Home / Animais / Quais São as Três Modalidades do Hipismo? Como Funcionam?

Quais São as Três Modalidades do Hipismo? Como Funcionam?

Para esclarecermos, antes de abordarmos quais são as três modalidades do hipismo, muitas pessoas podem argumentar (e se confundir),  já que podem haver referências que indiquem mais de três modalidades desse esporte. No entanto, oficialmente e com base nas Olimpíadas Mundiais, que ocorrem a cada quatro anos, as modalidades do hipismo são segmentadas realmente em três. Vamos saber mais sobre cada uma delas?

O Adestramento é uma das três modalidades do hipismo que avalia e trabalha a dupla: cavalo e cavaleiro/a. A dupla deve executar diversos movimentos com graus variados de dificuldades.

Quanto maior o entrosamento entre o animal e o esportista, mais próxima da perfeição estará a execução dessa modalidade de hipismo. O principal objetivo da modalidade Adestramento em competições é receber as maiores notas, que são atribuídas por juízes, de acordo com a perfeição dos movimentos e o entrosamento da dupla competidora.

Esses movimentos são classificados em:

  • Disciplina;
  • Elegância;
  • Prontidão;
  • Sintonia.

Vale saber que quanto maior o grau de dificuldade desses movimentos, maior serão as notas atribuídas ao cavaleiro e seu cavalo. É possível perceber que para se conseguir chegar a um bom desenvolvimento e prática do Adestramento, que é de uma das três modalidades do hipismo é preciso muito treinamento e convivência entre o esportista e seu cavalo.

Modalidade Saltos

Mais uma das três modalidades do hipismo. Os Saltos consistem em o cavaleiro, montado em seu cavalo, superar obstáculos com perfeição. Em geral, esses obstáculos vão até 1,65 m de altura (aproximadamente), iniciando pelos mais baixos. E em uma competição, são cerca de 10 obstáculos a serem transpostos pela dupla.

A dupla vencedora nessa modalidade do hipismo é aquela que completar o percurso no menor tempo possível. No entanto, alguns detalhes podem influenciar nesse resultado. Por exemplo, se a dupla derrubar, esbarrar ou não transpor um dos obstáculos, pontos são perdidos.

Conclui-se, então, que nem sempre cavaleiros e cavalos que fazem o percurso de uma prova e menos tempo acabarão em 1º lugar em uma competição.

Salto no Hipismo

Outro detalhe dos Saltos é que, para o peso do cavaleiro mais o de seu cavalo não prejudicar outras duplas, todas elas devem pesar quase os mesmos quilos. Dessa forma, usa-se como base a dupla mais pesada e são colocados pesos extras naquelas que estão abaixo desse índice obtido.

Por exemplo, se em uma competição de Saltos, a dupla mais pesada apresenta 100 kg e outra 70 kg, o cavaleiro dessa dupla de peso inferior carregará em seu corpo elementos com 30 kg, para igualar. Isso serve para não prejudicar quem pesa mais, já que quanto maior o peso, possivelmente, mais dificuldade a dupla terá em executar o percurso e os saltos nessa modalidade do hipismo.

Modalidade Triatlo

É categoria mais completa das três modalidades do hipismo. Também conhecida como CCE, e trata da reunião de provas diversas que devem ser executadas durante um longo percurso.

Dentro da modalidade Triatlo há duas categorias:

  1. ODE: ocorre em um dia.
  2. 3DE: ocorre em três dias.

A diferença entre elas, além do tempo de duração, é a dificuldade das etapas a serem cumpridas pelas duplas. No entanto, algumas provas são comuns às duas categorias, com:

  • Trotes;
  • Corrida;
  • Obstáculos;
  • Adestramento; etc.

Vale ressaltar que, novamente, no Triatlo, leva-se em consideração a perfeição dos movimentos, o entrosamento da dupla, a elegância, o menor tempo para completar essa modalidade do hipismo, entre outras. Um detalhe para o Triatlo 3DE é que o cavalo deve ser o mesmo durante dos três dias de prova, sendo que há pausas para o descanso e recomposição tanto do esportista quanto do animal.

Curiosidades do Hipismo no Brasil

Agora que você quais são as três modalidades do hipismo, você sabia que o Brasil tem uma importante tradição desse esporte, mesmo que não seja uma prática popular?

Bem, o cavaleiro maranhense,  Marlon Zanotelli, por exemplo, é um dos esportistas que mais medalhas olímpicas tem no esporte em todas as Olimpíadas.

Além disso, é interessante saber o que Brasil conta com um órgão regulamentador do hipismo, respeitado aqui e no mundo. É a Confederação Brasileira de Hipismo (CBH).

A CBH oficializa, fomenta e regulamenta a prática do hipismo e as suas modalidades desde a sua fundação. A confederação foi fundada na data de 19 de dezembro de 1941, por meio da união da Federação Paulista de Hipismo (FPH), da Hípica Metropolitana do Rio de Janeiro e da Hípica Fluminense Do Rio De Janeiro.

Ainda, a CBH é a responsável por promover a pratica do esporte, formar e organização delegações de representação internacional, organizar seletivas, oferecer cursos, entre outras atividades importantes.

História do Hipismo

Outra curiosidade, além de saber quais são as três modalidades do hipismo (oficiais) é como se desenvolveu essa prática e como ela se tornou um esporte.

Sabemos que a relação entre o ser humano e os cavalos é muito antiga. Esses animais sempre foram companheiros e parceiros de trabalho para a humanidade.

A história data o ano de 1.360 a.c como o início das técnicas para o adestramento dos cavalos, que são ariscos por natureza. No início, os animais eram treinados e disciplinados para proteger propriedades e ajudarem no transporte dos seres humanos, além de fins militares.

Já a arte de transformar a montaria em uma prática esportiva começa a acontecer no século 19, segundo estudos. No ano de 1868, surgiu a Real Sociedade de Dublin de Montaria, que passou a promover competições na modalidade de Saltos. De lá para cá, o hipismo e as outras modalidades foram ganhando adeptos no mundo todo.

Hipismo x Equitação

Dúvidas em relação as quais são as três modalidades do hipismo à parte, a uma confusão também entre o que é o hipismo e o que é a equitação e suas diferenças.

Bom, existem divergências essenciais entre essas duas práticas.

Hipismo x Equitação

A principal é que o hipismo (e as suas modalidades) tem como objetivo fazer da prática da montaria uma verdadeira arte, além de estreitar laços entre o cavaleiro e o animal. Além disso, cria as modalidades que já foram mencionadas e se trata de um esporte oficial.

Enquanto isso, a equitação é simplesmente a prática de montar a cavalo. Não há modalidades ou competições, embora funcione como uma verdadeira terapia.

Veja também

Mini Bull Terrier: Tamanho, Preço, Cores, Cuidados e Dotos

O Bull Terrier em si já é um ótimo cão de estimação, mas você já …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *