Home / Plantas / Ervilha Congelada é Saudável?

Ervilha Congelada é Saudável?

Mitos e lendas cercam os alimentos congelados. Alguns dizem que eles perdem todos nutrientes, outros dizem que o congelamento conserva estes nutrientes. Isso acontece com diversos alimentos que são versáteis, como o brócolis, a couve-flor, a ervilha e também diferentes tipos de carnes. Vamos esclarecer então o que de fato acontece com o alimento após ele ser congelado.

Antes destes esclarecimentos, vamos conhecer um pouco sobre as qualidades e os valores nutricionais da ervilha; ela é riquíssima em vitamina C, sendo uma das hortaliças que mais possuem tal vitamina, além de possuir as vitaminas do complexo B, E, K. Possui também minerais fundamentais para o correto funcionamento do organismo, tais como: o fósforo, o cálcio, o magnésio, entre outros. Também possui uma quantidade significativa de fibras, que são ótimas para o funcionamento do intestino e para digestão; elas são importantíssimas para nossa saúde e para nosso bem-estar.

A planta da ervilha produz as vagens e dentro destas vagens estão as ervilhas; existem tipos de ervilhas em que a vagem também é comestível e outras onde apenas o grão é apropriado para consumo.

Alimentos Congelados

O congelamento dos alimentos acontece para que eles possam ser consumidos em um prazo maior, mais longo, onde são conservados em freezers e em geladeiras a temperaturas menores que 0 grau; está ação pode trazer alguns benefícios, sendo que evita o desenvolvimento das bactérias.

Outros benefícios que é importante destacar a cerca dos alimentos congelados é de que: possuem fácil estocagem, possuem menor custo, maior praticidade e evita o desperdício. Mas o que muitas pessoas têm duvida é a respeito de seus nutrientes, se eles ficam ali, junto ao alimento, ou se o processo de congelamento inibe-os.

Os nutrientes dos legumes congelados sofrem cerca de 5% a 15% de perda de seus nutrientes, porém este é um dos métodos mais eficazes de conservar o alimento e ainda evita a perda da maior parte dos nutrientes, ainda ficando com 85% dos nutrientes originais. É uma perda, porém uma perda pequena.

Existem os alimentos específicos para serem congelados, como as carnes no geral, os legumes, as verduras e algumas hortaliças; existem outros tipos de alimentos que não são recomendados o congelamento, como por exemplo, algumas frutas (banana, pera e morango), bolos, pudins, saladas, derivados de ovo, etc.

Um importante aspecto que vale destacar quanto ao congelamento é referente às embalagens, você deve procurar sempre embalagens totalmente fechadas, para evitar o acumulo de água no alimento, e de preferencia faze-lo a vácuo, evitando que o ar fique na embalagem junto ao alimento. Nunca, em hipótese, descongele o alimento e depois volte a congelar, esse processo descaracteriza a cor, a textura e o sabor do alimento; só faça isso caso o alimento estiver cru (carnes).

É importante lembrar que alimentos como: pizzas, lasanhas e massas no geral, não devem ser congeladas após prontos, somente quando estiver cru; nunca congelar um alimento de massa depois de pronto, pois possuem muita quantidade de sal e gordura, podendo estragar e fazer mal a saúde com muita facilidade. De preferencia, quando for descongelar o alimento, deixe-o reservado na geladeira, não o deixe fora caso for carnes, legumes ou queijos; apenas deixe descongelando fora os doces e tortas.

Ervilha Congelada é Saudável?

Bom, se chegamos à conclusão que os alimentos congelados perdem pouquíssimas quantidades de nutrientes, por que com a ervilha seria diferente? Ela é muito saudável sim, mesmo quando congeladas, isso serve também aos alimentos como a couve flor, o brócolis, e tantos outros legumes que podem ser congelados.

Na ervilha a cor e a textura são mantidas como a original (in natura), seus valores nutricionais e suas vitaminas sofrem uma leve perca de 5 a 15%. As ervilhas quando compradas já congeladas, apenas os grãos são colocados na embalagem, as suas vagens não vem junto.

As ervilhas frescas ou congeladas são bem diferentes das ervilhas enlatadas, não as confunda; as enlatadas estão em conserva, de modo que são preservadas e difíceis de estragar, porém o seu tamanho e seu gosto não são o mesmo; elas geralmente parecem ficar um pouco “murchas”, não apresentando a textura e a coloração que desejamos, além de possuir um numero enorme de conservantes, que prejudicam a nossa saúde e “enganam” o organismo. Já quando congeladas, elas conservam a textura e a coloração, além do sabor, dando um aspecto visual e gosto bem mais agradáveis.

Propriedades da Ervilha Congelada

Vamos conhecer algumas propriedades nutricionais da ervilha congelada, como ela não deixa de ser saudável, ainda que preserva seus nutrientes.

Em 100 gramas do alimento congelado, estão presentes 80 calorias, quantidade significante, tendo em vista que ela é um alimento rico em teor energético, ou seja, possui uma ampla fonte carboidratos, cerca de 13%. Outros dados que valem destaque são: as fibras estão presentes em 4,20 gramas, possui 9,50 gramas de hidratos de carbono, é altamente proteica, com uma quantidade de 6 gramas de proteínas, ainda 35 miligramas de cálcio e 12 miligramas de vitamina C e 67 mg de vitamina A .

Ervilha Congelada Indo Para a Panela
Ervilha Congelada Indo Para a Panela

A ervilha além de tudo isso, ainda ajuda a regular os índices de colesterol, por causa da vitamina E presente na sua composição; pode fortalecer o sistema imunológico, devido a presença das vitaminas do complexo B e ácido fólico, também são essenciais no combate a anemia, devido aos minerais e as vitaminas nela presentes.

Como Consumir a Ervilha Congelada

Existem diversas maneiras de consumir a ervilha congelada, uma delas trata-se de fazer uma sopa ou ensopado, que fica uma delicia e é extremamente nutritivo; outra maneira de utilizar as ervilhas é fazendo tortas salgadas, as ervilhas dão um sabor diferenciado aos salgados.

Podem ser também consumidas de acordo com o seu gosto, pode usa-las em arroz, no macarrão, em purês, como complemento em diversos outros pratos. É possível fazer Guacamole com as ervilhas, e podem também ser usadas em saladas, e elas ainda estão presentes no famoso cuscuz.

A ervilha é um alimento de extrema utilidade na culinária, ainda mais quando falamos da culinária vegana, sendo um importante substituto das proteínas. Não deixe de consumir estas pequenas maravilhas que a natureza nos proporciona, pesquise as diferentes receitas que ela está presente e desfrute de seu delicioso sabor e de todos os seus benefícios.

Veja também

Trigo Semi Duro: Características, Nome Científico e Fotos

Existem alguns ingredientes na culinária de nosso país que são extremamente utilizados nas mais diversas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *