Home / Animais / Quais são os Sintomas de Virose em Cachorro? Como Tratar?”

Quais são os Sintomas de Virose em Cachorro? Como Tratar?”

Percebeu que seu cãozinho está sonolento, não quer comer, ou está com alguma secreção esquisita? Saiba como tratar e quais os principais sintomas!

Por serem animais alegres, extrovertidos e sempre dispostos, é fácil perceber quando os cachorros estão doentes. Eles não tem força pra brincar, ignoram as comidas preferidas e em alguns casos nem se levantam para receber ninguém. Com esses primeiros sinais, é importante ficar alerta.

Comece a puxar na memória qual a última coisa que o seu animal comeu, se saiu para interagir com outros cachorros e qual local esteve. Pode te ajudar a lembrar do porque e como ele pode ter adquirido alguma doença. Depois disso, leve ao veterinário.

É muito difícil quando nosso cachorro fica doente, e entre as patologias mais agressivas estão as viroses. Isso porque não tem como evitar ou controlar, já que são doenças transmitidas pelo ar ou por contato com cães doentes. A única maneira de não vê-lo sofrer é proteger através de vacinação e cuidados básicos de higiene. Um ambiente caloroso é confortável também é benéfico.

Existem alguns tipos comuns de viroses caninas: a cinomose, mais perigosa. A hepatite infecciosa, também a adenovirose tipo 2, a parainfluenza e a parvovirose. Entre todas, os primeiros sintomas são febre, diarreia e/ou vômito. Quanto mais cedo procurar ajuda médica, menos a virose evolui.

Mas, como tratar cada um delas? Neste post vamos trazer mais informações sobre sintomas dessas viroses e como se livrar delas sem perder seu melhor amigo. Fique calmo! Seu pet pode não estar em uma fase grave de alguma virose, mas ainda sim, é preciso tratar rapidamente e com cautela. Vamos as dicas:

Como Tratar?

Cinomose

Altamente contagiosa, é transmitida pelo ar. O mais preocupante são os problemas neurológicos e as sequelas. A cinomose é muito perigosa e basicamente o tratamento é feito com medicação de controle, receitada por médicos veterinários. Como o contágio é fácil, é importante manter sempre o ambiente limpo e para os cãezinhos com a doença para que ela não se espalhe ainda mais através das secreções.

Hepatite Infecciosa

A doença é transmitida pelo contato direto entre um cão doente e outro saudável, principalmente através de secreções. Deixa debilitado principalmente o fígado dos cachorros e tem sintomas parecidos com o da cinomose, podendo ser aguda, crônica ou hiperaguda.

Hepatite Infecciosa Canina
Hepatite Infecciosa Canina

Para tratar a doença, é recomendado o uso de antibióticos e até mesmo transfusão de sangue dependendo do caso. A hepatite é perigosa e quando descoberta no começo, não passa para outros estágios.

Adenovirose Tipo 2

Popularmente conhecida como gripe canina, além dos sintomas já citados, os animais passam a tossir constantemente. A respiração também fica díficil e a secreção espalhada faz com que os riscos de contágio aumentem. Essa doença pode danificar o sistema respiratório do cachorro.

Esse tipo de virose em cachorro exige tratamento rápido, principalmente por causas das agressões ao organismo do seu cãozinho. Ao menor sinal de tosse alta e persistente, procure o médico veterinário e medicações recomendadas.

Adenovirose Tipo 2
Adenovirose Tipo 2

Parainfluenza

Muito parecida com a adenovirose, a parainfluenza é ainda mais perigosa para o sistema respiratório por causa da broncopneumonia. O problema é o tempo de manifestação do vírus: o animal pode já estar com a doença, mas vai se sentir mal só em uma semana. Por isso é tão importante ter frequência em exames e vacinas com seu pet.

Tosse, letargia, secreções com cores amarelas e verdes e vômito são alguns dos sintomas. A fraqueza parece com a pneumonia em adultos e a tosse é constante. O tratamento é feito com antibióticos e muito líquido para hidratar. Alimentação saudável e cuidados com hidratação valem para animais doentes tanto quanto para humanos.

Parvovirose

Essa doença é extremamente agressiva e fatal se não tiver tratamento rápido. Ela ataca o sistema cardiovascular dos animais, além de agredir o sistema gastrointestinal. Essa virose em cachorros é sinalizada pelo sangue nas fezes e os sintomas comuns já citados. O contágio é através do contato com fezes ou vômitos de cachorros doentes.

Faz parte do tratamento o descanso do animal e remédios fortes. O efeito pode demorar a aparecer, já que é uma doença grave que ataca os glóbulos brancos dos bichinhos. Ainda sim, com o diagnóstico chegando cedo, as chances de sobreviver são grandes.

As Medicações Para Virose Canina

Além de antibióticos receitadas pelo médico veterinário, ações simples também podem ajudar na recuperação do seu cão. Aplicação de soro fisiológico, glicose, componentes que aumentam a imunidade, atividade física e muita água são parceiros dos remédios nesse momento difícil.

Para cada tipo de virose em cachorros existe uma medicação. Nunca dê nada ao seu bichinho sem orientação médica e fique de olho nele após o diagnóstico, principalmente para não se relacionar com outros animais ou ficar em ambientes com pouca higiene. Fique de olho também no tipo de comida que está dando a ele e como ele se comporta ao alimento. Pode ser um sinal de melhora ou piora.

A Prevenção De Viroses Em Cachorro

Desde filhote, a dica é manter a carteira de vacinação do pet atualizada. Verifique o calendário correto de vacinações e prolongue a vida do seu cachorro(a). Para prevenir a virose em cachorro, principalmente, a prevenção através de imunização é o melhor remédio.

A vacina polivalente é a escolha para prevenir as viroses em cachorros. Elas devem ser feitas em várias doses, assim como a antirrábica. A primeira, após 45 dias de vida e até a terceira dose com três semanas do nascimento. Verifique com seu veterinário os melhores momentos para vacinar seu pet e acompanhe de perto.

Essas foram algumas dicas caso seu animalzinho tenha algum tipo de virose canina. É fácil perceber quando o comportamento muda, o peso cai e o animal fica mais acuado. Não tente resolver com as próprias mãos: sempre consulte um médico veterinário para saber as medicações corretas e mantenha a vacinação em dia. Uma receita infalível para proteger seu cãozinho de qualquer vírus ou bactéria é o cuidado constante e visitas regulares ao médico.

Veja também

Chihuahua Cores Raras – Quais São? Onde Encontrar?

A raça do cão Chihuahua tem muitos tamanhos e formas diferentes, mas o que mostra …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *