Home / Natureza / O Que é Polimerização e Despolimerização?

O Que é Polimerização e Despolimerização?

O citoesqueleto funciona com uma espécie de sustento interno das células de diversos seres vivos. Mas diferente do esqueleto formado de ossos, ele possui uma estrutura com comportamento muito dinâmico. No artigo hoje vamos falar um pouco do citoesqueleto, sua composição   e sobre os processos de polimerização e despolimerização. Para aprender é só continuar acompanhando. Preparado?

Como é Formado o Citoesqueleto

O citoesqueleto é formado por três filamentos muito diferentes entre si. Eles são: microtúbulos, filamentos intermediários e microfilamentos (também conhecidos como filamentos de actina)

O microtúbulo é alongado e são formados de tubulina. Eles também possuem uma estrutura rígida com mais ou menos vinte nanômetros de diâmetro. Possuem a função de organizar os cromossomos, manter a forma da célula, ancorar as organelas, criar força e formar a parede da célula.

Podem ser polares, radiais e cinetócoros e participam da formação de fusos mióticos, flagelos e cílios. Além disso, só aparecem em seres eucariontes.

Citoesqueleto - Função e Componentes
Citoesqueleto – Função e Componentes

Já os microfilamentos são feitos de actina e alguns outros tipos de proteínas. Como são muito finos e possuem flexibilidade ajudam na realização dos movimentos da célula. O terceiro componente do citoesqueleto é o filamento intermediário, que pode ser encontrado em algumas proteínas de fibra. Eles são responsáveis por auxiliam o tecido celular a permanecer estável.

Os microtúbulos, um dos componentes do citoesqueleto, são formados a partir de um processo chamado polimerização. Mas o que isso significa? Continue acompanhando para entender sobre esse importante processo celular.

O que é Polimerização e a Despolimerização?

Polimerização
Polimerização

A polimerização/despolimerização é um processo dependente de energia (sob a forma de GTP). A polimerização/despolimerização ocorre em velocidades diferentes nas duas extremidades dos microtúbulos. Assim, uma das extremidades tem mais tendência a polimerizar (extremidade +) e a outra possui mais tendência a despolimerizar (extremidade -).

É importante lembrar que as extremidades estão   dentro de um centro organizador de microtúbulos, que na maioria dos casos é representado pelo  centrossoma. Além disso, os microtúbulos  realizam esse  processo de  polimerização/despolimerização constante a partir dos centrossomas.

É importante lembrar que a polimerização ou despolimerização pode sofrer interferência de alguns tipos de substâncias químicas.

Principais Funções da Polimerização

A polimerização proporciona a formação de moléculas grandes que se chamam polímeros. Isso só é possível por meio da combinação de moléculas menores que se chamam monômeros. É um fenômeno muito comum e pode ser observado em alguns carboidratos. Além disso, os polímeros podem ser processados de forma artificial e muito utilizados em diversos produtos utilizados no nosso cotidiano.

O primeiro polímero produzido por meio sintético foi a conhecido como baquetite e feito a partir do estudo de um químico da Bélgica.

De forma simples podemos dizer que para que um monômero combine com outro é necessário que exista uma ligação química para ser realizada (também conhecida como valência livre).

A polimerização acontece por diversas reações como: reação de polimerização por adição,  reação de polimerização por adição 1,4 e reação de polimerização por condensação (ou eliminação).

De forma prática podemos citar dois exemplos de polímeros que são muito utilizados no nosso dia a dia: o polietileno (utilizado na fabricação de sacos e alguns produtos como brinquedos) e o PVC, material muito conhecido e utilizado em instalações de encanamentos. Além disso, o PVC também é usado em sacos, discos e em diversos produtos que conhecemos.

Funções do Citoesqueleto

Como o próprio nome destaca, o citoesqueleto tem com função principal o sustento da célula. É ele que também confere uma resistência a ela. Além disso, é por meio do citoesqueleto que a célula pode realizar movimentos internos e auxiliar no transporte de algumas estruturas pelo citoplasma.

De forma geral, podemos dizer que ele parece com os nossos músculos e ossos. Assim, o citoesqueleto é como se fosse uma espécie de” esqueleto das células”. Interessante, não é mesmo?

Funções do Citoesqueleto
Funções do Citoesqueleto

Resumo Sobre o Processo de Polimerização

Para encerrar nosso artigo preparamos um resumo das principais informações sobre a polimerização/despolimerização. Confira!

  • A polimerização é o nome dado para uma reação que dá origem aos polímeros. Os polímeros, por sua vez, são estruturas macromoleculares formadas por meio de diversos monômeros (unidade molecular).
  • Os polímeros podem ser classificados a partir das suas características, o que envolve: família, estrutura molecular, maneira que reagem de acordo com ações, natureza e formas de polimerização.
  • Mas qual a função da polimerização? A polimerização pode ser considerada uma das reações mais importantes das células, já que são fundamentais para a formação das macromoléculas.
  • Existem polimerização por condensação e por adição.

  • Um ponto interessante que deve ser destacado sobre os polímeros é a questão da proteção ambiental. Mas qual a relação entre um e outro? O que acontece é que as macromoléculas apresentam uma dificuldade em realizar decomposição. Portanto, para que materiais feitos de polímeros sejam “eliminados” é preciso de um processo muito lento e até mesmo caro. Dessa forma, a conscientização é essencial no consumo de produtos e materiais que são compostos por ele.  Os mais conhecidos são o PVC e o polietileno, usados em sacolas plásticas, fios e diversos outros produtos muito presentes na nossa vida.

Encerramos nosso artigo por aqui! Que tal nos deixar um comentário, sugestão ou dúvida no nosso espaço logo abaixo? Ficamos muito felizes com a sua visita e convidamos você a acompanhar novos artigos sobre natureza, animal e plantas aqui no Mundo Ecologia. Todos os dias temos novos conteúdos!

Você também pode compartilhar esse conteúdo com seus amigos e nas suas redes sociais.  Esperamos encontrar você sempre por aqui! Até a próxima!

Veja também

O Que o Gengibre Faz no Nosso Organismo?

O consumo de alimentos naturais para a cura dos mais diversos problemas está se tornando …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *