Home / Plantas / Como Super Brotar Orquídeas

Como Super Brotar Orquídeas

Uma das flores que mais é adorada no mundo inteiro é a orquídea. Por ser uma planta que tem uma variedade muito grande de tamanhos, cores, cheiros e outras características, fazem com que ela seja a preferida de muitos. São utilizadas principalmente para ornamentação, e o seu comércio cresceu muito.

Existem diversas espécies de orquídeas, e é possível encontrar uma para cada gosto. Quem trabalha com o cultivo e venda de flores, precisa que a quantidade dela seja sempre o suficiente para fazer todas as suas vendas. E para quem simplesmente tem uma orquídea no quintal, deixa-la mais florida e bonita é essencial.

E é por isso que nesse post iremos te ensinar como super brotar orquídeas. Isso quer dizer basicamente como fazer para sua orquídea florescer ainda mais, deixando seu trabalho mais rentável ou seu quintal mais bonito.

As Orquídeas

Apreciadas pelos humanos há séculos, principalmente grandes reis que possuíam majestosos jardins, as orquídeas são plantas que fazem parte da família Orchidaceae, uma das maiores famílias de plantas que existem. Apesar de termos uma única forma e cor que já a identificamos de imediato, elas podem vir em diversos formatos, tamanhos e cores.

Sua existência é vasta em todos os continentes, exceto na Antártica, mas sua preferência é em áreas tropicais. São plantas de maioria epífitas, o que significa que, crescem em cima das árvores, as utilizando como apoio para conseguir principalmente luz solar. Apesar de muitas epífitas serem parasitas, não é o caso da maioria das orquídeas, pois elas se alimentam da matéria em decomposição que cai e fica enrolada nas raízes das árvores. Mas também é possível encontrar orquídeas não aéreas, que assim como outras plantas, precisam de terra e cuidados especiais.

As espécies de orquídeas são criadas com um único motivo no mercado: uso ornamental. Algumas poucas espécies também possuem frutos que possibilitam a produção de baunilha, entretanto, é muito limitado e caro, por isso é preferível utilizar o artificial. Quanto ao uso ornamental, nem todas também são aproveitadas, já que a maioria possui flores pequenas com folhas que não são tão atrativas.

É comum que vejamos os chamados orquidicultores, pessoas que criam orquídeas, utilizando o método de criar híbridos das orquídeas para conseguir um maior lucro comercial. Dessa forma, eles encontram orquídeas mais bonitas e atraentes para futuros clientes. Para criar orquídeas, pode ser utilizado o método de meristema, divisão das touceiras ou a chamada semeadura in vitro.

Como Plantar Orquídeas

Se você decidir ter uma orquídea em sua casa, é preciso ter certos cuidados. Cada espécie vai precisar de algumas especificações, que você pega com a pessoa em que você comprou a orquídea. Mas de forma geral, elas normalmente são plantadas da mesma forma.

  • Primeiro escolha o vaso ideal. Os melhores e mais escolhido são sempre os de plástico ou os de barro cozido, com aqueles furos nas laterais.
  • Depois é preciso escolher o substrato. Ele deve ter boa aeração, e com bastante nutrientes. Os mais utilizados são as fibras de coco, mas dependendo da espécie, pode ser que você precise ser um pouco mais exigente.
  • Agora que você já tem tudo, é hora de começar o plantio. Pegue a orquídea e a divida em mais de uma muda.
  • Abra a torneira e lave as raízes, tirando todas as raízes doentes ou já mortas. Tome cuidado porque elas são bem sensíveis.
  • Coloque uma camada de brita, que serve como material de drenagem.
  • Adicione o substrato, deixando espaço para a muda. É indicado já coloca-lo úmido.
  • Enfim, coloque a planta, no centro do vaso. Dessa forma, ela terá espaço para crescer e se desenvolver.
  • Faça a adubação na lateral do vaso.

Depois, o cultivo vai variar de espécie para espécie. Regas, adubação e outros você deve consultar através do nome da sua orquídea. Cada uma possui especificações que não podem ser misturadas, se não, sua planta não aguentará muito tempo.

Como Super Brotar Orquídeas

Agora vamos para outra parte. Você provavelmente já ouvir falar sobre super brotação, ou até super floração. Ela é uma técnica utilizada cada vez mais, para fazer com que determinada planta chegue ao seu máximo e dê ainda mais flores. Ela deve ser feita corretamente para acabar não prejudicando a planta.

Super Brotar Orquídeas
Super Brotar Orquídeas

No caso das orquídeas, antes de se formar e desenvolver, ela absorve cerca de 72% do fósforo que é colocado através de adubos e substratos. Porém, depois de estar formada completamente, essa absorção cai para somente 28%. Por isso, o ideal é começar a colocar fósforo logo no início da planta. Garantindo que ela já se desenvolva de forma ainda melhor que as outras.

Mas para fazer ela realmente super florir, você vai precisar esperar a primeira floração. Assim que a flor cair, você começa o processo. A primeira coisa é arranjar um adubo que tenha mais fósforo que o normal, encontrado em certos locais de agricultura e floristas. A indução começa logo que a flor cai, junto com prato de cálcio, encontrado nos mesmos locais.

Esse prato de cálcio é um pó, que deve ser diluído. Uma colher de sopa é o ideal para ser aplicado em toda a planta. A adubação deve ocorrer de 10 em 10 dias, por três meses, SEM PAUSA! Assim, ela vai conseguir absorver o máximo de fósforo e cálcio possível, até conseguir super brotar.

O resultado é uma quantidade bem maior de flores nascendo. Deixando seu jardim ainda mais bonito e rico. O processo precisa ser feito no tempo e medida certa, nunca exagere na quantidade achando que vai fazer super florir ainda mais, pois pode fazer o efeito contrário e deixar sua planta doente.

Esperamos que o post tenha te ensinado como realmente super brotar suas orquídeas. Não esqueça de deixar seu comentário nos contando o que achou e também deixar suas dúvidas. Ficaremos felizes em responde-las. Leia mais sobre orquídeas e outros assuntos de biologia aqui no site!

Veja também

Farinha de Trigo de Boa Qualidade

Qualidade Da Farinha De Trigo: Como Identificar E Saber Qual E?

No mundo existem milhares de alimentos, que servem como fornecedores de proteínas, carboidratos, como acompanhante …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *