Home / Plantas / Como Plantar Mudas de Rosas em Vaso?

Como Plantar Mudas de Rosas em Vaso?

Utilizar flores para presentear, enfeitar e medicar sempre foi uma coisa comum para nós humanos. Desde os primórdios temos uma certa afeição por essas plantas que produzem flores, especialmente pela beleza que elas costumam mostrar e o perfume que elas deixam no ar quando estão abertas.

São muitas as espécies de flores que conhecemos hoje em dia, e cada vez mais abrimos um leque de favoritas. Entretanto, existe uma espécie de flor que todos conhecemos e que a maioria gosta muito. Principalmente por ela ser muito simbólica quanto ao amor e a outras diversas emoções que queremos demonstrar.

As rosas ficaram famosas há muito tempo atrás e mantém seu posto como uma das favoritas até hoje. Ela possui uma beleza e perfume único, que atrai qualquer um que esteja passando por perto. Além de, possuir diversas cores. Mas ninguém tem dinheiro sempre para comprar rosas todos os dias. Já imaginou ter uma no seu quintal?

No post de hoje iremos ensinar como plantar mudas de rosas em vaso, para você sempre ter a beleza da rosa perto de você, sem quase nenhum custo.

As Rosas

Como já falamos, a rosa é uma das flores mais conhecidas e que vem sendo cultivada desde a Antiguidade pelo homem, mas que na natureza é ainda mais antiga. Elas marcaram eventos de extrema importância e hoje em dia especialmente marcam a relação de amor e apaixonados. Uma simples forma de declaração.

Elas pertencem ao gênero Rosaceae, que existem mais de 100 espécies. Elas são solitárias, logo, só encontra uma flor com normalmente 5 pétalas. As folhas são simples, e costumam ser duas, uma em cada lado. Além disso, algumas possuem espinhos em sua extensão, enquanto outras não.

A coloração mais conhecida da rosa, é a vermelha. Entretanto, é possível encontrar diversas outras cores como preto, amarelo, rosa, branca, azul e outras. Isso porque elas foram sofrendo alterações com o tempo através dos cruzamentos mais diferenciados acontecidos. Para nós, cada rosa representa um sentimento. Por exemplo:

  • A rosa vermelha significa amor, e também respeito e adoração.
  • As rosas brancas tem como significado a paz e a inocência.
  • Rosas pretas dizem sobre morte e tristeza.
  • Rosas azuis representam o afeto e a confiança.

São muitas outras que possuem significados diferentes para nós, mesmo que a vermelha seja, de fato, a mais conhecida. Através delas, podemos nos comunicar de forma muito graciosa e em harmonia. Agora que sabemos um pouco mais sobre as rosas, podemos entender o que é necessário e como fazer para planta-las.

Como Plantar Mudas de Rosas no Vaso?

As rosas não podem ser plantadas em qualquer lugar, ou em qualquer tipo de solo. Elas precisam estar em um solo muito rico em húmus, o mais recomendado normalmente é o argiloso, que é bem úmido. O local em que o vaso ficará também é importante. Elas precisam estar em lugares com bastante sol, pelo menos 6 horas diárias de incidência direta solar.

Também é importante o lugar ter uma temperatura agradável, não passando de 25 a 30 graus Celsius. Frio ou calor demais vão prejudicar a roseira. Escolher o vaso correto é essencial, sempre olhando e checando se o tamanho vai aguentar o porte do tipo de roseira que você está plantando.

As covas para plantar as mudas devem ter 30 centímetros de profundidade, e após coloca-la, a terra deve ir cobrindo aos poucos, principalmente a raiz. Após plantar, você deve começar a regar, já que é um processo importante para o crescimento da planta e da flor. Até a primeira floração é necessário rega-las todos dias, preferencialmente quando o sol estiver em seu ponto mais forte.

Depois da primeira floração, você pode diminuir essa dose para duas vezes na semana. No inverno, essa rega pode ser diminuída para uma vez na semana, especialmente se você vive em lugar que fica realmente frio. É interessante aplicar um adubo líquido a cada 15 dias, sempre mantendo as doses controladas. Por ano, deve-se fazer de 2 a 3 adubações normais, sendo a primeira logo após a poda anual. Utilizando sempre adubação orgânica.

A poda deve ocorrer anualmente. A primeira deve ser feito logo após um ano do plantio e assim ser seguido. Entretanto, o melhor período para podar roseiras é entre julho e agosto. Podas de limpezas são necessárias quando ocorre a primeira floração também. Essa poda não é tão extensa quanto a anual, mas muito necessária.

Dicas para Criar Roseiras

Manter uma roseira não é tão difícil, mas é preciso ter dedicação e muita atenção aos sinais que ela apresenta. Pode ser que ocorram pragas como o pulgão e o ácaro. Para controlar essas pragas você deve utilizar inseticidas, o melhor a se fazer é ter certeza do que você está lidando e utilizar a quantidade correta para não acabar mantando a roseira.

Não tente colocar sua roseira junto com outras plantas, pois ela precisa de muitos nutrientes, logo não daria certo competir com outras plantas. A luminosidade é muito importante para as plantas. Não deixa-las no sol por pelo menos seis horas retardará todo o processo de desenvolvimento e floração da rosa. Os melhores períodos para ficarem expostas, sem estarem no calor intenso, é entre às 7 e 11 horas da manhã e depois das 4 às 6 da tarde.

Esperamos que o post tenha te ajudado a aprender como plantar mudas de rosas. Não esqueça de deixar seu comentário nos contando o que achou e também deixe suas dúvidas, ficaremos felizes em tira-las. Leia mais sobre rosas e outros assuntos que envolvem a biologia aqui no site!

Veja também

O que Fazer para Tirar o Amargo da Berinjela? Dicas de Como Fazer

A berinjela é um fruto — sim, fruto, e não legume — que provoca um …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *