Home / Animais / Tudo Sobre o Bicho-da-Seda: Características e Fotos

Tudo Sobre o Bicho-da-Seda: Características e Fotos

Você provavelmente já ouviu falar ou já ate vestiu uma roupa cujo tecido era a seda. Trata-se de um tecido feito de forma diferente dos outros, sua origem é muito peculiar, pois se diferencia de todos os outros tecidos que são fabricados e comercializados. O bicho-da-seda é o responsável por produzir esse tecido, pois é! Pode ser estranho, os métodos de produção realmente podem causar um estranhamento, mas o produto final é macio, de muita qualidade e diferente de qualquer outro tecido conhecido.

Vamos entender o processo de fabricação natural da seda, conhecer os bichos de seda e suas características.

Bicho-da-Seda: Do Início ao Fim

Existe um bicho especifico para a fabricação do tecido seda, mas há outros bichos que também produzem seda, mas não é uma seda comercial. O que trataremos aqui é somente a larva ou lagarta especifica que produz a seda que conhecemos e compramos. O Brasil é um grande exportador de seda para a Europa, nosso clima tropical oferece recursos para a criação do bicho da seda.

Os maiores criadores e produtores do bicho da seda se encontram no Paraná, sul do Brasil. Lá, mais de cem famílias tem a fabricação da seda como negócio principal. Os processos são cuidadosos e precisos para um tecido puro e de qualidade.

Sedas
Sedas

Apesar de todas as lagartas produzirem seda na fase de casulos, somente uma espécie é criada especificamente para isso, a lagarta da mariposa doméstica. Um inseto muito valioso e importante para a economia brasileira. Cada criação ultrapassa os milhares e produzem toneladas de seda.

Para o mantimento, desenvolvimento e nutrição dessas lagartas, elas precisam se alimentar, a alimentação faz toda a diferença no produto final. Para isso, elas são alimentadas com folhas de amoreira, pense que isso movimenta outro comércio. Essas folhas não podem conter larvicidas ou inseticidas, por isso a produção dessas amoreiras deve ser bem cuidadosa também.

As lagartas são muito alimentadas, pois a quantidade e qualidade de nutrição serão cruciais para a formação dos casulos de seda. Aí então começa todo o processo.

Fabricação da Seda

  • Nutrição: As lagartas são alimentadas muitas vezes ao dia, a intenção é que elas realmente comam muito. Alimentação é estritamente feita de folhas de amora. A qualidade das folhas está ligada diretamente a qualidade da seda, a quantidade de comida também esta ligada. Enfim, a alimentação precisa ser excessiva e qualitativa. Quanto melhor for, melhor será a qualidade do casulo e finalmente, da seda.
  • Casulos: Depois da fase de nutrição, as lagartas sobem para seus respectivos lugares chamados pela indústria de ‘apartamentos’ lá elas formarão casulos espessos e brancos. Esses casulos serão coletados e enviados a uma segunda fase de produção. Eles serão inspecionados e sua qualidade será caracterizada. Para entender melhor, imagine um novelo de lã. É basicamente assim a estrutura dos casulos, eles formam uma linha e a enrola até formar um casulo medindo em média 8 centímetros de altura. Esse casulo é ensacado e pesado.
  • Linha de produção: A partir daí o processo é totalmente industrial. Os casulos são fervidos e separados entre bons e ruins, puros ou não. Os impuros ou de qualidade menor são separados e reaproveitados para outros tecidos, já os puros seguem na linha para a produção da seda. Existem pequenas vassourinhas de palha que detectam o fim da linha para que o novelo seja puxado e a linha seja preparada para ser enviada aos compradores.
Fabricação da Seda
Fabricação da Seda

Processo completo, 90% da produção é enviada para a Europa, o restante é comercializado internamente para a produção têxtil brasileira. As lagartas, portanto, são os produtores primários da seda, que é um tecido natural.

A Produção de Seda é Prejudicial?

Depois de todo esse processo, raramente a lagarta sobrevive, normalmente o que sobre também é comercializado como ração para peixes. No fim das contas, todo o processo é muito agressivo para os animais e vantajoso somente para o comercio de seda. Isso já se tornou motivo para muitas reivindicações de grupos militantes e protetores dos animais. O fato é que, hoje em dia, tudo é feito para vantagem e riqueza, sem pensar no sofrimento de outros seres vivos.

Mariposa
Mariposa

A única vantagem é que as mariposas que põem ovos, para que dos ovos saiam as lagartas, precisam dos viveiros para que elas possam sobreviver. Elas não podem voar, e quando são encontradas na natureza, pode-se ter certeza de que há um viveiro por perto. As mariposas têm sua vida prolongada quando estão destinadas a entrarem para a produção de seda, isso porque é proporcionado tudo o que ela precisa para que se desenvolva e reproduza, criando assim, lagartas saudáveis e produtoras eficazes de seda de qualidade.

Sericultura: Informações

O nome de todo esse comércio da produção de seda é sericultura e quem trabalha em todo esse processo chama-se sericultores. Os bichos de seda são essenciais, e sem eles nada acontece. Já houve e ainda há alternativas para essa produção, considerando o dano biológico que ela causa, muitos já tentaram outros tipos de fabricação com sedas diferentes, enfim.

Apesar se serem métodos válidos e a intenção ser muito boa, nenhuma produção que não seja com bichos de seda chega a qualidade que eles chegam. Por isso a seda é um tecido fino, elegante e dependendo da qualidade, é vendido a preços altos. Movimenta altos valores na indústria da moda.

É possível que a pratica da criação de bichos de seda seja muito antiga, especialistas dizem que a pratica iniciou-se na China a mais de 5000 anos atrás. Não é a toa que a China está entre as maiores produtoras e exportadoras da seda da melhor qualidade. Muitos biólogos acreditam que as mariposas domesticas não eram dependentes dos humanos até que se criassem os criadouros.

A partir dai elas foram perdendo aos poucos, suas habilidades de vida selvagem. Hoje elas não podem voar, batem as asas e se mantem por alguns segundos, mas seu corpo tornou-se muito grande para suas asas frágeis e pequenas. Hoje servem para serem criadas e reproduzirem a fim de que as lagartas sejam utilizadas na produção da seda.

Veja também

Hábitat do Iaque

Hábitat do Iaque: Onde Eles Vivem?

Os iaques ou yaks (nome científico Bos grunniens) são bovídeos encontrados em áreas de levadíssima …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *