Logo após perceber que elas estão se desenvolvendo bem, e apresentando sinais de enraizamento da estaca, já é possível haver a remoção do plástico, transplantando essas mudas para abaldes ou sacos de cultivo (caso a técnica usada antes tenha sido em caixotes, é bom dizer).

Inclusive, para aqueles que trabalham especificamente com a propagação de plantas em geral, o Jasmim-dos-poetas é uma excelente pedida, já que a sua procura por paisagistas está cada vez maior, especialmente para a decoração de grades, muros e grandes jardins.

E, como usar essa planta para várias formas de paisagismo?

Para quem tem jardins, e construções adjacentes a eles, trepadeiras e cipós em geral são uma grande oportunidade de compôr uma paisagem muito bonita e requintada ao ambiente. Isso porque esse tipo de planta deixa qualquer espaço mais “vivo”, ocupando partes vazias do local, e deixando tudo mais harmonioso.

Muros, cercas, pergolados e tantas outras construções se dão muito bem com esse tipo de planta, ainda mais se tiverem como tela de fundo treliças, fazendo daquele espaço específico um canto mais privativo.

Vantagens não faltam, pois se trata de uma planta fácil de ser encontrada e cuidada, sendo um dos arbustos mais procurados por pessoas para fazerem todo tipo de paisagismo possível. Para quem tem chácaras e sítios, inclusive, é uma decoração ótima de se fazer. Porém, casas nas cidades também podem ser enfeitadas com esse tipo de jasmim, desde que, como mencionado anteriormente, ele não seja colocado nas janelas dos quartos.

Também conhecido como jasmim-rosa ou jasmim-de-inverno, o Jamim-dos-poetas vem se mostrando uma alternativa muito interessante para as amantes de flores decorarem seus ambientes sem muito esforço, e com uma planta que exige o mínimo possível para ser cuidada.

Veja também

Como se Faz Saião com Leite? Para que Serve?

O saião (nome científico Kalanchoe brasiliensis) é uma planta medicinal que também pode ser conhecida …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *