Home / Animais / Sapo Boi é Venenoso?

Sapo Boi é Venenoso?

O sapo boi (nome científico Rhinella marina) é uma espécie distribuída em todo o território nacional e conhecida pelo nome mais usual de sapo cururu. Esta espécie está inclusa no Gênero Rhinella, o qual também abrange centenas de outras espécies.

Esta espécie possui um apetite intenso e em decorrência disso, já foi introduzido nas ilhas do Caribe e nas áreas próximas ao Oceano Pacífico como ferramenta para controle biológico de pragas.

Atualmente na Austrália, a presença do sapo boi é intensa, transformando essa espécie em uma praga biológica. No entanto, a inserção deste animal no país foi realizada com o objetivo de controlar a população de escaravelhos nas lavouras de cana-de-açúcar, liberando aproximadamente 3 mil sapos no ano de 1935. No entanto, essa ação não obteve êxito, visto que os sapos começaram a se reproduzir desenfreadamente, e, hoje em dia, está com o número próximo de milhões. Como no ecossistema da Austrália há poucos predadores naturais para o sapo, a única alternativa encontrada pelo governo para controle dessa população tem sido o estímulo à matança desses animais.

O sapo boi é conhecido pelo seu inconfundível sistema de defesa, no qual libera um líquido leitoso sobre o agressor. Mas será que essa substância pode ser considerada venenosa?

Neste artigo, você descobrirá se o sapo boi é venenoso ou não, e conhecerá algumas importantes características da espécie.

Então venha conosco e boa leitura.

Sapo Boi Classificação Taxonômica

O sapo boi pertence ao Reino Animalia, Filo Chordata, Classe Amphibia, Ordem Anura, Família Bufonidae, Gênero Rhinella e Espécie Rhinella marina.

Diferenciação entre Rhinella marina e Rhinella schneideri

O sapo cururu (Rhinella marina) frequentemente é confundido com o Rhinella schneideri. Ambos possuem estrutura corporal parecida e mesma distribuição geográfica, portanto é justificável que até mesmo na literatura essa definição entre uma espécie e outra não esteja muito clara. Porém o Rhinella schneideri possui glândulas parotóides (adiante será falado sobre elas) adicionais nas patas traseiras. Tal característica pode ser empregada para diferenciação entre uma espécie e outra.

Sapo Boi: Características Físicas

A média de comprimento dos sapos adultos é de 10 a 15 centímetros, embora já tenham sido registrado no Guiness Book um indivíduo na Suécia com 30 centímetros do focinho à coacla, ou 54 centímetros totalmente estendido. Esse mesmo sapo pesava 2,65 quilos. Outros relatos de sapos com grande comprimento, embora menores que este, também já foram descritos.

Sapo-Boi na Grama
Sapo-Boi na Grama

O sapo boi possui dimorfismo sexual, pois os machos são menores e apresentam coloração de cor amarelo-pardo, mais clara do que a coloração sépia ou marrom encontrada nas fêmeas. As fêmeas também são maiores.

A pele é seca e apresenta protuberâncias que se assemelham à verrugas. Essas protuberâncias podem ser encontradas na área entorno, mais precisamente acima, dos olhos e se estendem até o focinho.

Sapo Boi: Alimentação

O sapo boi é um animal onívoro. Alimenta-se de pequenos vertebrados e invertebrados, além de plantas, resíduos domésticos orgânicos e ração para cães. Detém um olfato muito apurado que o auxilia na detecção dos alimentos.

Espécies animais que estão frequentemente presentes na dieta do sapo são os grilos, minhocas, formigas e mariposas.

Sapo Boi: Padrão Reprodutivo

A cada ninhada, as fêmeas depositam de 4 a 36 mil ovos. Esses ovos são depositados ao redor de plantas ou objetos submersos. Fisicamente, são de cor preta e revestidos por um muco transparente e gelatinoso, com 4 a 5 milímetros de diâmetro.

O período para a eclosão dos ovos é de 10 a 16 dias após a postura. Dessa eclosão são liberados girinos que se desenvolvem para chegar à forma adulta dentre de 30 a 60 dias.

Sapo-Boi - Filhote
Sapo-Boi – Filhote

A reprodução pode ocorrer em qualquer época do ano desde que as condições sejam favoráveis a isto. Essa reprodução ocorre através de fecundação externa, mecanismo no qual a fêmea libera os óvulos na água e estes são fecundados pelos espermatozoides do macho.

Sapo Boi: Hábitat e Distribuição Geográfica

Sapos adultos são animais predominantemente terrestres, porém podem frequentar locais de água doce durante o período reprodutivo. No caso dos girinos, estes possuem uma relativa tolerância salina, equivalente a 15 % da salinidade do mar.

O sapo boi é originário do continente americano, da região que se estende do Vale do Rio Grande (Estado do Colorado, EUA), em direção ao Sul do Texas, em direção ao Sul da Bacia Amazônica e Sudeste do Peru. Nesta faixa de distribuição, estão presentes ambientes tropicais e semiáridos.

Afinal, Sapo Boi é Venenoso? Conhecendo o Veredito

Sim, o sapo boi é um animal venenoso.

As glândulas de veneno, mais conhecida como glândulas parotóides, se localizam em regiões como atrás dos olhos, na garganta, no ombro e na porção traseira (mais precisamente ao longo das costas).

Essas glândulas são responsáveis por excretar um líquido leitoso rico em alcaloides. Os alcaloides desempenham atuação de caráter básico e na formulação química possuem Carbono, Hidrogênio, Oxigênio e Nitrogênio.

Um dos alcaloides presentes no veneno do sapo é a bufotenina, substância que, de acordo com as leis australianas, é considerada uma droga classe 1, tal como a heroína e a cocaína.

Convém lembrar que a substância leitosa só é liberada caso a região próxima às glândulas seja pressionada, não representando risco apenas com a aproximação. Esta modalidade de defesa se configura como uma defesa passiva.

O contato da pele humana com o veneno do sapo pode resultar em pequenas irritações no local, a inalação ou o contato com mucosas pode ocasionar tonturas, cegueiras, vômitos, dores abdominais e convulsões, ao passo que a ingestão pode resultar até mesmo em mortes, principalmente em crianças, conforme já foi descrito em literatura.

Além do sapo, os seus ovos e girinos também são considerados tóxicos. Como a ingestão desse sapo não é tão comum entre humanos, animais domésticos são as principais vítimas de acidentes com possibilidades de morte.

*

Agora que você já conhece um pouco mais sobre as características do sapo boi, continue conosco e visite outros artigos do site.

Até as próximas leituras.

REFERÊNCIAS

SANTOS, M. A. Os sapos podem lançar veneno? Disponível em: < https://escolakids.uol.com.br/ciencias/os-sapos-podem-lancar-veneno.htm>;

Sua Pesquisa. Sapo Cururu. Disponível em: < https://www.suapesquisa.com/mundoanimal/sapo_cururu.htm>;

TAVARES, L. FCiências. Sapo-Boi. Disponível em: < https://www.fciencias.com/2013/09/27/sapo-boi-animal-em-destaque/>;

WIKIPÉDIA. Rhinella marina. Disponível em: < https://pt.wikipedia.org/wiki/Rhinella_marina>.

Veja também

Habitat do Monstro-de-Gila: Onde Eles Vivem?

Quando pensamos em répteis, logo pensamos em dinossauros, cobras, jacarés e crocodilos. Apesar de muitas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *