Home / Plantas / Canteiro de Rosas: Ideias e Fotos

Canteiro de Rosas: Ideias e Fotos

A decoração com flores é sempre um grande trunfo para deixar qualquer ambiente mais bonito, leve e interessante. Nesse aspecto, as rosas desempenham um papel muito bom de enfeitar todo e qualquer tipo de ambiente de maneira muito simples, e ao mesmo tempo sofisticada.

Existem ótimas ideias para fazer um belo canteiro de rosas, com muito pouco. Vamos ver algumas dessas dicas?

Roseiras Mais Usadas em Canteiros

Muitos podem até pensar que só existe um tipo de roseira, mas, na verdade, existem muitos, e alguns são mais adequados do que outros para formarem canteiros. Um tipo bastante usado para esse fim é a roseira arbustiva, cujo tamanho varia entre plantas estreitas e compactas, a largas e volumosas. A região onde são plantadas também interfere em suas dimensões. Além disso, elas têm uma boa resistência a períodos longos de inverno. Fora a utilização em canteiros, as rosas arbustivas podem ser usadas em divisórias ou como plantas de exibição.

Existem também as que chamamos de roseiras sempre floridas, que, obviamente, estão sempre com alguma flor desabrochada. A tendência é que cresçam na vertical, e são bem resistentes ao inverno. Além de canteiros, elas são ideais também para cercados e vasos.

Outro tipo que pode lhe ajudar bastante a compor ótimos canteiros são as roseiras miniaturas, que podem atingir, no máximo, 90 cm de altura. Essa aqui, ao contrário das demais, requer um cuidado maior no período do inverno. Em regiões mais frias, por exemplo, o ideal é cobrir essas roseiras com matérias orgânicas soltas (como palha e folhas cortadas), em especial, se o lugar for propenso a geadas.

Por último, podemos citar as roseiras rasteiras, que tanto podem ser flores organizadas, com alguma sobriedade, ou simplesmente bravias e volumosas. Além de canteiros, elas são ótimas para coberturas de encostas e paredes.

Faça do seu Canteiro um Espaço Misto

Boa parte das rosas, como bem sabemos, são flores arbustivas. Porém, mesmo assim, elas parecem se sentir muito bem na companhia de outras plantas, tanto é que é assim que a maioria dos jardineiros, normalmente, faz. Essa é uma boa dica porque as rosas, em geral, possuem cores bem fortes e chamativas, e elas podem, com isso, fazer um contraste interessante com plantas que tenham uma coloração mais simples e de menos destaque.

Esse equilíbrio visual que as rosas podem trazer a um canteiro (especialmente quando é misto) ajuda bastante a compor um ambiente que não seja nem opaco demais, nem visualmente carregado demais. Uma das melhores rosas para se fazer isso é a inglesa, cujos tons que variam entre o vermelho, o amarelo e o cor-de-rosa, são perfeitas para fazerem parte de um canteiro misto.

Bom salientar que enquanto outros arbustos deixam de ter flores com o passar do tempo, as rosas continuam a florescer até a chegada do inverno. Inclusive, como as rosas não gostam muito de “competição”, o ideal é não cercá-las com plantas que sejam muito robustas. Se o canteiro for muito estreito, uma roseira só é o suficiente. Se for um pouco maior, grupos de 3 a 4 roseiras podem dar ao ambiente um tom bem mais impactante.

Aproveite as Vantagens das Bordaduras

Rosas Vermelha Desabrochadas
Rosas Vermelha Desabrochadas

As bordaduras de roseiras, quando bem utilizadas, são de grande valia para compor um canteiro bem bonito. Se o lugar tiver um tamanho adequado, grupos de 3 a 4 roseiras com bordaduras ficam muito interessantes. A partir de junho, as flores desabrocharão, oferecendo um visual lindo, que fragrâncias muito boas.

Algumas pessoas, inclusive, quando se trata de bordaduras, preferem flores num tom mais monocromático, pra conferirem uma maior unidade ao canteiro. Porém, essa é uma decisão meramente pessoal, e você pode usar e abusar da criatividade para fazer do jeito que quiser.

Ótimas Espécies de Rosas Para Canteiros

Muitos pensam que qualquer tipo de rosa serve para compor canteiros bonitos, mas, a verdade é que alguns tipos são mais ideais do que outros. Por exemplo, rosas de chá híbridas são ótimas para essa finalidade. Mas, além dessas, as rosas inglesas também são excelentes na hora de compor os canteiros.

Mas, por que as rosas inglesas são tão boas? Simples: elas são baixas e arbustivas, e florescem ainda mais do que as híbridas, compondo um conjunto de rosas que fica bem fascinante. E, claro, não se esqueça de que, quanto maior for o canteiro, maior o leque de possibilidades de colocar vários tipos de rosas nesse lugar.

O Uso Consciente de Vasos e Floreiras

Dentro de um canteiro de rosas, você pode muito bem inovar, e usar vasos e floreiras para compor esse ambiente. E, as nossas já conhecidas rosas inglesas, devido ao seu crescimento arbustivo, são muito bem adaptadas para esse uso. Usar rosas em vasos ou floreiras tornam qualquer espaço tão bonito que até mesmo lugares como pátios e varandas (que, obviamente, não possuem espaço para jardim), beneficiam-se bastante desse tipo de ornamento.

Deixando claro que quando for usar esse tipo de artifício, o ideal é que as rosas sejam mais monocromáticas em cada vaso para evitar muita poluição visual.

Últimas Dicas Para Canteiros de Rosas

Quando você for plantar roseiras em seu canteiro, algumas ações são fundamentais. Por exemplo: esse tipo de planta necessita de um solo bem drenado e rico em matéria orgânica. Uma dica é misturar resíduos de compostagem ou outra matéria orgânica.

Outra dica muito importante é aproveitar bastante a luz do sol, já que esse elemento garante uma melhor floração. Inclusive, atenção se for plantar roseiras em jardins com árvores ainda muito jovens, já que elas, ao crescerem, podem reter a luz solar das roseiras.

Um ponto importante a se considerar é manter uma relativa distância entre as roseiras, visto que essas plantas são bastante suscetíveis a doenças. Manter essa distância facilita para quando alguma adoecer, não contaminar as demais. O espaçamento ideal é de 1 a 1,5 m.

As regas também precisam ser constantes, já que toda e qualquer roseira precisa de muita água para sobreviver. Essas regas precisam ser de, pelo menos, uma vez por semana, mas, se a sua região for um pouco quente e árida demais, o recomendado são duas regas semanais.

Esperamos que tenham gostado das dicas, e que as aproveitem para fazer canteiros de rosas magníficos.

Veja também

Fungos e Bactérias em Orquídeas: Como Identificar e Resolver?

A beleza, complexidade e incrível diversidade de flores de orquídeas são inigualáveis ​​no mundo das …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *