Home / Animais / Reproducao Do Pato: Filhotes E Periodo De Gestacao

Reproducao Do Pato: Filhotes E Periodo De Gestacao

Os animais que existem na Terra atualmente são tantos que é impossível lembrar de todas as espécies.

E esses animais exercem funções vitais para a sobrevivência de várias pessoas, mas também para a sobrevivência da natureza como conhecemos

Ao longo dos anos, com tecnologias cada vez mais avançadas surgindo, foi possível estudar a fundo diversos tipos de espécies.

Cada uma dessas espécies possui características, tamanhos, habilidades, cores e comportamentos totalmente diferentes e únicos.

E junto com esses estudos e pesquisas diversos tipos de dúvidas surgem por pessoas comuns, mas que possuem muito interesse sobre animais.

Um dos animais mais conhecidos e famosos por todo mundo, por exemplo, é o pato, e ele aparece em diversos filmes, histórias e desenhos.

Uma das dúvidas que mais surgem em relação ao pato é como funciona a sua reprodução, como seus filhos se comportam, entre outros.

Por isso, hoje vamos aprender tudo sobre a reprodução do pato, inclusive quais são as suas características, onde ele vive e o que ele come.

Acompanhe essa leitura e se torne um craque nesse assunto para arrasar na próxima vez em que você se encontrar com os amigos!

Características do Pato

O pato, no geral, é um animal da das aves e ele pertence à família conhecida como Anatidae, que inclui também os cines e gansos.

Ele é considerado um animal um pouco menor do que os gansos e cisnes, e o pato pode ser encontrado em água ou em água salgada.

Os machos são identificados de forma mais fácil pois apresentam uma coloração um pouco diferente do pato fêmea, sendo um pouco mais vistosa.

Diferente de outros animais, o pato é um dos únicos que consegue andar, nadar e voar com uma qualidade considerada até que alta.

Possui um senso muito bom de direção e de comunidade, e o pato também consegue dormir mantendo metade do seu cérebro em alerta e a outra adormecida.

Existem alguns tipos de pato, como o marreco e o pato mudo, e também aqueles que são exclusivos para criação.

O pato marreco é uma espécie que foi domestica em regiões da China, e as principais raças são conhecidas como Pequim, Corredor Indiano e o Rouen, entre outras.

O pato mudo é um pato que era selvagem e foi domesticado por indígenas em regiões da América do Sul.

Reprodução do Pato

O pato não costuma formar pares que são estáveis, e durante o ano, o pato costuma se reproduzir cerca de três vezes a cada ano, tanto na água ou na terra.

A maturidade do pato costuma ser atingida tanto nos machos como nas fêmeas com cerca de um ano de vida.

No entanto, quando atingem essa idade, os patos não estão totalmente desenvolvidos, pois apenas alguns meses depois que eles conseguem atingir o seu peso e tamanho normais.

Cada fêmea consegue colocar cerca de 8 até 16 ovos em cada ninhada, e esses ovos são colocados normalmente em buracos de árvores, e lá ficam incubados por cerca de 35 dias.

A fêmea costuma passar praticamente o dia inteiro chocando os ovos, e só sai para fazer algumas necessidades, como se alimentar, se hidratar, defecar e costuma retornar após no máximo duas horas.

Quando os filhotes de pato nascem, eles costumam ficar com a sua mãe durante 10 até 12 semanas, e durante esse tempo eles utilizam a mãe principalmente para conseguirem se esquentar.

No começo da vida dos filhotes, eles costumam sair com o seu pai em filas para buscarem alimentos, e durante esses primeiros dias sua alimentação será principalmente composta por milho, grama, grãos e insetos.

Habitat E Alimentação Do Pato

O pato pode ser encontrado tanto em águas doces como também em águas salgadas, mas ele vive principalmente em rios e lagoas.

Sem uma preferência muito bem definida, o pato pode ser encontrado em diversos países com climas diferentes.

Por isso, o pato é um dos animais com a maior distribuição geográfica, e ele pode ser encontrado em locais quentes ou frios.

O pato precisa ter disponível em seu habitat uma quantidade muito grande de água, tanto para poder se hidratar, como também para encontrar seus alimentos.

O pato se alimenta principalmente de vegetação encontrada nas águas, como moluscos ou outros pequenos invertebrados.

Quando criado em cativeiros, o pato pode se alimentar de insetos no geral, e também de grãos que servem como ração.

É muito comum que em parques e lagoas públicas as pessoas deem pão para os patos, no entanto, é um equívoco popular que isso faça bem para eles.

O pão possui baixíssimos valor nutritivo, e se ele for dado para os patos que ainda estão em desenvolvimento, pode ser até mesmo algo fatal.

Estado de Conservação

Pato no Ninho Com os Filhotes
Pato no Ninho Com os Filhotes

O pato é um animal que possui uma distribuição geográfica muito ampla, e pode ser encontrado em milhares de países.

No entanto, o pato tem sofrido há milhares de anos com a caça esportiva, e também com a sua matança para servir como alimentação.

Tanto o pato selvagem, como o domesticado ou o em cativeiro, podem servir como alimentação em sopas, como vestuários utilizando suas penas e para o entretenimento de muitos caçadores.

Isso faz com que os patos sejam cada vez mais exterminados e uma preocupação muito grande começou a ser levantada sobre o seu estado de conversação.

Outro fator que também diminuiu o número de pato existente no mundo, é o fato de que o seu habitat tem sido cada vez mais substituído por casas, prédios, empresas, indústrias, entre outros.

No entanto, quando não está sendo utilizado para alimentação ou caçado, os patos são muito queridos e estão sempre nadando em rios, lagoas e em parques de grandes cidades, encantando todos que passam.

Alguns países, ainda bem, estão adotando e criando algumas leis que impedem que o pato seja usado como alimentação, e isso tem sido adotado em muitos lugares do mundo.

E então você já viu algum pato ou tirou foto com um? Você sabia sobre todas essas características do pato? Surgiu alguma dúvida durante a leitura? Deixe nos comentários abaixo qual foi a sua impressão!

Veja também

Hábitat do Iaque

Hábitat do Iaque: Onde Eles Vivem?

Os iaques ou yaks (nome científico Bos grunniens) são bovídeos encontrados em áreas de levadíssima …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *