Home / Plantas / Como Cuidar de Margaridas Murchas

Como Cuidar de Margaridas Murchas

Quer deixar a sua casa ou o seu jardim mais florido? Então, uma das melhores alternativas é apostar nas margaridas, espécies de flores muito bonitas, e que, ainda por cima, exigem poucos cuidados. Porém, digamos que, por algum motivo, as margaridas que você cultivou estejam murchando. O que fazer, então?

A seguir, daremos algumas dicas pra salvar as suas margaridas murchas, além de mostrarmos um pouco dessas lindas plantas.

Cultivo Das Margaridas

As margaridas são flores ótimas para jardineiros iniciantes, já que não exigem cuidados muito intensos. Seja em vasos ou em canteiros no jardim, essas flores tanto podem ser plantadas em sementes, quanto através de mudas que são compradas prontas.

O local em que as margaridas ficarão precisa ser uma mistura de material orgânico com fortificante à base de fósforo. E, claro, o solo precisa ser muito bem drenável, para evitar um grande acúmulo de água. Se for em vasos, que sejam aqueles com furos, que evitam o solo de ficar encharcado, apodrecendo o caule.

Pelo menos, em uma única parte do dia, é aconselhável que as margaridas levem um pouco de sol. Só lembrando que essa planta não gosta de frio, portanto, é preciso protegê-la de locais onde tenham geadas, por exemplo.

Já a rega deve ser feita, ao menos, uma vez ao dia, tomando cuidado para não encharcá-la demais e fazer com que apareçam fungos prejudiciais à planta. Essa rega precisa ser feita, preferencialmente, no início da manhã ou no final do dia, e não no período onde o clima está mais quente.

Outros cuidados gerais consistem em retirar as folhas secas que vão crescendo, bem como, a cada floração, replantar as suas margaridas em outros vasos e canteiros. Lembrando que o solo novo precisa conter os mesmos substratos daqueles que você plantou as margaridas pela primeira vez.

E, Quando as Margaridas Ficam Murchas?

Digamos que você precisou fazer uma viagem rápida, e quando voltou, as suas margaridas estavam quase mortas, bem murchas. Depois disso, você começa a regá-las todos os dias, mas, mesmo assim, elas continuam com aspecto feio. O que fazer, então?

Bem, primeiro, você precisa saber qual a causa de suas margaridas ficarem assim.

Um dos fatores é a quantidade de água usada para regar. Faça o seguinte teste: coloque água nelas, e espere algumas horas. Se a terra estiver, nitidamente, muito encharcada, o problema é excesso do líquido. Se estiver seca demais, o problema é justamente o oposto. Ainda nesse aspecto, não basta só olhar por alto, mas, também a raiz da planta. Levante a margarida só um pouco, e veja se as suas raízes estão encharcadas ou não.

Outro fator que tem que ser levado em consideração é se a margarida está levando um excesso de luz solar. Sim, é verdade que as margaridas gostam de sol, mas, o problema está no exagero. Deixar essa planta muito exposta desse jeito é pedir para ela murchar sempre mais. Portanto, tente aproveitar o sol de manhã bem cedo, por alguns minutos, ou no finalzinho da tarde, mas, nunca no pico do meio-dia, por exemplo.

Mais uma questão a ser levantada para o caso de uma margarida ficar murcha é a qualidade da sua terra. Pois, o ideal é que não seja uma terra pura e simples, e sim, uma que contenha certas misturas que sirvam de nutrientes para a planta, como material orgânico, vendido em várias floriculturas por aí.

Como Salvar as Suas Margaridas?

As margaridas estão murchando. O que fazer, na prática?

Primeiro passo: mude-as imediatamente de vaso, ou da terra do jardim onde estão plantadas. Dessa forma, você não apenas verifica se as raízes estão ou não encharcadas, e aproveita para trocar a terra ou os substratos. Caso as raízes estejam (MUITO) encharcadas, o ideal é deixá-las secar fora do vaso por algumas horas.

Outro procedimento essencial é adubá-la com frequência. Toda planta se recupera e cresce melhor quando tem esse complemento em sua nutrição mais básica. Se as suas margaridas estão em vasos, e, ainda por cima, dentro de sua casa, o recomendado é fazer esse adubo umas 3 ou 4 vezes ao ano. Adubos são importantes porque, além de fornecerem nutrientes elementares, eles ajudam em processos inflamatórios, evitando que a flor fique doente. Existem adubos específicos para essas plantas em casas especializadas também.

Cuidados com as Margaridas
Cuidados com as Margaridas

Outra causa muito comum para a aparência murcha de suas margaridas é quando elas estão com alguma infecção de origem fúngica ou bacteriana. Se esse for o caso, o tratamento da sua flor tem que ser feito o mais rápido possível. De que maneira? Canela em pó é um bom remédio, já que esse tempero é antibacteriano e possui propriedades cicatrizantes. Lavagens com água oxigenada medicinal também surte um bom efeito para curar a sua flor. Nesse caso, dilua duas colheres de sopa dessa substância em um copo d’água e borrife na planta.

Quer saber mais uma forma de salvar as suas margaridas murchas? Uma delas é recuperá-las através de hidratação, caso o problema seja falta de água. Caso o vaso não seja furado, faça buracos nele, ou compre um que já tenha furos. Uma das formas de se evitar a rega excessiva é colocando um prato de água embaixo do vaso, fazendo com que as raízes da flor absorvam somente a água que necessária. Na verdade, todos os vasos devem ser assim. Isso evita que a terra fique encharcada, e combate infecções fúngicas.

Por fim, podemos citar como forma de salvar suas flores murchas, podar aquelas partes que estão secas e desidratadas. A poda precisa ser regular, principalmente para o caso de plantio em vasos, porque chega uma hora que a planta não tem mais por onde crescer, com a terra daquele recipiente não sendo suficiente para as suas necessidades. Daí, vem o fato delas poderem murchar. Para a poda, é sempre importante usar uma tesoura esterilizada para evitar passar algum tipo de infecção para a planta.

Viu como não é nem um pouco complicado salvar as suas margaridas que estão murchas? Basta um pouco mais de cuidado, e você poderá ter a sua casa ou jardim bastante floridos novamente.

Veja também

Quando o Amendoim foi Introduzido no Brasil? Onde Foi?

O amendoim é originário da América do Sul, de países como o Brasil, Bolívia, Paraguai …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *