Home / Animais / Reprodução do Orangotango: Filhotes e Período de Gestação

Reprodução do Orangotango: Filhotes e Período de Gestação

O orangotango é um primata que possui 97% do seu DNA compatível com o do ser humano. Ainda, a reprodução do orangotango é algo que nos aproxima bastante desse animal.

Quer saber mais sobre os filhotes, o período de gestação, as características e outras curiosidades sobre o orangotango? Acompanhe, então!

Orangotango Mãe e Seus Filhotes
Orangotango Mãe e Seus Filhotes

Reprodução do orangotango

Muitas semelhanças podem ser observadas entre o orangotango e os seres humanos. E uma dessas aproximações é o ciclo reprodutivo desse primata.

Infelizmente, a Reprodução do orangotango é justamente um dos fatores que coloca esses macacos em risco de extinção. Isso porque o ciclo reprodutivo é longo, como o dos seres humanos, o que coloca a fêmea e o filhote em vulnerabilidade – tanto natural como devido à ação danosa do ser humano.

Além disso, a Reprodução do orangotango não é tão freqüente como a de outros primatas e animais. Ou seja, uma fêmea de orangotango apenas volta a se reproduzir após gestar e cuidar do filhote até que ele se torne independente, o que resulta em um baixo índice de reposição desses macacos na natureza (aliado ao fato da caça ilegal).

Outra característica, comum a maioria dos primatas (e do seres humanos), é que o uma fêmea de Macaco orangotango dá à luz a apenas 1 filhote. Somente em casos muitos raros há o nascimento de gêmeos.

O período entre reprodução, gestação, amamentação do filhote e cuidados dos orangotangos é considerado um dos mais longos entre os primatas e os mamíferos em geral. Todo esse ciclo pode levar cerca de 8 anos.

Filhotes de orangotango

Os filhotes de orangotango podem mamar até os 6 anos de vida. Mas, mesmo quando desmamados eles ainda são bastante dependente de suas progenitoras por mais alguns anos.

As mães orangotango são as principais responsáveis pela criação e disciplina de seus filhotes, até a adolescência, que chega em torno dos 8 anos de idade.

E é aos 8 anos de idade, geralmente, que o filhote de orangotango, já um jovem, inicia a sua fase reprodutiva. Assim, se torna independente de sua mãe. A mãe, por sua vez, está disponível para procriar novamente, no entanto, como se pode perceber, após 8 anos apenas depois de sua última gestação.

Filhote de orangotango
Filhote de orangotango

No entanto, vale ressaltar que os filhotes machos de orangotango costumam se distanciarem de suas mães com menos idade. Já as fêmeas permanecem mais tempo com as mães, pois necessitam passar pelo aprendizado materno, ou seja, como agirem quando elas procriarem.

Os filhotes de orangotango são carregados nos braços da mãe, junto ao peito, por cerca de 2 meses. Depois disso, aprendem a subir no dorso da fêmea e assim ficam até os 2 ou 3 anos de idade.

Após esse período, devido ao peso que atingem e por já conseguirem se locomover com facilidade e segurança, eles caminham. Porém, a dependência da mãe vai até o fim da infância e inicio da juventude: por volta dos 8 anos de vida.

Período de gestação do orangotango

O período de gestação desses primatas leva em torno de 9 meses, assim como o do ser humano. Durante esse período, a fêmea em gestação precisa zelar por sua proteção e alimentação.

Hábitos de vida do orangotango e a maternidade

Esses primatas vivem a maior parte da vida em árvores, onde constroem os seus abrigos. São macacos que se alimentam sobretudo de frutas. Podem também recorrer a grãos, folhas, flores e mel para completar a dieta. Pequenos animais invertebrados também fazem parte da alimentação esporádica do orangotango.

A hidratação desses animais é realizada por meio da água que fica acumulada nos orifícios de árvores. Não necessitam de grande quantidade de líquidos, pois o organismo providencia um estoque.

Os orangotangos machos são macacos bastante solitários. Também, não costumam participar da gestação da fêmea com quem acasalou e nem dos cuidados com o filhote. Isso é mais um fator que coloca a proteção de mães e filhotes de orangotango em risco.

Já as fêmeas são um pouco mais sociáveis do que os machos. Elas costumam viver em pequenos grupos de 2 a 4 macacos.

Ainda, as fêmeas de um mesmo agrupamento de orangotangos são solidárias entre elas. As mais velhas, por exemplo, auxiliam as mães mais novas a cuidar de seus filhotes.

Orangotango Mãe o recém filhote
Orangotango Mãe o recém filhote

Outros cuidados, além da alimentação e autoproteção, as fêmeas ensinam aos filhotes como construir abrigos. Os filhotes aprendem como confeccionar os seus próprios habitats com galhos, folhas e outros materiais encontrados na natureza.

Voltando aos machos de orangotango, eles são bastante territorialistas e não aceitam machos de outras espécies ou fêmeas que não estão na época de acasalamento. Os machos costumam delimitar os seus territórios, podendo entrar em confronto com outros, por meio de urros e até combate corporal.

Na questão do acasalamento entre os orangotangos, o macho, para atrair e se impor à fêmea tira vantagens das características abas que possui na altura das bochechas. Quando maiores essas abas, mais chances tem de se acasalar.

O orangotango macho é um primata que pode apresentar um comportamento diferente dos demais macacos. Os machos podem se acasalar sem a aceitação da fêmea. Esse comportamento pode levar a lutas corporais entre machos e fêmeas.

Os machos também podem brigar com outros na disputa por uma fêmea em período fértil. Urros e lutas corporais são freqüentes nessas situações.

Características físicas dos orangotangos

O orangotango é um primata forte e considerado de grande porte. Um macho adulto pode atingir até 1,80 m de altura e pesar mais de 18 kg. As fêmeas de orangotango, em geral, são bem menores: chegando até 1,40 e pesando até 10 kg.

A principal característica física do orangotango macho são as abas laterais evidentes na linha das bochechas. Essas abas vão se desenvolvendo nos machos no decorrer do inicio da vida adulta. As fêmeas não apresentam tal característica.

Há diferenças entre as diversas espécies de orangotangos, no entanto, todas elas possuem características comuns. Por exemplo, os orangotangos apresentam um corpo robusto e resistente.

O pescoço desses primatas é, em geral, curto e grosso. Os membros superiores são musculosos e longos, enquanto os membros inferiores são curtos e curvados. Os orangotangos não possuem rabo e algumas espécies apresentam bigode.

A cabeça é avantajada. A boca é pontuda e arredondada. Já em relação à pelagem, ela é longa. Pode apresentar as colorações:

  • Marrom-avermelhada

Orangotango Marrom-avermelhado
Orangotango Marrom-avermelhado
  • Preto-avermelhada

Orangotango Preto-avermelhado
Orangotango Preto-avermelhado
  • Acinzentado-escuro

Orangotango Acinzentado-escuro
Orangotango Acinzentado-escuro

O tempo de vida desses animais varia muito na natureza, devido a alguns fatores já mencionados. Normalmente, o orangotango macho vive mais do que a fêmea, chegando até 25 anos, enquanto a fêmea corre risco de ataques devido ao longo período que passa cuidando de uma cria, assim não há um limite oficial.

No entanto, os orangotangos, por serem primatas em extinção (sobretudo as fêmeas e os filhotes) têm, nas últimas décadas, vivido em cativeiros e áreas protegidas, chegando, assim, até 40 anos de idade.

Onde vivem os orangotangos?

A maior concentração de espécies de orangotango pode ser encontrada na Indonésia, em especial, na Ilha de Bornéu e na Sumatra.

Orangotango em extinção

Esse primata já se encontra em situação de extinção. O que colocou esses macacos em risco foi a caça ilegal, sendo que mães chegavam a ser mortas por seres humanos para terem seus filhotes raptados.

A caça e o comércio desses animais são ilegais.

Classificação científica do orangotango

  • Nome científico: Pongo pygmaeus
  • Reino: Animalia
  • Filo: Chordata
  • Classe: Mammalia
  • Ordem: Primates
  • Subordem: Anthropoidea
  • Família: Pongidae
  • Gênero: Pongo
  • Espécie: Pongo pygmaeus

As 2 subespécies de orangotangos mais estudadas são: Pongo pygmaeus abelii e Pongo pygmaeus pygmaeus.

Veja também

Cachorro Passando a Pata no Rosto e no Focinho: o Que Fazer?

Você é capaz de analisar como seu cachorro está se comportando? Algumas condutas podem indicar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *