Home / Animais / Quais São Os Predadores Da Ostra E Seus Inimigos Naturais?

Quais São Os Predadores Da Ostra E Seus Inimigos Naturais?

Você gosta dos chamados Frutos do Mar? O que sabe sobre eles? Esta iguaria faz parte da culinária brasileira e a aceitação dela perante os brasileiros é bastante forte, muita gente gosta de saborear estes pequenos seres do mar!

Eu particularmente não sou muito fã de frutos do mar, mas hoje eu vim apresentar uma matéria a respeito deles, mais precisamente, sobre as Ostras.

Algumas pessoas sabem falar muito sobre receitas com as Ostras, mas pouquíssimas conseguem dar mais informações a respeito delas! Você por exemplo, sabe quais são os predadores da Ostra? Se a resposta for não, então me acompanhe nesta matéria e vai descobrir!

Predadores E Inimigos da Ostra

Estes pequenos moluscos estão aos montes no mar, sempre em grande número eles permanecem guardadinhos dentro de suas conchas, estas são sempre em formatos diferentes e nada uniformes.

As conchas são bem duras e de cor cinzenta, para mim elas não parecem ser muito atrativas e para você? As conchas que escondem a Ostra estão sempre fechadas e para abri-las são necessárias unhas bem finas que consigam passar pelas fretas dela!

Sabia que o corpo da Ostra é bastante parecido com o de nós seres humanos? É isso mesmo, ele é composto de constituído de boca, estômago, coração, intestino, rins, gônadas (órgãos sexuais), guelras, músculo adutor, ânus e manto. É difícil imaginar como um molusco tão pequeno quanto este pode ter em seu corpo todos estes órgãos não é mesmo?!

Existem muitos animais que estão por todo o mundo, sabia que a coruja é um deles? Melhor ainda, sabia que a Ostra é como estes animais? Ela existe por todos os mares do mundo, menos naqueles em que a temperatura é muita fria e a água é extremamente poluída!

Coruja - predador das ostras
Coruja – predador das ostras

As Ostras possuem um ciclo de vida um tanto estranho e bastante dinâmico: por um tempo elas vivem pelo mar e pela areia, mas chega um período em que elas se fixam nas grandes rochas que ficam pelas águas.

Como você já deve saber, a Ostra possui como primeiro predador nos seres humanos, como eu já havia dito, inúmeras pessoas adoram esta iguaria.

Até mesmo os peixes comem a Ostra, eles gostam muito dessa iguaria, não sei ao certo quais espécies apreciam este molusco, mas tenho a certeza de que são muitos que fazem questão de procurar por estes pequenos seres que para alguns são deliciosos.

Nossa Ostra é um tipo de alimento bastante cobiçado, não somente os seres humanos e os peixes procuram por ela, mas também a estrela do mar, este ser é mais um que não desperdiça uma boa oportunidade de saborear o nosso famoso molusco.

Por fim, você deve saber que outros moluscos também comem a nossa Ostra, mesmo que eles sejam todos da mesma família. Isso é um tanto estranho não?! É como ocorre com a Coruja que mata outras de sua espécie, pois trata-se de um animal bastante territorialista e que não gosta de dividir seu espaço com ninguém!

Coruja perto do mar
Coruja perto do mar

Eu até determinado momento me peguei pensando sobre como a Ostra se alimenta e o que ela come, ao pesquisar descobri que este molusco abre a sua conta e engole um pouco da agua do mar, com isso ela consome vários nutrientes que estão na agua e que servem de alimento para ela.

Eu não achei explicação para isso, mas quando a temperatura da água do mar chega a 10 º C a Ostra consome ainda mais nutrientes e chega a consumir 5 litros de agua por hora. Já imaginou cada Ostra consumindo tudo isso de água?

Uma coisa interessantíssima que não posso deixar de te contar é o processo no qual originam-se as pérolas da Ostra. Sabia que as pérolas surgem por conta de alguma substância a qual foi rejeitada pela Ostra? Tal substância é rejeitada pelo molusco e o próprio organismo dele a envolve numa resina que ganha o formato circular no qual se origina a pérola!

Você por um acaso se lembra nos desenhos animados quando aparecia uma ostra gigante que engolia tudo o que via pela frente? E se eu te dissesse que ela existe? O nome deste ser gigante é Tridacna, ela possui um leve peso de 500kg, pouquinho né?! Este moluscão é bastante representado nos desenhos animados!

Já que mencionei a Tridacna, que tal aprender algumas coisas sobre ela? Vamos lá?

A Grande Tridacna

Você já sabe que este ser se trata de um molusco de um peso bastante considerável, mas ela pertence ao grupo dos conhecidos mexilhões.

A Tridacna é uma espécie cuja a concha é extremamente dura e pesada, está aí o porque dela ter todos estes 500kg, este ser possui cores bem exuberantes que chamam a atenção dos admiradores dos das maravilhas que existem no fundo do mar.

Há gosto para tudo nessa vida, existem pessoas que ao se depararem com um molusco deste podem achá-lo extremamente horripilante, mas sempre há aqueles que possuem gostos mais excêntricos e que enxergam beleza nas coisas que geralmente as outras pessoas não enxergariam. Qual é a sua posição quanto a Tridacna? Gostou dela?

Eu nunca fui as Filipinas, mas sei que este lugar é repleto de ilhas extremamente paradisíacas e com águas muito cristalinas, não sei se todas as ilhas por lá são assim, acredito que sim.

Tridacna - Ostra Gigante
Tridacna – Ostra Gigante

Nossa Tridacna é um molusco que pode ser bastante visto em Filipinas, quem sabe um dia você não vai para lá e consiga ver este grande ser vivo de 500kg!

Talvez não seja preciso você ir tão longe para ver a incrível Tridacna, ao realizar minhas pesquisas descobri que existem Youtubers brasileiros que possuem este molusco em grandes aquários em casa, você poderia assistir um vídeo deles e descobrir como este grande ser é.

Bom, aqui vou eu, já lhe ensinei tudo o que sabia sobre as Ostras e ainda te dei uma palhinha a respeito da espécie Tridacna, espero que tenha gostado de toda esta matéria!

Obrigado por estar aqui e até a próxima!

Veja também

Marreco Pompom: Características, Hábitat e Nome Científico

O marreco pompom (crested duck) é uma ave ornamental considerada uma variação genética do marreco …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *