Home / Plantas / Araçá do Mato: Pé, Características, Benefícios e Nome Científico

Araçá do Mato: Pé, Características, Benefícios e Nome Científico

Dentre as muitas plantas que fazem parte da nossa flora, há inúmeras que produzem frutos bem saborosos. É o caso, por exemplo, da chamada araçá do mato, uma árvore bem conhecida em certas regiões do país, e cuja fruta, além de deliciosa, é uma ótima fonte de saúde para todos.

Quer saber um pouco mais sobre ela?

Então, vamos à leitura.

Características Básicas do Araçá do Mato

De nome científico Myrcianthes gigantea, o araçá do mato é nativo do sul da América Latina, compreendendo especificamente Brasil, Uruguai e Argentina. Seus frutos vão de uma coloração que vai do amarelo ao laranja e vermelho, sendo bastante apreciados por seu sabor, e sendo utilizados no preparo de muitas iguarias.

A altura da árvore pode chagar a 20 m de altura, e o diâmetro de seus troncos, 90 cm. As folhas são opostas e inteiras, com a floração acontecendo entre os meses de outubro e novembro. A frutificação, por sua vez, ocorre entre os meses de dezembro e março.

Sua distribuição geográfica se dá, principalmente, no estado do Rio Grande do Sul, mais precisamente em florestas de araucárias. O araçá do mato também pode ser encontrado na Serra do Sudeste, e, com menos frequência, da região da Depressão Central. Eventualmente, além do Rio Grande do Sul, essa planta pode ser encontrada nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Paraná e Santa Catarina.

Já o fruto dessa árvore (que é o araçá) possui um sabor semelhante ao da goiaba, com a diferença que ele é mais ácido, e possui um perfume mais acentuado. Em geral, trata-se de um fruto pequeno, arredondado, e com sementes. Pode tanto se comido in natura, quanto ser usado no preparo de sorvetes e refrescos.

Propriedades e Benefícios da Fruta do Araçá do Mato

Interessante notar que cerca de 84% da fruta do araçá do mato é composta de água, o que, obviamente, a torna excelente como alimento de hidratação. Ao mesmo tempo, a cada 100 g dela, você irá encontrar 247 kcal, 20 g de proteínas, 15 g de fibras, 85 mg de cálcio, 69 mg de fósforo, 98 mg de ferro e 21 mg de vitamina A.

Por ser uma fruta tão carregada de bons e importantes nutrientes, a araçá do mato pode ser bastante útil para a nossa saúde, a começar pela visão. Devido à boa quantidade de vitamina A, essa fruta pode ajudar a prevenir problemas, como catarata, além de tantos outros malefícios que atingem os olhos.

Outro benefício claro dessa fruta que ela melhora consideravelmente a digestão dos alimentos em geral, especialmente por ser rica em fibra dietética e também por conter uma boa quantidade de vitamina C. As fibras estimulam a digestão, além de ajudar a empurrar os alimentos pelo intestino delgado. Nesse sentido, é uma ótima opção para sobremesa.

A araçá do mato também é excelente para a saúde da tireoide, já que é uma fonte rica em fonte de cobre, uma substância importante no auxílio do metabolismo, , ajudando a regular a produção e a absorção de hormônios.

Outro auxílio fundamental dessa fruta é quanto À perda de peso que ela pode promover. Por ser rica em fibras, ajuda na diminuição do colesterol, e ainda por cima tem pouco açúcar (pelo menos, em comparação a outras frutas, como uvas e maçãs).

Essa quantidade reduzida de açúcar, inclusive, pode ser uma ótima pedida para quem é diabético. Por conter fibras e regular a pressão sanguínea, ele reduz os riscos de se ter picos de glicose no corpo.

Utilidades para o Tronco do Araçá do Mato

Ficando avermelhado com a soltura de escamas, o tronco dessa árvore é considerado madeira de lei. Devido a isso, ela é usada, por exemplo, em muitas tornearias por aí, especialmente, na confecção de cabos para ferramentas, moirões, ou simplesmente como madeira para lenha.

Em locais secos, a madeira do araçá do mato tem grande durabilidade e resistência, o que ajuda no fabrico de peça que, de fato, precisam de muita resistência. Além disso, a árvore, em si, é bastante usada para o paisagismo, compondo ruas e calçadas de muitas cidades por aí, já que o seu tronco é bastante rígido e pode durar anos e anos compondo aquela paisagem.

Aproveitando: uma Pequena Receita com a Fruta do Araçá do Mato

Agora que você já sabe bastante a respeito do araçá do mato, pode aproveitar a oportunidade e fazer uma bela iguaria com a sua fruta. Estamos falando do delicioso doce de araçá. Para fazê-los, você irá precisar apenas de 1 kg da fruta, 1 kg de açúcar cristal e 1 litro de água.

Depois de lavar bem os araçás e retirar os seus cabinhos, leva as frutas ao fogo com um pouco de água. Logo após a água ferver e elas começarem a ficar macias, desligue o fogo. Pegue uma por uma, e parta-as ao meio, retirando as sementes.

Por fim, pegue o litro de água e o açúcar e leve ao fogo, e quando a mistura começar a ferver, coloque os araçás. Quando a calda der “ponto de fio”, chegou a hora de retirar do fogo, esperar esfriar, e servir.

Não Confunda Araçá do Mato com Araçá do Campo

O nome pode ser semelhante, podem até parecer que são sinônimos, mas, não se engane: o araçá do mato e o araçá do campo são duas plantas distintas. Enquanto o primeiro, por exemplo, é uma árvore que pode chegar a 20 m de altura, o segundo é um arbusto que não chega a 2 m.

Outra diferença é que, ao contrário do araçá do mato, o do campo tem ocorrência em mais lugares, sendo encontrado, praticamente, em toda a América Latina, e em todo o Brasil.

Porém, tirando essas questões mais básicas, o que podemos dizer é que ambas as fruitas são bem semelhantes, com as duas possuindo a mesma polpa de gosto mais ácida que uma goiaba normal, por exemplo.

Ah, e ambas também fazem muito bem à saúde, diga-se de passagem. Então, pode consumir uma ou outra sem receio algum, já que as duas são ótimas fontes de substâncias que só têm a nos ajudar em termos de benefícios para a nossa saúde.

Veja também

Nectarina Sunlite: Características, Nome Científico, Muda e Fotos

A nectarina é uma fruta muito apreciada no Brasil e possui algumas variedades. Neste artigo, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *