Home / Plantas / Como usar a Soja para Reposição Hormonal?

Como usar a Soja para Reposição Hormonal?

Você sabe como usar a soja para reposição hormonal? Se você está entrando na menopausa é normal que o seu corpo comece a mudar e você passe a se sentir diferente. Para muitas mulheres essa fase da vida pode ser um verdadeiro pesadelo.

Um dos motivos para isso acontecer é que a menopausa não é algo que passe rapidamente. Esse é um processo que pode durar muitos anos para a maioria das mulheres.

Sintomas da Menopausa

A menopausa costuma atingir as mulheres a partir dos 48 anos. Isso ocorre devido ao ‘fim da produção’ dos óvulos. Por consequência disso os hormônios também param de ser produzidos aos poucos.

Sim, assim como os hormônios masculinos são produzidos nos testículos, os hormônios femininos são produzidos nos ovários.

Alguns dos sintomas mais comuns da menopausa são:

  • Calorões repentinos;
  • Irritabilidade;
  • Crises de choro ‘sem motivo’;
  • Alteração da menstruação (com a chegada da menopausa a menstruação se encerra);
  • Seios diminuem de tamanho / volume;
  • Insonia;
  • Redução da libido;
  • Metabolismo mais lentos, o que provoca o aumento de peso;
  • Cabelos finos e quebradiços;
  • Queda dos cabelos;
  • Possibilidade de sofrer com a osteoporose;
  • Depressão.

Ou seja, como visto a menopausa pode ser um problema tanto físico quanto psicológico para as mulheres.

Cuidados De Como Usar a Soja Para Reposição Hormonal

Mas, o que foi descoberto a não muito tempo é que a soja auxilia na reposição hormonal das mulheres. Dessa forma, a mulher consegue ‘equilibrar’ os seus hormônios ou, pelo menos, manter eles em uma queda constante e não abrupta.

Assim, os efeitos da menopausa são diminuídos e a mulher consegue seguir sua vida com normalidade durante esse período de transição hormonal.

Isso ocorre pois a soja possui uma substância chamada de isoflavonas. Esse tipo de substância é encontrada normalmente nos remédios de reposição hormonal prescritos pelo ginecologista.

Porém, os medicamentos nem sempre são favoráveis a todos os pacientes. Isso pois eles possuem outros componentes químicos em sua composição.

Mas no caso da soja, os isoflavonas se encontram em estado ‘natural’ o que dificulta as reações adversas do corpo. Por exemplo, muitas mulheres ficam enjoadas constantemente enquanto tomam os medicamentos prescritos pelo médico.

Os isoflavonas podem inclusive impedir o surgimento da osteoporose que é muito comum em mulheres que estão na menopausa ou mesmo no pós-menopausa.

Nós já consumimos soja com regularidade em nossa alimentação, mas, nem sempre isso é o suficiente para uma reposição hormonal. São necessários, pelo menos, 60 gramas de soja diariamente para ter uma reposição hormonal adequada.

Porém, um dos grandes problemas enfrentados são os produtos industrializados. Muitas mulheres acreditam que por estarem ingerindo alimentos industrializados que contém soja em sua composição, já seria o suficiente para uma boa reposição hormonal.

O problema é que nem sempre um produto industrializado a base de soja possui isoflavonas suficientes. Isso ocorre pois no processo de industrialização a soja perde parte dos seus componentes, isso inclui substâncias como o isoflavona. Por esse motivo, tome cuidado no seu dia a dia.

Dicas De Como Usar a Soja Para Reposição Hormonal

Agora que já falamos o que é e para que serve a soja, daremos algumas dicas de como usar a soja para reposição hormonal. Entre essas dicas estão:

  1. Grão;
  2. Leite vegetal;
  3. Carne de soja;
  4. Tofu;
  5. Farinha de soja.

Abaixo falaremos de cada uma dessas formas de como usar a soja para reposição hormonal.

1. Grão

A soja em grão é uma das formas mais conhecidas de como usar a soja para reposição hormonal. Além de ser rico em isoflavona, a soja também é rica em outros nutrientes, como:

  • Ferro;
  • Cálcio;
  • Fibras;
  • Proteínas.
    Grão de Soja Para Reposição Hormonal
    Grão de Soja Para Reposição Hormonal

O grão pode ser consumido da forma que você achar melhor, podendo ser utilizado em saladas e até mesmo torrado na forma de petisco. Porém, o ideal para o consumo é deixar o grão de molho por, no mínimo, 12 horas.

Além de servir para hidratar o grão, (e assim cozinhar ele mais facilmente) deixar o grão de soja de molho serve para eliminar uma substância presente nele.

Essa substância se chama ‘ácido fítico’. Ela não prejudica em nada o seu organismo, mas, dificulta a absorção dos nutrientes do grão, o que inclui os isoflavonas.

2. Leite Vegetal

Mulher Bebendo Leite Vegetal
Mulher Bebendo Leite Vegetal

Essa é uma boa dica para pessoas que tem intolerância a lactose ou mesmo não ingerem nada de origem animal (veganos). Para as mulheres na menopausa, o leite vegetal a base de soja é uma excelente fonte de nutrientes e uma forma diferente de consumir o grão.

O leite de soja pode ser encontrado com ou sem mistura. Por exemplo, é possível encontrar o leite de soja com banana ou leite de soja com coco. Caso você já tenha experimentado o leite de sofá e não tenha gostado, essas opções de ‘Iogurtes’ pode ser uma boa opção.

3. Carne de Soja

A carne de soja é muito utilizada por vegetarianos ou por quem tenha alergia / intolerância a proteína da carne. Ela também é um bom substituto para carne vermelha, para as pessoas que sofrem de ‘gota’.

A carne de soja pode ser utilizada para substituir a carne em qualquer tipo de prato. Essa opção de ‘carne’ possui menos gorduras que outras opções de alimentos feitos a base de soja.

4. Tofu

O tofu é a quarta opção da nossa lista de ‘como usar a soja para reposição hormonal’. Ele também é conhecido como ‘queijo de soja’, e é utilizado também tanto por pessoas alérgicas ou com intolerância a lactose e também por quem não consome nada de origem animal.

O tofu pode ser utilizado da mesma forma que os ‘queijos tradicionais’, ou seja, ele pode ser utilizado em pães, pizzas, pratos frios ou quentes. Ao ser aquecido ele fica cremoso, assim como um queijo feito a base de leite.

5. Farinha de Soja

Se você quer fazer uma reposição hormonal e também fugir da farinha de trigo essa é uma boa opção.

Você pode utilizar ela para o preparo de pães, massas, panquecas e etc da mesma forma que utiliza a farinha de trigo e sem grandes mudanças ao paladar. A farinha de soja também é encontrada nas versões integrais.

Considerações Finais

Agora que passamos uma lista de ‘como usar a soja para reposição hormonal’ vale ressaltar uma coisa. Em hipótese alguma, você deve parar um tratamento médico para utilizar essas nossas dicas.

Esses alimentos a base de sofá servem como um complemento ao seu tratamento e nunca como um substituto.

Gostou das dicas? Não esqueça de compartilhar em suas redes sociais.

Veja também

Chá de Barbatimão Para Corrimento Vaginal Funciona? Como Fazer?

Muito comum na região do Cerrado do Brasil, o barbatimão (nome científico Stryphnodendron adstringens Mart …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *