Home / Plantas / Damasqueiro: Mudas, Raiz, Folhas, Fruto, Como Cultivar e Fotos

Damasqueiro: Mudas, Raiz, Folhas, Fruto, Como Cultivar e Fotos

O damasqueiro possui o nome científico de Prunus armeniaca e tem as Rosáceas como família. A planta teve origem no continente asiático e pode chegar a medir quase nove metros. É sempre muito lembrado pelo fruto que produz: o damasco. Sua polpa é docinha e apresenta a cor alaranjada. Confira nosso artigo e conheça um pouco mais sobre o cultivo do damasqueiro.

Cultivo do Damasco

A planta apresenta flores logo nos primeiros anos de cultivo e podem aparecem ainda no inverno. Com o aparecimento do frio e da chuva, os frutos podem não vingar muito bem. Outra curiosidade sobre o surgimento dos frutos é que o vegetal realiza a autofertilização e as novas mudas nascem entre os meses de junho e julho.

Com apenas três anos de idade, o damasqueiro já começa a apresentar frutos. Além disso, é possível colher novos deles a cada dois anos. Um dado interessante sobre essa planta é que ela pode chegar a viver por mais de oitenta anos, sendo capaz de produzir frutos durante quarenta anos. O damasqueiro pode chegar a atingir a produção de  duzentos quilos de damasco no auge do seu desenvolvimento. Incrível, não é mesmo?

Apreciam solos férteis e com uma boa drenagem. Gosta de regiões mais alcalinas, onde o pH da terra fica entre seis e oito. Não se adaptam muito bem em solos arenosos. Além disso, gostam de sol pleno e as plantas devem ter uma distância de seis metros entre elas. Procure realizar o plantio na primavera, ok?

Outro ponto importante é reforçar o adubo a cada quatro anos. O damasqueiro aprecia solos muito férteis e precisa de muitos cuidados nesse aspecto.

Características do Damasqueiro

As flores do damasqueiro são bem sensíveis e podem sofrer com as baixas temperaturas e as geadas. Portanto, se você cultiva essa planta em áreas mais frias é importante proteger a planta dessas condições climáticas.

As abelhas e demais insetos são importantíssimos para polinização do damasqueiro, portanto, não é aconselhável utilizar pesticidas que possam prejudicar esses insetos, ok? Outra dica, é plantar nas proximidades do damasqueiro algumas outras flores que atraem esses animais.

Com três anos de idade, o damasqueiro mostra os seus primeiros frutos. A poda mais intensa não é aconselhada e é preciso apenas retirar galhos doentes e secos para fazer com que os damascos apareçam com mais frequência e forneçam espaço para os ramos novos.

A melhor forma de realizar a propagação do damasqueiro é por meio de estaquia ou de sementes. Os enxertos também podem ser uma excelente opção. Além de damasqueiro, a árvore pode ser chamada em algumas regiões brasileiras de: alpercheiro, alpercheiro, apricot e abricoqueiro.

Outras Informações Sobre o Damasqueiro

Já o fruto do damasqueiro, também pode ser chamado de abricó em algumas localidades. A planta pertence à mesma família das cerejeiras, pessegueiros e amoreiras. Mesmo que os estudos indiquem a origem dessa árvore aconteceu na Armênia, algumas teorias apontam que elas apareceram na China e na Sibéria. Portanto, não existe consenso com relação ao local em que elas apareceram pela primeira vez.

O que é certo, é que elas existem há mais de cinco mil anos.  Existe até mesmo a teoria do relato da sua existência na Bíblia, um dos livros mais antigos do mundo. Atualmente o local em que mais se produz damasco é o Oriente Médio.

O vegetal possui pequeno porte, tronco castanho e uma copa bem redonda. Já as folhas possuem formato oval e detalhes avermelhados. As flores podem ser rosas ou brancas e aparecem de forma isolada. O fruto é delicioso, muito carnudo e com casca amarela, rosa ou laranja.

Existem hoje três tipos de damasco: o asiático, o híbrido e o europeu. Dessa forma, existem além de damascos amarelos, o branco, o preto, o cinza, branco e o rosa. Mesmo que não seja tão fácil, é possível encontrar o damasco fresco para consumo. Entretanto, é mais comum encontrá-lo na forma seca. Esse é  amplamente utilizado nas receitas de festas de fim de ano.

 Ficha Técnica do Damasqueiro

Veja algumas informações sobre o damasqueiro:

  • Seu nome científico é Prunus armeniaca.
  • Apreciam climas moderados e podem sofrer tanto com o excesso de sol, quanto com temperaturas baixas.
  • Precisam de um solo rico em adubo para o desenvolvimento pleno. Além disso, é necessária uma drenagem adequada para evitar que a umidade atrapalhe o crescimento do damasqueiro.
  • Não possui um cultivo expressivo no Brasil, mas pode ser encontrado nos estados de Minas Gerais e Rio Grande do Sul.
  • O damasqueiro pode chegar a medir nove metros.
  • O seu fruto (damasco) é consumido com mais frequência na forma seca, que conserva as propriedades nutritivas como:  vitaminas, betacaroteno e fibras. Entretanto, não exagere no consumo de damasco, pois é uma fruta muito calórica, ok?
  • O fruto também é amplamente utilizado para produção de geleia, doces e cremes. É possível, ainda, extrair um óleo da fruta, que é comumente utilizado para melhorias na pele. Além disso, os damascos podem auxiliar no tratamento da desnutrição, raquitismo, anemia e algumas doenças hepáticas. Com sua ação diurética, eles  podem auxiliar quem tem  problemas com a prisão de ventre.
  • O chá da folha do damasqueiro pode ajudar no tratamento de faringites e amigdalites. Um ponto importante é ficar atento para o consumo da fruta do damasqueiro, já que ela pode ter algumas substâncias que causam alergias em algumas pessoas. A semente do damasco pode aparecer na forma amarga e não deve ser consumida,  já que apresenta uma substância venenosa.
  • As flores do damasqueiro aparecem ainda na estação do inverno.
  • A planta pertence à família das rosáceas, a mesma das plantas que produzem a cereja, o pêssego e a amora.
  • O damasco também pode ser chamado de abricó. E você, já experimentou essa fruta de sabor tão incrível e marcante? Conta para a gente!
    Damasco Descascado
    Damasco Descascado

Nosso artigo encerra por aqui e esperamos que você tenha curtido aprender um pouco mais sobre o damasqueiro. Não esqueça de acompanhar novos artigos aqui no Mundo Ecologia. Caso você tenha alguma dúvida, sugestão ou comentário é só nos enviar uma mensagem no box de mensagens que fica logo abaixo. Até a próxima!

Veja também

Flores que Começam com a Letra T: Nome e Características

As flores são um dos maiores presentes que a natureza pode nos proporcionar. Elas encantam …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *