Home / Animais / Tudo Sobre o Pintado: Características, Nome Cientifico e Fotos

Tudo Sobre o Pintado: Características, Nome Cientifico e Fotos

Os peixes fazem parte dos ecossistemas mais complexos e menos estudados de todo o mundo, o que faz com que esses animais também possuam muitos detalhes interessantes e pouco estudados pela sociedade.

Dessa maneira, os peixes podem ser tanto de água doce como de água salgada, mas, nos dois casos, o mais normal é que as pessoas tenham muitas dúvidas e ideias equivocadas sobre esses animais. Isso acontece, também, no que se relaciona aos peixes mais famosos do Brasil e até mesmo do mundo, como é o caso de muitas espécies nacionais.

Assim, nem mesmo esses peixes de mais destaque chegam a ser plenamente reconhecidos pelo que realmente são. Em um exemplo prático, é isso o que acontece, por exemplo, com o peixe pintado. Portanto, o pintado está entre os peixes de água doce mais famosos de todo o Brasil, mas ainda sofre com muito desconhecimento em relação a ele.

Natural das bacias do Rio São Francisco e Paraná, além da bacia do Rio da Prata, o peixe pintado é muito usado para a composição de inúmeros pratos da culinária brasileira, seja pratos indígenas ou não. De toda maneira, o certo é que o peixe pintado tem diversos detalhes e características que merecem um olhar mais aprofundado.

Pintado-Real Peixe
Pintado-Real Peixe

Características do Peixe Pintado

O peixe pintado pode ser muito grande, chegando a pesar cerca de 85 quilos quando em fase adulta e já maduro. Contudo, apenas peixes realmente grandes dessa espécie pesam tanto, já que a média está um pouco abaixo disso, mais por volta dos 50 ou 60 quilos. Em todo caso, o peixe pintado ainda possui cabeça bastante larga, mais larga que aquela de outros animais do mesmo gênero.

Isso se deve aos fatores de adaptação pelo qual o peixe pintado passou ao longo da história, que tornaram esse animal bastante diferente em relação a muitos outros do mesmo gênero. A grande característica física do peixe pintado, entretanto, está nos pontos presentes ao longo de todo o seu corpo.

Com uma série de pontinhos pelo corpo, esse peixe possui fama nacional e até mesmo internacional, sendo sempre lembrado por tal detalhe. As barbatanas do animal, aquela parte do corpo usada para facilitar a natação, já possui um tom de vermelho, dando um belo contraste em relação ao restante do corpo do peixe, que costuma ter tons de verde e de cinza, em uma união de cores.

Nome Científico e Formas de Uso Para o Peixe Pintado

O peixe pintado atende também pelo nome científico de Pseudoplatystoma corruscans. Contudo, com um nome científico tão grande, é possível entender o porquê de as pessoas apenas chamarem o animal pela sua alcunha mais popular. Quanto às maneiras de usar o peixe pintado, a grande maioria delas se relaciona à culinária, já que esse tipo de peixe é muito bom para o preparo de diversos pratos.

Dessa maneira, o peixe pintado costuma fazer parte da culinária de muitos povos indígenas, que ao longo do tempo fora usando o animal quase como uma divindade em termos de comida.

Assim, o apreço pelo peixe pintado possui um ponto central muito bom: o animal quase não tem espinhas. Logo, por ser um peixe fácil de comer, muitas vezes os povos indígenas do passado o serviam nos principais banquetes dessas sociedades. Além disso, o peixe pintado também pode ser bastante adaptável, podendo ser saboroso servido junto a alguma sopa, frito ou cozido.

Logo, com tantas formas de preparar o peixe, é bastante normal que essa espécie logo tenha feito sucesso para todo o restante do Brasil. Atualmente, já é bastante acessível achar o peixe pintado em praticamente qualquer parte do país.

Pesca e Peixe Pintado

O peixe pintado é uma espécie bastante numerosa quando se trata de algumas bacias hidrográficas do Brasil, como é o caso da bacia do Prata, do Rio São Francisco e do Rio Paraná. Assim, por ser tão saboroso, estar sempre presentes em água doce e, portanto, ser de fácil acesso, o peixe pintado é muito buscado pelos pescadores.

Dessa maneira, seja para a caça esportiva ou para a alimentação, há algumas dicas a considerar antes de começar a pescaria em busca do melhor peixe pintado da região. No caso, é bastante interessante que o equipamento usado para a pesca seja de médio a pesado, já que o peixe pintado pode ter grande porte.

Linhas e anzóis, portanto, devem ter a capacidade de suportar grandes pesos para que, assim, sejam capazes de sustentar todo o peso do pintado. Já as iscas costumam ser peixes ainda menores que o pintado, já que esse animal realmente gosta de comer outros peixinhos.

Já quando se trata da pesca profissional, aquela em larga escala, os cuidados devem ser ainda maiores, pois um alto número de pintados na rede pode fazer com que o equipamento até mesmo não suporte todo o peso. Logo, tenha atenção aos detalhes referentes à força do equipamento, pois essa é uma parte essencial.

Habitat e Mais Detalhes Sobre o Peixe Pintado

O peixe pintado está presente nas porções de água doce no Brasil, mais precisamente em três bacias hidrográficas, com seus rios principais e afluentes: as bacias dos Rios da Prata, São Francisco e Paraná. Dessa maneira, a área de atuação do peixe é muito grande, podendo essa espécie ocupar grande parte de todo o território brasileiro.

Em geral, o pintado costuma ficar mais em áreas de aguapés e camalotes, tendo hábitos mais noturnos, até mesmo para ser capaz de fugir dos predadores. É por isso que, muitas vezes, os pescadores esportivos optam por rumar em busca do peixe pintado à noite, quando o animal costuma estar mais disposto a se expor.

De toda maneira, por outro lado, pode ser bastante complicado pegar um pintado depois que escurece. Isso porque animais dessa espécie costumam ter cor escura, o que torna mais complicado vê-los depois que a noite já caiu. Por fim, o peixe pintado ainda pode habitar lagoas e lagos adjacentes aos afluentes e rios principais, onde é ainda mais simples realizar a pesca desses animais, tornando o trabalho mais acessível.

Veja também

Marreco Pompom: Características, Hábitat e Nome Científico

O marreco pompom (crested duck) é uma ave ornamental considerada uma variação genética do marreco …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *