Home / Animais / Quais São os Tipos de Tartarugas Domésticas? Veja Nomes e Fotos

Quais São os Tipos de Tartarugas Domésticas? Veja Nomes e Fotos

Ainda que alguns países proíbam a criação doméstica como animais de estimação de quelônios, ou seja, animais como cágados, jabutis e tartarugas, em alguns locais não é uma infração ter esses animais adoráveis no lar. Assim, muitas filhas deixam a ideia de ter cães e gatos de lado para focar na criação de tartarugas como animais de estimação. A presença de uma tartaruga na casa incentiva a interação das crianças com o meio ambiente, além de proporcionar uma figura companheira presente ao longo de todo o desenvolvimento da criança, já que os quelônios costumam ter vida longa e serem muito resistentes à ação do tempo.

Porém, você sabe quais são os tipos de tartarugas domésticas? Sim, pois nem todo tipo de tartaruga está apta a viver em uma casa, existindo diversos detalhes a observar e levar em conta antes de tomar a decisão de adotar um animal doméstico diferente. Antes de tudo, é necessário diferenciar as tartarugas de água doce daquelas terrestres. As tartarugas de água doce precisam viver em um ambiente cercado por água, como pequenos lagos, fontes domésticas ou aquários periodicamente tratados. Em sentido oposto, as espécies terrestres necessitam de um viveiro para se desenvolverem plenamente, um local adequado no qual possam dormir, comer e defecar.

Fatores externos também são fundamentais para que esses animais sobrevivam e se desenvolvam da maneira correta em uma casa. É preciso, por exemplo, que a temperatura ambiente e a luz solar recebida sejam adequadas para o animal. Não pode haver tanta exposição, mas também é inviável que falte luz solar, pois sem isso os quelônios não são capazes de resistir por muito tempo, faltando nutrientes e levando à morte desses animais.

As tartarugas são animais de “sangue frio”, ou seja, que regulam a sua temperatura interna de acordo com o ambiente externo. Assim, é preciso longos períodos tomando sol para aquecer a parte interna do seu corpo, tal como longos períodos em recolhimento para hibernar da forma correta.

Veja abaixo os 4 tipos de tartarugas domésticas.

Tartaruga da Madeira

Tartaruga da Madeira
Tartaruga da Madeira

A chamada Tartaruga da Madeira é originária da América do Norte, sendo altamente reconhecida pela carapaça de cinza escuro, além de patas e ventre na cor laranja com manchas negras. Ademais, suas extremidades são muito robustas, dando a impressão de inchaço permanente, mas não se preocupe, pois a sua morfologia realmente é assim e isso é bastante natural.

Na espécie Tartaruga da Madeira, os machos são consideravelmente maiores do que as fêmeas, medindo algo em torno de 23 centímetros e pesando cerca de 1 quilo quando já em fase adulta. A alimentação varia bastante, mas em sua maior parte envolve plantas, fungos, frutas, carniça e ainda alguns animais invertebrados. Essa espécie de tartaruga é sempre terrestre, seja no inverno ou no verão, diferentemente de algumas outras que variam o seu habitat a depender da época do ano, justamente para realizar melhor a regulação da temperatura interna e evitar o superaquecimento ou a hipotermia.

Até existem alguns estudos recentes indicando que a Tartaruga da Madeira prefere ambientes marinhos no inverno, mas essa informação carece de comprovação mais clara, algo que apenas será conquistado com o tempo e mais estudos específicos. Além disso, o ambiente interfere diretamente no modo de vida dessas tartarugas, pois há mudanças consideráveis nos padrões ou alterar o meio onde o animal se encontra.

Tartaruga Russa

Tartaruga Russa Andando
Tartaruga Russa Andando

A Tartaruga Russa é a mais comum e frequente nos lares em geral, tendo se adaptado muito bem ao modo de vida dos seres-humanos. A sua carapaça é bastante escura, com algumas manchas claras e arredondadas em meio ao fundo negro. Já a cabeça e as extremidades da Tartaruga Russa são claras, sendo as unhas e as pata traseiras muito desenvolvidas, um claro sinal da evolução visando fugir de predadores maiores e buscar alimento contra os concorrentes mais ágeis e fortes. Essas tartarugas chegam a medir até 22 centímetros de altura, uma estatura considerada média no universo das tartarugas domésticas.

Já em relação à longevidade, a Tartaruga Russa mantém a média de longa expectativa de vida e sobrevive até os 40 anos em ambientes hostis como a selva, já que precisa lutar por comida e pela sobrevivência diariamente e acaba desgastando-se em razão disso. Porém, em cativeiro essa expectativa de vida aumenta ainda mais, podendo a tartaruga viver por mais de cem anos sem grandes dificuldades. Uma das melhores características da Tartaruga Russa é a visão, excelente e muito duradoura ao longo da vida.

Essa espécie de tartaruga ainda se destaca pelo fato de reconhecer pessoas, o que torna a relação com o ser-humano ainda mais intensa. Ademais, a Tartaruga Russa possui olfato bastante desenvolvido, é sensível a ondas de vibração e convive muito bem em um ambiente doméstico. É terrestre.

Tartaruga Pintada

A Tartaruga Pintada, a exemplo da Tartaruga da Madeira, é bastante comum na América do Norte. Esse tipo de tartaruga vive na água, em rios calmos, leitos cheios de lodo, poços e lagos tranquilos. Em algumas regiões, sua espécie é mal vista por ser considerada uma invasora do habitat natural de outros animais. A altura da Tartaruga Pintada pode atingir os 25 centímetros, sendo especialmente chamativo o desenho da carapaça, que mistura as cores vermelho e amarelo em uma junção muito bonita.

Tartaruga Pintada
Tartaruga Pintada

A pele da Tartaruga Pintada é verde, algo que ajuda bastante no ambiente aquático de rios e lagos, pois dificulta que a tartaruga seja vista e, consequentemente, morta por predadores. O seu viveiro precisa ser relativamente grande para a criação doméstica, pois a movimentação frequente é uma característica dessa tartaruga.

Tartaruga de Orelha Vermelha

A Tartaruga de Orelha Vermelha é outro exemplar de animal aquático que pode ser domesticado. Em sua forma selvagem, vive nos Estados Unidos e no México. O nome se dá pelas duas listras vermelhas que tem ao lado da cabeça, como se fossem realmente duas orelhas avermelhadas.

A tartaruga pode alcançar até os 30 centímetros, sendo as fêmeas ligeiramente maiores que os machos nesse caso. Em ambiente selvagem, podem viver até os 40 anos. Já em cativeiro, a expectativa de vida mais que dobra, chegando aos 90 anos em muitos casos.

Veja também

Como Cuidar de um Bull Terrier Filhote: Cuidados e Doenças

Os primeiros exemplares do Bull Terrier eram todos brancos e se originaram na Grã-Bretanha por …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *