Home / Animais / Tatu: Peso, Tamanho, Altura, Comprimento e Imagens

Tatu: Peso, Tamanho, Altura, Comprimento e Imagens

A última Era Glacial há mais de dez mil anos atrás, extinguiu a mega fauna existente em virtude das baixíssimas temperaturas e da escassez de alimentos disponíveis. Para ilustrar nosso artigo sobre os tatus, vamos voltar no tempo e observar os Gliptodontes, que viviam naquele tempo. Esses animais pré históricos mediam cerca de 3 mts. de comprimento e pesavam mais de uma tonelada e lembravam os tatus atuais.

Assim como o tatu moderno, os gliptodontes eram cobertos por osteodermos, ou seja por placas ósseas não articuladas, formando uma grande armadura. O reconhecimento de cada espécie de gliptodonte era possível pelo formato e arranjo da variada ornamentação de suas placas muito espessas.

Os gliptodontes, da ordem Xenarthra, eram mamíferos que viveram na América do Sul há 37 milhões de anos atrás, de onde migraram pra outras partes do continente americano. Após a extinção da megafauna, seus parentes bem menores, mais leves e com couraça mais flexível, sobreviveram. O tatu moderno, dependendo da espécie pesa em média entre dois e seis kg. e medem um pouco mais de 40 cm, incluindo a cauda.

Tatu: Peso, Tamanho, Altura, Comprimento e Imagens

Tatu Canastra (Priodontes Maximus)

A cidade de Gurupi, no Tocantis, registrou a presença de um ilustre visitante de quatro patas, recentemente, e não era um boi nelore, fugido dos seus muitos pastos, uma vez que é uma cidade de economia baseada na agropecuária de corte, e nem era o pintinho tornado famoso há três anos atrás por ter nascido com quatro patas. A Companhia Militar Ambiental de Gurupi, foi chamada para capturar um tatu canastra, que perambulava pelas ruas.

O tatu canastra é uma espécie ameaçada de extinção, cujo tamanho desperta a atenção dos observadores. Não chega a ser grande quanto seu parente pré histórico, o gliptodonte, mas é muito maior de que a média das dimensões médias dos tatus conhecidos. Enquanto a média dos tatus é de pouco mais de 40 cm. de comprimento, incluindo a cauda, o tatu canastra mede mais do que o dobro disso, tendo mais de um metro de comprimento, além da cauda que mede mais meio metro. A média de peso dos tatus é de 5 kg mais ou menos, o tatu canastra chega a pesar seis vezes mais, ultrapassando os 30 kg e até 40 kg.

Priodontes Maximus

Os militares da companhia ambiental que capturaram o tatu revelaram que a presença do tatu canastra na região é pitoresca, não havendo registro anterior da presença do animal na região. Um lavrador, ativo na região há 40 anos, revelou que quando criança, já havia sido registrado o aparecimento de tatu canastra, ainda maiores do que o noticiado.

Pichiciego Menor (Chlamyphorus Truncatus)

Depois do aprendermos sobre o tatu canastra considerado o maior e mais raro tatu do mundo, vamos olhar para a o extremo oposto deste tema, vamos conhecer o menor tatu do mundo que é tão raro quanto o tatu canastra. Se o tatu canastra com aquele tamanhão consegue se manter escondido quase 18 horas pro dia dentro de suas tocas, imagine a chance de ver o pichiciego com apenas 10 cm., e com a mesma mania de se esconder em buracos dentro do mato.

Este é um  pequeno hermano de vida noturna, mas não é o Maradona, é um tatuzinho rosa que, quando adulto, pesa em torno de 120 gr. e mede uns 13 cm. no máximo, incluindo a cauda, mostrando-se talvez o melhor cavador entre os tatus, com seu corpo fusiforme.

Tatu Peba (Euphractus Sexcinctus)

O tatu peba esta dentro do padrão de medidas mais comuns entre os tatus. Suas dimensões giram em torno de 50 cm. de comprimento e peso máximo de 6 kg, bem dentro da média.

Uma família diferente da que o tatu peba pertence, os dasipodídeos, do gênero Dasypus, está dividida em seis espécies, com particularidades diferentes entre si, no quesito dimensões físicas:

Tatu Mulita (Dasypus Septemcinctus Hybridus)

Também chamado tatu-de-nariz-longo-do-sul por causa de seu focinho comprido, pesam em média 4 kg, e medem perto de 12 cm., além de sua cauda de mais ou menos 5 cm. de comprimento. Seus membros são curtos com quatro garras nas patas dianteiras e cinco garras nas patas traseiras.

Tatu-de-quinze-quilos (Dasypus Kappleri)

Suas dimensões não corroboram seu nome, posto que sua média está abaixo dos quinze kg. se estabelecendo em torno de 10 kg, com tamanho dentro da média de 50 cm.

Tatu Galinha (Dasypus Novemcinctus)

Em assunto de dimensões o tatu galinha também encontra-se acima da média, como o tatu canastra. Seu comprimento varia entre 40 cm. e 60 cm., e peso entre 3 e 7 kg, além da cauda que mede entre 30 e 45 cm. Sua carapaça é dividida em 9 cintas móveis (placas osteodérmicas) e sua cauda tem mais de 12 anéis.

Tatus-de-Nariz-Comprido-Peludo (Dasypus Pilosus)

Este membro da família é diferentão dos demais membros da família dasipodiana, pois possui uma carapaça oculta por cabelos abundantes, a presença de mais bandas móveis e um crânio delgado. Compartilha o mesmo tamanho e peso de seu parente tatu galinha.

Dasypus Pilosus

Tatu Sabanero (Dasypus Sabanicola)

Este tatu colombiano é mais pesado do que o tatu galinha, chegando próximo dos 10 kg. de peso quando adulto, seu tamanho gira em torno de meio metro.

Tatu: Peso, Tamanho, Altura, Comprimento e Imagens

Cuidados

Lembra do tatu canastra que acharam em Gurupi, no Tocantis, então aquele animal silvestre foi capturado cansado e machucado, por causa dos ferimentos que lhe foram infringidos na tentativa de imobilização. Aparentemente foi hospitalizado, medicado, recuperado e solto novamente em um ambiente apropriado.

Mundo Ecologia aproveita a oportunidade para esclarecer que caso o leitor encontre um animal silvestre em sua propriedade, não pode aprisioná-lo. Constitui-se crime, sujeito a prisão e multa. Apenas criadores legalizados e controlados pelo IBAMA tem autorização de manter animais silvestres fora de seu habitat.

A aparição de animais silvestres, fora do seu habitat, em propriedades particulares, deve ser acompanhada por veterinários, preparados para esta ação, pois uma pessoa inapta, pode causar danos ao animal. A primeira providência nesta situação é comunicar-se com o Zoológico mais próximo, ou alguma entidade de defesa e proteção aos animais.

No próximo artigo da série, vamos nos aprofundar ainda mais nas diferenças entre os membros da família dos tatus.

by [email protected]

Veja também

Reprodução da Irara: Filhotes e Período de Gestação

Irará (lat.Eira barbara) – é um animal que parece estar quase sempre em busca de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *