Home / Natureza / Tipos De Goiabas, Variedades E Classificações Inferiores Com Fotos

Tipos De Goiabas, Variedades E Classificações Inferiores Com Fotos

Os vários tipos de goiabas e suas variedades que existem no mundo tem origem quase que exclusivamente da América do Sul, onde, depois de anos de cultivo, a América do Norte e a Eurásia passaram a ter exemplares nativos.

A goiaba é um fruto que passou a ser difundido depois das investidas europeias pela América do Sul, onde a goiaba do tipo Feijoa, em seu nome científico Feijoa sellowiana, ou vulgarmente chamada de goiaba-de-mato ou goiaba-serrana, mas que também é conhecida como goiaba-branca, passou a ser comercializada entre Europa e Ásia.

A goiaba aparece em cultivos de nativos sul-americanos desde o ano de 1500, e em terras norte-americanas, no ano de 1816, em áreas da Flórida.

A goiaba está, atualmente, distribuída por todos os Países do Sul da América e por quase todos os Países nortenhos e centrais, além de estarem presentes na Europa e na Ásia.

A goiaba é uma fruta cosmopolita, o que significa que ela consegue crescer em qualquer terreno que propicie as condições ideais para seu crescimento.

Além disso, a goiabeira é um tipo de árvore altamente resistente, e consegue crescer em variadas regiões, ambientes e climas.

No Brasil, a goiaba é uma das frutas mais conhecidas e consumidas pelos brasileiros, e altamente apreciada, tanto que da goiaba são feitos doces, compotas e sucos.

Inclusive, a goiaba faz parte da cultura brasileira, marcando a infância de muitas pessoas, pois era muito comum a presença de goiabeiras em quintais, já que as árvores crescem com tamanha facilidade.

Tipos De Goiabas, Variedades e Fotos

As goiabas que vem da Psidium guajava, são, na verdade, todas bem parecidas, e, popularmente, as goiabas não são diferenciadas, pois todas as árvores são iguais, mudando apenas o fruto.

As goiabeiras possuem quase as mesmas medidas, com troncos fortes e folhas sempre verdes.

No Brasil, uma das formas mais simples de se identificar uma goiaba, é dizendo se ela é uma goiaba vermelha ou branca, apesar de ambas serem verdes ou amarelas.

A polpa vermelha e a polpa branca dão gostos diferentes e por isso demarcam bastante quem as consome.

As goiabas mais conhecidas e consumidas no Brasil são goiabas clonadas da variedade de Goiaba Gigante da Tailândia e Goiaba Vermelha Paluma.

Essas variedades possuem casca verde um pouco enrugada e adquire tamanhos enormes, e também duram mais tempo do que as variedades convencionais.

Assim como no Brasil, a goiaba Paluma e a Tailandesa também são bastante consumidas em outros Países.

A goiaba é um tipo de fruto que deve ser consumido enquanto verde, pois na cor amarela ela pode apresentar bichos ou ter um gosto desagradável.

A goiaba é um dos principais alimentos dos animais, principalmente dos pássaros e dos morcegos, mas em áreas mais selvagens, macacos e inúmeras aves também consomem a goiaba quando a mesma está madura.

Variedades Em Geral e Classificações Inferiores Da Goiaba

Apesar de não haver uma distinção popular por parte dos consumidores, as goiabas são classificadas em alguns tipos e variedades através de composições científicas.

Confira algumas variedades e classificações inferiores da goiaba em seus nomes populares:

  • Pedro Sato
    Goiba Pedro Sato
    Goiba Pedro Sato

É uma variedade de goiaba bastante resistente e grande, podendo chegar a pesar 600 g.

  • Paluma
    Paluma
    Paluma

A paluma é a goiaba mais consumida e utilizada no País, e seu uso é exclusivamente industrial, apesar de ser vendidas também como goiaba para consumo. É dela que vem o famoso doce de goiaba em forma de geleia e em pacotes quadrados.

Essa goiaba foi criada nos laboratórios da UNESP.

  • Goiaba Rica
    Goiaba Rica
    Goiaba Rica

É uma goiaba de fácil cultivo, mas amadurece de forma temerária em relação às outras, por isso sua comercialização é menor, consequentemente. O fato de ser uma goiaba bastante conhecida, se dá por sua fácil reprodução.

  • Cortibel
    Cortibel
    Cortibel

Essa goiaba possui esse nome pelo fato de ter sido produzida pelo casal José Corti e Isabel Corti, em Santo Teresa, no Espírito Santo.

Para que o casal chegasse ao resultado final, mais de 20 anos de estudos foram realizados, e hoje em dia a produção fica em cargo da empresa Frucafé Mudas e Plantas Ltda.

  • Tailandesa
    Tailandesa
    Tailandesa

A goiaba tailandesa possui esse nome pelo fato de que seus primeiros exemplares terem sido trazidos da Tailândia, tanto que ela também é chamada de goiaba da Tailândia.

  • Ogawa
    Ogawa
    Ogawa

É uma goiaba que pode pesar até 400g e possui poucas sementes. Sua maior característica é sua casca lisa.

  • Amarela
    Goiaba Amarela
    Goiaba Amarela

Uma variedade da goiaba que apresenta a pouca branca. É menos comercializada e mais difícil de ser encontrada se comparada às vermelhas.

  • Kumagai
    Goiaba Kumagai
    Goiaba Kumagai

Bem parecida com a Ogawa, pois possui a casca lisa, apesar de bastante grossa.

Essas goiabas são exemplares criados por agricultores e registrados na RNC (Registro Nacional de Cultivares).

Não obstante, existe as variedades da Psidium. Cientificamente, as goiabeiras fazem parte da mesma família dos araçás.

Confira todas elas:

  • Psidium acutangulum: Araçá-Pera
    Psidium Acutangulum
    Psidium Acutangulum
  • Psidium acutatum
    Psidium Acutatum
    Psidium Acutatum
  • Psidium Alatum
    Psidium Alatum
    Psidium Alatum
  • Psidium Albidum: Araçá-branco
    Psidium Albidum
    Psidium Albidum
  • Psidium Anceps
    Psidium Anceps
    Psidium Anceps
  • Psidium Anthomega
    Psidium Anthomega
    Psidium Anthomega
  • Psidium Apiculatum
    Psidium Apiculatum
    Psidium Apiculatum
  • Psidium Appendiculatum
    Psidium Appendiculatum
    Psidium Appendiculatum
  • Psidium Apricum
  • Psidium Araucanum
    Psidium Araucanum
    Psidium Araucanum
  • Psidium Arboreum
    Psidium Arboreum
    Psidium Arboreum
  • Psidium Argenteum
    Psidium Argenteum
    Psidium Argenteum
  • Psidium Bahianum
    Psidium Bahianum
    Psidium Bahianum
  • Psidium Canum
    Psidium Canum
    Psidium Canum
  • Psidium Cattleianum: araçá-rosa ou araçá-de-comer
    Psidium Cattleianum
    Psidium Cattleianum
  • Psidium Cattleianum ssp. lucidum (Limão Guava)
    Psidium Cattleianum ssp. lucidum
    Psidium Cattleianum ssp. lucidum
  • Psidium Cinereum: araçá-cinzento
    Psidium Cinereum
    Psidium Cinereum
  • Psidium Coriaceum
    Psidium Coriaceum
    Psidium Coriaceum
  • Psidium Cuneatum
    Psidium Cuneatum
    Psidium Cuneatum
  • Psidium Cupreum
    Psidium Cupreum
    Psidium Cupreum
  • Psidium Densicomum
    Psidium Densicomum
    Psidium Densicomum
  • Psidium Donianum
    Psidium Donianum
    Psidium Donianum
  • Psidium Dumetorum
    Psidium Dumetorum
    Psidium Dumetorum
  • Psidium Elegans
    Psidium Elegans
    Psidium Elegans
  • Psidium Firmum: araçá-do-cerrado
    Psidium Firmum
    Psidium Firmum
  • Psidium froticosum
    Psidium Fruticosum
    Psidium Fruticosum
  • Psidium Gardnerianum
    Psidium Gardnerianum
    Psidium Gardnerianum
  • Psidium Giganteum
    Psidium Giganteum
    Psidium Giganteum
  • Psidium Glaziovianum
    Psidium Glaziovianum
    Psidium Glaziovianum
  • Psidium Guajava: goiaba
    Psidium Guajava
    Psidium Guajava
  • Psidium Guazumifolium
    Psidium Guazumifolium
    Psidium Guazumifolium
  • Psidium Guineense: araçá-do-campo
    Psidium Guineense
    Psidium Guineense
  • Psidium Hagelundianum
    Psidium Hagelundianum
    Psidium Hagelundianum
  • Psidium Herbaceum
    Psidium Herbaceum
    Psidium Herbaceum
  • Psidium Humile
    Psidium Humile
    Psidium Humile
  • Psidium Imaruinense
    Psidium Imaruinense
    Psidium Imaruinense
  • Psidium Inaequilaterum
    Psidium Inaequilaterum
    Psidium Inaequilaterum
  • Psidium Itanareense
    Psidium Itanareense
    Psidium Itanareense
  • Psidium Jacquinianum
    Psidium Jacquinianum
    Psidium Jacquinianum
  • Psidium Lagoense
    Psidium Lagoense
    Psidium Lagoense
  • Psidium Langsdorffii
    Psidium Langsdorffii
    Psidium Langsdorffii
  • Psidium Laruotteanum
    Psidium Laruotteanum
    Psidium Laruotteanum
  • Psidium Leptocladum
    Psidium Leptocladum
    Psidium Leptocladum
  • Psidium Luridum
    Psidium Luridum
    Psidium Luridum
  • Psidium Macahense
    Psidium Macahense
    Psidium Macahense
  • Psidium Macrochlamys
    Psidium Macrochlamys
    Psidium Macrochlamys
  • Psidium Macrospermum
    Psidium Macrospermum
    Psidium Macrospermum
  • Psidium Mediterraneum
    Psidium Mediterraneum
    Psidium Mediterraneum
  • Psidium Mengahiense
    Psidium Mengahiense
    Psidium Mengahiense
  • Psidium Minense
    Psidium Minense
    Psidium Minense
  • Psidium Multiflorum
    Psidium Multiflorum
    Psidium Multiflorum
  • Psidium Myrsinoides
    Psidium Myrsinoides
    Psidium Myrsinoides
  • Psidium Myrtoides: araçá-roxo
    Psidium Myrtoides
    Psidium Myrtoides
  • Psidium Nigrum
    Psidium Nigrum
    Psidium Nigrum
  • Psidium Nutans
    Psidium Nutans
    Psidium Nutans
  • Psidium Oblongatum
    Psidium Oblongatum
    Psidium Oblongatum
  • Psidium Oblongifolium
    Psidium Oblongifolium
    Psidium Oblongifolium
  • Psidium Ooideum
    Psidium Ooideum
    Psidium Ooideum
  • Psidium Paranense
    Psidium Paranense
    Psidium Paranense
  • Psidium Persicifolium
    Psidium Persicifolium
    Psidium Persicifolium
  • Psidium Pigmeum
    Psidium Pigmeum
    Psidium Pigmeum
  • Psidium Pilosum
    Psidium Pilosum
    Psidium Pilosum
  • Psidium Racemosa
    Psidium Racemosa
    Psidium Racemosa
  • Psidium Racemosum
    Psidium Racemosum
    Psidium Racemosum
  • Psidium Radicans
    Psidium Radicans
    Psidium Radicans
  • Psidium Ramboanum
    Psidium Ramboanum
    Psidium Ramboanum
  • Psidium Refractum
    Psidium Refractum
    Psidium Refractum
  • Psidium Riedelianum
    Psidium Riedelianum
    Psidium Riedelianum
  • Psidium Riparium
    Psidium Riparium
    Psidium Riparium
  • Psidium Robustum
    Psidium Robustum
    Psidium Robustum
  • Psidium Roraimense
    Psidium Roraimense
    Psidium Roraimense
  • Psidium Rubescens
    Psidium Rubescens
    Psidium Rubescens
  • Psidium Rufum: araçá-cagão
    Psidium Rufum
    Psidium Rufum
  • Psidium Salutare: araçá-rasteiro
    Psidium Salutare
    Psidium Salutare
  • Psidium Sartorianum: cambuí
    Psidium Sartorianum
    Psidium Sartorianum
  • Psidium Schenckianum
    Psidium Schenckianum
    Psidium Schenckianum
  • Psidium Sorocabense
    Psidium Sorocabense
    Psidium Sorocabense
  • Psidium Spathulatum
    Psidium Spathulatum
    Psidium Spathulatum
  • Psidium Stictophyllum
    Psidium Stictophyllum
    Psidium Stictophyllum
  • Psidium Subrostrifolium
    Psidium Subrostrifolium
    Psidium Subrostrifolium
  • Psidium Suffruticosum
    Psidium Suffruticosum
    Psidium Suffruticosum
  • Psidium Terminale
    Psidium Terminale
    Psidium Terminale
  • Psidium Ternatifolium
    Psidium Ternatifolium
    Psidium Ternatifolium
  • Psidium Transalpinum
    Psidium Transalpinum
    Psidium Transalpinum
  • Psidium Turbinatum
    Psidium Turbinatum
    Psidium Turbinatum
  • Psidium Ubatubense
    Psidium Ubatubense
    Psidium Ubatubense
  • Psidium Velutinum
    Psidium Velutinum
    Psidium Velutinum
  • Psidium Widgrenianum
    Psidium Widgrenianum
    Psidium Widgrenianum
  • Psidium Ypanamense
    Psidium Ypanamense
    Psidium Ypanamense

Percebe-se que existe uma grande variedade de goiabas, e as mesmas dividem seus nomes científicos com os araçás

Não obstante, a goiaba sempre provém da Psidium guajava.

Veja também

Quantas Gramas De Proteína Tem Um Ovo Cozido?

Ovos são o tipo de alimento, salvo algumas exceções, perfeito para pessoas de qualquer idade, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *