Home / Animais / Quais os Animais que Não Tem Sangue?

Quais os Animais que Não Tem Sangue?

O sangue nada mais é que um tecido de forma líquida, composto por várias plaquetas, responsável principalmente por levar nutrientes a células e manter o corpo aquecido, conforme os batimentos cardíacos. Alguns animais possuem a coloração diferente, e não possuem a função de manter a temperatura, como a maioria dos mamíferos, por exemplo, porém, assim possuem sangue com a mesma função, de outra cor, podendo ser azul, cinza ou até mesmo verde.

Além de ser o principal transportador de nutrientes, como oxigênio, o sangue também possui uma função de combate a agentes invasores como vírus e bactérias, por isso é tão comum em alguns casos mais específicos e frequentes de doenças, que o medicamento seja tomado diretamente na veia, que são os condutores do sangue.

O sangue é feito por glóbulos vermelhos, brancos, plaquetas e plasma  esse último que dá a aparência aguada ao sangue, além de dentro dele estar as vitaminas que são distribuídas entre os órgãos e retirada de nutrientes ruins como gás carbônico.

Algumas doenças podem variar a quantidade de cada elemento, além de diversos fatores importantes como gravidez, idade e sexo. O sangue vermelho é por conta da hemoglobina, que é uma proteína. Ela é a principal responsável pelo transporte de oxigênio.

Os brancos por sua vez, são os que mandam e protegem o organismo, e junto aos medicamentos, eles fazem essa defesa quando as pessoas estão doentes, e são a avaliação do sistema imunológico, ou seja, se sua presença for avaliada em baixa quantidade, significa que o estado de saúde daquela pessoa ou animal não está correto e precisa de cuidados para combater agentes invasores e doenças oportunistas.

As plaquetas fazem os cuidados de cortes, e recuperação. Variando de animal para animal, ou seja, alguns conseguem se recompor mais facilmente, outros existe uma espera maior para que a ferida seja fechada e cicatrizada conforme o esperado.

Embora o bombeamento seja feito pelo coração, e esse órgão funcione como uma espécie de filtro, o sangue na realidade é produzido pela medula óssea, que fica dentro das nossas vértebras, com células esponjosas.

Todo Sangue é Vermelho?

Nem todos os animais possuem sangue vermelho, embora tenhamos falado de uma maneira genérica acima, ou seja, existem outras colorações, e até mesmo nutrientes, pois em alguns casos o ferro sai de mão e no lugar dele, entra o cobre com a mesma necessidade de nutrir e cuidar da saúde daquele animal, refletindo assim na sua coloração.

  • Sangue Verde

Algo bastante curioso entre os animais é que nem todos possuem a coloração avermelhada, isso porque nesse caso a responsável é a hemoglobina, presente na maioria dos mamíferos e repteis. No caso dos repteis seu sangue pode ser verde, por conta da presença de outra substância em quantidade maior que é tóxica para os outros seres, mas para os repteis se adequa muito bem, a biliverdina.

Sangue Verde
  • Sangue Violeta

Existe sangue violeta presente nos animais marinhos, ou seja, a primeira evolução do sangue que esses animais foram os primeiros a surgirem por aqui, assim como os repteis. Então, evolutivamente falando, o sangue vermelho é o modo mais moderno e mais adequado para sobrevivência atual, porém, passou por diversas transformações para que pudesse chegar ao estágio que conhecemos hoje.

  • Sangue Azul

O sangue azul, termo tão utilizado para falar de nobreza e pessoas importantes em livros de história, na realidade é o sangue de lula, polvos e caramujos, que no lugar da hemoglobina, tem a hemocianina com a mesma função de transporte de oxigênio e transporte de nutrientes.

Sangue Azul

Mas voltando a principal pergunta, existem animais sem sangue? Para saber isso, continue acompanhando nosso guia.

Quais Animais Não Tem Sangue?

Muitos animais, na realidade, os primeiros a existirem na Terra, há cerca de 600 milhões de anos atrás, não possuem sangue em suas estruturas. O que nos faz ver que com o pouco tempo de vida entre, apesar da fácil reprodução, na maioria das vezes assexuadas, nos traz o sangue como uma ideia evolutiva para que os animais conseguissem se adaptar melhor ao ambiente em que estão, além de viver por mais tempo, embora sua reprodução seja bem mais demorada e específica.

Vamos ver abaixo os 3 animais que não possuem sangue.

  • Platelmintos

São vermes que estão na Terra antes até mesmo dos famosos dinossauros. Tem o corpo achatado e na maioria das vezes são parasitas, principalmente os terrestres. Precisam de ambientes úmidos para sobreviverem por conta disso estão muito presentes em rios, lagos e oceanos ou terras úmidas. Quando parasitas, ficam dentro dos vertebrados, e se adaptam bem, já que 80% ou mais do nosso corpo e de outros animais é composto por água, não é mesmo?

Não possuem saída digestiva, ou seja, eles engolem os alimentos e soltam as fezes pelo mesmo canal, a boca. Alguns casos podem sugar os nutrientes pela pele. No caso dos platelmintos existem 3 subespécies que são as tênias, mais conhecidas por diversas doenças antigas que assolaram a espécie humana envolvendo carnes de animais com procedência duvidosa, as planárias que ajudam na limpeza do meio ambiente já que se alimenta de restos e animais mortos e os esquistossomos.

  • Cnidaria

Os animais mais antigos do mar, que possuem um tubo digestivo algumas vezes mais evoluído com saída ao contrário dos platelmintos, porém, ainda assim presentes na Terra há milhares de anos. São os responsáveis por limpeza e filtragens das águas dos oceanos. Os mais famosos são as águas vivas, estrelas do mar, medusas e hidras.

Cnidaria

São os primeiros animais a apresentar células do sistema nervoso, ou seja, o início do cérebro em si, tão importante e especial para espécies de mamíferos mais inteligentes e evoluídos como os humanos, macacos e golfinhos.

  • Poríferos

Com certeza você já deve ter visto na casa de pessoas mais velhas, as esponjas vegetais. Antigamente se usava muito esse animal para esse fim, de tomar banho. Já que assim como os platelmintos, esse animal é muito tradicional, mas com uma função muito importante de limpar e filtrar as águas dos oceanos.

Não possuem órgãos, nem qualquer sistema nervoso mais complexo, porém, com sua saída e entrada de água, eles conseguem retirar células mortas e sobreviver parados sobre rochas e corais.

Para saber mais sobre esses e outros incríveis animais, continue acessando o Mundo Ecologia!

Veja também

Tudo Sobre a Raça de Cachorro Pug: Características e Fotos

Tudo o que podemos falar sobre a raça de cachorro pug é que ela é …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *