Home / Animais / Qual a Diferença de Pato e Marreco? E Nos Filhotes?

Qual a Diferença de Pato e Marreco? E Nos Filhotes?

No mundo inteiro existem milhares de animais que possuem diversos tipos de características e habilidades próprias.

Essa variedade faz com que a natureza e a cadeia alimentar estejam sempre em equilíbrio e mantém o planeta Terra funcionando.

Alguns animais possuem características muito diferentes e próprias e muitas pessoas nem sabem que eles existem.

Mas há também aqueles animais conhecidos por pessoas de todas as idades e que estão presentes em nossa vida desde sempre.

O pato, por exemplo, é um desses animais que está presente em diversas histórias, desenhos e filmes.

Eles possuem diversas características que o fazem ser um dos animais mais conhecidos e adorados por todo mundo.

No entanto, assim como outros animais, os patos podem ter vários tipos de espécies e subespécies com características que são ainda mais exclusivas.

Por isso, hoje vamos aprender qual a principal diferença entre o pato e o marreco, e como identificar essas diferenças também nos filhotes.

Além disso, você vai conhecer as principais características do pato, como onde ele vive, o que ele come, como se comporta e como se reproduz.

Características do Pato

O pato é o nome dado a essa espécie de ave que pertence à família conhecida como Anatidae, e que possui também os marrecos, cisnes e gansos.

Vive principalmente em locais com água, como rios, lagos, lagoas, margens, pantanais e algumas áreas alagadas.

Apenas algumas espécies, como, por exemplo, o pato-do-mato, pode ser encontrado em rios que possuem um mar como sua orla.

Essa espécie é uma das poucas existentes que consegue possuir habilidades razoáveis em voar, nadar e andar.

Por isso, é muito comum que o pato seja visto andando pela terra, voando para um rio, e nele, conseguindo nadar e se movimentar muito bem.

Pato Características

Outra habilidade do pato é que ele consegue dormir com metade do seu cérebro totalmente ativo e a outra metade totalmente adormecida.

Isso faz com que o pato consiga estar sempre em alerta caso algum predador chegue perto dele ou algum acontecimento grave ocorra.

O pato possui grande importância para o equilíbrio do ambiente onde vive, mas também apresenta grande importância econômica.

Muitos países criam, vendem e se alimentam da carne do pato, no entanto, muitos outros, tem criado leis cada vez mais duras para impedir esse tipo de comércio.

Diferença Entre Pato e Marreco

Existem, entre os patos, algumas subespécies que estão distribuídas ao redor do mundo e que possuem características únicas e exclusivas, apesar de serem bem parecidos.

Essa semelhança faz com que haja uma grande confusão para identificar o que seria um pato e o que seria um marreco.

O marreco, no caso, é um animal que possui como descendência o pato-real e ele foi domesticado na China.

A principal diferença do pato para o marreco é que o segundo possui um porte muito menor, e atingem cerca de apenas 35 até 50 centímetros.

O pato comum costuma ser um pouco maior, e eles medem cerca de 45 até 80 centímetros, e outra diferença está também em seus bicos.

Enquanto o pato comum costuma ter uma protuberância que fica próxima as suas narinas, o marreco possui narinas que são bem lisas.

Apesar dessas pequenas diferenças, o pato e o marreco são considerados basicamente como “irmãos gêmeos”.

O marreco é muito consumido em regiões do Sul do Brasil, e o prato mais famoso é o marreco recheado com repolho roxo.

Na natureza, os dois tipos podem viver de forma muito positiva, e normalmente são encontrados vivendo juntos nos lagos e rios encontrados em seu habitat.

Habitat e Alimentação do Pato

O pato é encontrado principalmente em rios, lagoas, lagos, e algumas espécies podem viver em orla de mar próximo de algum rio.

São encontrados basicamente no mundo inteiro, e não possuem muito uma preferência de clima ou temperatura.

Na América Latina, a principal espécie de pato encontrada é o pato-mergulhão, e está presente em países como Brasil, Argentina e Paraguai.

Apesar de possuir uma ampla distribuição ao redor do mundo, o pato é encontrado mais facilmente nas florestas que possuem um clima subtropical ou em cerrados.

Nesses locais, o pato será encontrado muito próximo das nascentes, e que tenha pelo menos 1 metro na profundidade da água.

Apesar de passarem a maior parte do seu tempo na água, o pato e o marreco também conseguem andar na terra, subir montanhas e saltar em pedras.

O pato e o marreco se alimentam principalmente de vegetais, de sementes e também de grãos, que são encontrados principalmente nas águas onde vivem.

Para capturar suas presas, o pato e o marreco utilizam o seu bico para conseguir filtrar seus alimentos, e nesse processo, podem acabar comendo também plânctons.

Quando estão em locais com pouco comida disponível, o pato e o marreco podem realizar migrações em busca de lugares melhores.

Reprodução e Comportamento

O pato e o marreco são animais que costumam viver em bandos e andar em filas, seja na água ou na terra.

É um tipo de ave considerada totalmente sedentária, e também totalmente monogâmica, e quando reproduzem cada fêmea consegue gerar cerca de 8 ovos.

A incubação ocorre em ninhos feitos pelas fêmeas e costuma durar cerca de 30 dias, e quando os filhotes nascem, eles passem os primeiros meses de sua vida sob a proteção de seus pais.

Quando os filhotes conseguem andar e se movimentar melhor, eles saem em filas para acompanhar o seu pai na busca por alimentação.

O pato e o marreco possuem hábitos diurnos, e quando precisam dormir, eles costumam subir em árvores.

Quando os filhotes estão totalmente desenvolvidos, eles e seus pais partem para a água e se juntam aos outros indivíduos do ambiente.

São animais com comportamento muito social, de bando, mas também podem ser muito territoriais e costumam proteger a própria família com muita garra e também com muita coragem.

É possível encontrar um pato ou um marreco em diversos pontos de cidades, como em parques, rios ou lagoas, e você provavelmente já viu um!

E então o que você achou do conteúdo? Você sabia quais eram as diferenças entre um pato e um marreco? Esquecemos de algo? Deixe nos comentários a sua impressão.

Veja também

Hábitat do Iaque

Hábitat do Iaque: Onde Eles Vivem?

Os iaques ou yaks (nome científico Bos grunniens) são bovídeos encontrados em áreas de levadíssima …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *