Home / Plantas / Babosa Serve para Tratar que Tipo de Doenças? Lista de Doenças

Babosa Serve para Tratar que Tipo de Doenças? Lista de Doenças

Babosa: O que é?

Babosa, nome popular para a planta Aloe Vera, leva esse nome pela sua característica de gelatina, parecendo mesmo uma “baba”. É utilizada há muitos anos pelos seus benefícios estéticos e fitoterápicos, voltando ao público devido a recentes descobertas de seus benefícios, como anti-histamínica, antioxidante e anti-inflamatória.

Na área estética, a babosa é muito utilizada em tratamentos capilares e também para tratamento de doenças e problemas na pele, como auxiliar na cicatrização de ferimentos. Muitos cremes, tanto naturais como industrializados, utilizam babosa em suas composições devido a sua fama de hidratar os mais diversos tipos de pele e cabelos, nesse último, a babosa muitas vezes é utilizada pura em uma espécie de banho de creme capilar.

Além da função hidratante e cicatrizante, a babosa ainda tem em sua composição muitas vitaminas como vitamina A, C, diversos tipos de vitamina B, e mais de vinte minerais.

Apesar de só ouvirmos elogios referente a essa planta, deve-se utiliza-la com muito cuidado, pois a babosa é tóxica, podendo até mesmo ser fatal, seu uso deve ser estritamente externo. Para consumi-la e poder ingerir muitas de suas propriedades, esse processo deve ser feito em farmácias de manipulação ou em produtos já fabricados e prontos para consumo que tenham a babosa em sua composição ou comprar seu suco feito por especialistas em seu processo para consumo.

Como Plantar Babosa

A babosa é uma planta que não gosta muito de terras molhadas, por isso o ideal é utilizar um pouco de areia junto a terra adubada. Irriga-la somente quando estiver totalmente seca. O vaso deve ser grande, mais ou menos um metro de comprimento, pois a raiz apesar de ser superficial cresce em grande quantidade. Para fazer um berçário, o ideal é fazer o inverso. Um vaso pequeno para que os bebes aloe vera brotem e saiam e possam ser transportados para outro vaso.

A babosa precisa de sol pelo menos oito horas por dia, por isso para cultivá-las dentro de casa o ideal é perto de janelas e em locais bem ensolarados. Sua folha também não pode entrar em contato com a terra, pois assim a folha apodrece, o ideal é segura-las em estacas para que assim conforme forem crescendo seu peso não vá de encontro a terra do vaso.

Babosa Serve para Tratar que Tipo de Doenças?

Babosa ter um grande poder cicatrizante por isso na área de estética a mesma pode ser utilizada para tratamento de acnes, sendo utilizada como uma máscara no rosto, deixando por quinze minutos e tirando depois com água fria para fechamento dos poros. Para tratamento de queimaduras, colocando um pouco do gel da babosa e deixando a pele a absorver como um gel, esse método também serve para tirar coceira de picadas de insetos. O gel também é muito utilizado para aftas, herpes e cortes bucais, pois ajuda a não inflamar esse local e cicatrizar o local ferido.

Para tratamento de seborreia e também para evitar a queda de cabelo, para esse fim, o gel da babosa deve ser colocado sobre o couro cabeludo e depois fazer uma massagem sobre o couro, retirando posteriormente em água morna ou fria.

Benefícios da Babosa
Benefícios da Babosa

Ajuda para tratamento de estria e celulites, junto a uma dieta balanceada e exercícios físicos, a babosa pode ser usada como um gel massageando as áreas afetadas e estimulando a cicatrização da pele e também circulação. Também é muito conhecida pelo seu uso em hemorroidas, onde ajuda a diminuir a dor, relaxar os músculos, fechar as cicatrizes e feridas, além de diminuir até mesmo a coceira.

Também é muito utilizada em compressas para aliviar a febre, sendo colocada na testa para diminuição da temperatura corporal. Esse método de compressa também pode ser utilizado para aliviar dores musculares, sendo colocado sobre o local dolorido, e também para regiões inchadas, pois além de diminuir a dor, também ativa a circulação.

Seu suco embora controverso de ser feito sozinho em casa, se feito corretamente por especialistas ou em forma de capsulas feitas em farmácias de manipulação pode ser uma grande aliada em doenças digestivas como prisão de ventre, pois a casca tem grande quantidade de propriedades laxantes, aumenta a imunidade auxiliando em tratamento de gripes, resfriados e demais viroses. Sua propriedade antioxidantes e anti-inflamatória ajuda na limpeza do sistema digestivo prevenindo colesterol e também pedras nos rins.

Suco de Babosa
Suco de Babosa

Mesmo se não utilizada por motivos medicinais, a babosa pode ser utilizada apenas para ajudar o corpo humano, sendo ingerida como suco, esse serve para diversas áreas como auxílio de emagrecimento, aumento de imunidade, aumento de apetite sexual e também para manutenção do sistema digestivo. Em forma de gel ou baba, para proteção e hidratação do cabelo e da pele, relaxamento muscular, sendo utilizada para massagens.

A babosa é muito encontrada em cremes hidratantes, cremes estéticos, por conter colágeno em suas folhas, além de shampoos antiqueda e também anticaspa, sabonetes, condicionadores e até mesmo pasta de dente.

Embora ainda não seja comprovado cientificamente e alguns estudos, inclusive em faculdades brasileiras, estejam ainda em andamento, existem evidências que a babosa sozinha ou com auxílio de outros alimentos como mel podem ajudar no tratamento de câncer. Sozinha, sua evidência foi encontrada para tratamento de câncer de pele, e junto ao mel para tratamento de demais câncer, diminuindo as células cancerígenas após ingestão dessa mistura.

Lista de Doenças que a Babosa Atua de Forma Medicinal

Óleo de Babosa
Óleo de Babosa

Babosa é conhecida pelos egípcios há mais de seis mil anos como a planta da imortalidade, não à toa, pois é extensa a lista de doenças que podem ser curadas ou auxiliadas a sua cura graças as propriedades encontradas na babosa. Segue abaixo algumas delas:

  • Acne;
  • Queimadura;
  • Queda de Cabelo;
  • Seborreia;
  • Picadas de Insetos;
  • Hemorroidas;
  • Dores Musculares;
  • Gripes e Resfriados;
  • Estrias e Celulites;
  • Febre;
  • Prisão de Ventre;
  • Má Digestão;
  • Colesterol;
  • Pedra nos Rins;
  • Aumento do Apetite Sexual;
  • Problemas bucais como Aftas;
  • Câncer de pele.

Veja também

Flor Gardênia Amarela, Seca ou Doente: O que Fazer?

O doce aroma das gardênias nas flores anuncia o início do verão. O gênero Gardênia …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *