Home / Animais / Quais Bichos São Parecidos Com Furão?

Quais Bichos São Parecidos Com Furão?

A maioria das espécies da família mustelidae são pequenos carnívoros com corpos longos, pernas curtas e orelhas redondas. Eles também têm glândulas que podem secretar um odor almiscarado se se sentirem ameaçados.

Quais Bichos São Parecidos Com Furão?

Existem cerca de 57 espécies de mustelídeos, a classificação científica que inclui furões. E de fato, existem certas características semelhantes entre as espécies. Portanto, não seria uma surpresa que algumas pessoas fiquem confusas quando não estão familiarizadas com essa diversidade.

Todos os mustelídeos são mamíferos carnívoros de sangue quente com longos corpos tubulares, pernas curtas e pescoços grossos. Quase todos têm glândulas anais bem desenvolvidas. As doninhas selvagens e seus parentes vivem em todo o mundo, exceto na Austrália, Antártica, Madagascar e algumas ilhas oceânicas.

A família dos mustelídeos é conhecida pela inteligência e por serem predadores ferozes, dispostos a enfrentar animais muito maiores e mais fortes. Um dos primeiros mamíferos, eles começaram a evoluir para as espécies de hoje cerca de 15 milhões de anos atrás. No geral, eles são um grupo muito bem sucedido.

Seus tamanhos variam da menor doninha, tão pequena quanto 13 centímetros de comprimento e pesando apenas meio quilo; para a ariranha gigante sul-americana, que pesa até 75 quilos e tem mais de 1,5 metro de comprimento ou para lontras marinhas, não tão longas, mas até 50 quilos.

Família Dos Mustelídeos
Família Dos Mustelídeos

Entre os mustelídeos que podem ser vistos e confundidos por pessoas inexperientes estão: lontras, texugos, vison, doninhas, martas, glutão ou carcaju, tourão, cangambá e mangustos. As situações de confusão são mais frequentes nos Estados Unidos mas não quer dizer que não existam situações pontuais no Brasil.

O Que as Pessoas Estão Vendo Em Seus Quintais?

Na maioria das vezes, é um furão doméstico perdido ou abandonado. Furões vêem os humanos como seus salvadores de um mundo assustador ao ar livre e, muitas vezes, correm até eles. Mas alguns animais selvagens podem ser realmente confundidos com furões, especialmente nas suas áreas de habitat invadidas por urbanização.

É improvável que você se encontre um furão de patas negras ameaçado de extinção pois eles estão apenas em pradarias ocidentais, onde foram deliberadamente libertados. Os furões de patas negras são uma espécie em extinção, com apenas algumas centenas de animais em estado selvagem. Os esforços de conservação os reintroduziram em apenas algumas áreas da pradaria ocidental dos EUA.

Uma Terminologia Frágil

Há muita terminologia frouxa entre os animais, principalmente entre os anos 1800 e 1900 onde a classificação científica moderna e os testes de DNA ainda não eram tão comuns. Portanto, você pode ouvir cangambás também chamados de tourão. O furão de patas negras é na verdade um tipo de doninha, não um furão. As doninhas de cauda curta podem ser chamadas de arminhos.

Enquanto algumas das espécies de tourão são capazes de cruzamentos, os únicos mustelídeos capazes de cruzar com furões domésticos são os tourões europeus. Eles até mesmo compartilham seus nomes científicos, mustela putorius (tourão) e mustela putorius furo (furão doméstico). Essa confusão portanto, é mais do que natural e compreensível.

Porém, com outras espécies de mustelídeos, a confusão pode ser facilmente distinguível se puder perceber as diferenças em suas características, que até são evidentes ao dar uma boa analisada. Vamos citar algumas, aquelas que causam confusão mais frequentes em território americano:

Lontras Versus Furões

Lontras do mar selvagens vivem no Oceano Pacífico. As lontras marinhas são muito maiores que os furões e podem ser vistas na costa ocidental dos Estados Unidos, por exemplo. Eles podem desembarcar, mas preferem flutuar de costas nas ondas. Uma ótima maneira de vê-los é em um passeio de barco especializado em vida selvagem.

As lontras do rio, como o nome sugere, são encontradas ao longo de rios e cursos de água. Também muito maior do que os furões, a principal semelhança que você pode notar entre uma espécie e outra está somente no seu amor pela diversão. é comum ver na internet, por exemplo, vídeos de lontras deslizando pela neve ou pelas margens dos rios, na maior euforia.

Texugos versus Furões

Os texugos têm um corpo muito mais redondo que o furão furtivo. Os texugos têm focinhos distintamente alongados e um corpo mais rechonchudo do que a maioria dos mustelídeos. Diferentes subespécies de texugos vivem nas Américas, Europa, África, Japão e partes da Ásia. Todos os texugos vivem em tocas.

As pessoas muitas vezes caçam texugos, pois suas peles são usadas em pincéis de barbear, por exemplo, ou fazem parte da culinária russa. No Reino Unido, no entanto, apesar de serem uma criatura icônica em contos e histórias, eles são portadores de tuberculose bovina e os abates de texugos são frequentes, apesar de controversos.

Glutão Versus Furão

Se por acaso morar em locais em que o glutão ou carcaju possa visitar sua propriedade, é melhor se manter dentro de casa! Esses predadores evitam humanos, mas podem perseguir roedores ou presas pequenas em dependências ou em pilhas de madeira. Há relatos de animais dessa espécie atacando crianças, e eles são capazes de derrubar um cervo ou um lince. Então cuidado com esse!

As duas principais subespécies do gulo gulo raramente são vistas. Pequenos e espertos, evitam seres humanos grandes e pesados. Mas se sua casa é confinada em áreas florestais é realmente possível encontrar um desses talvez caído em uma piscina ou invadindo uma janela do porão. Não se aventure! Chame um socorro especializado para tirá-lo de lá!

Outras Confusões Comuns

Outros bichos acabam criando confusões com furões. Martas são mustelídeos que podem também ser confundidos com furões, mas freqüentemente têm pêlos mais claros sob o queixo de branco, cinza ou amarelo. Especialmente martas americanos são amplamente cultivados para produção de peles. Uma espécie adaptável e oportunista, eles foram introduzidos por humanos na América do Sul, Inglaterra e Europa.

Embora semelhante em tamanho a um furão, sua cor natural é um marrom profundo e sólido. (Os furões têm pêlos de guarda de cores diferentes do que o pêlo de base, dando-lhes uma aparência manchada.) Então, se você vê uma marta que é cinza, prata ou manchada, é provavelmente um fugitivo de fazenda de pele. Invariavelmente, alguns escaparam e na Europa eles são considerados invasivos.

Há também espécies que nem mustelídeos são mas existem pessoas que podem confundir. Os mangustos, incluindo suricatos, também têm glândulas de cheiro anal e são de forma semelhante, mas pertencem a família herpestidae. As cerca de 13 espécies de cangambá até são chamadas de doninhas fedorentas em sua maioria mas não são mustelídeos. Pertencem a família mephitidae.

E os hoje muito conhecidos civeta graças a filmes de animação como Madagascar (o famoso rei Julian) também acabam confundidos com furões, mas também não são mustelídeos. Pertencem a família viverridae e são nativos de florestas densas da África, Ásia e algumas ilhas. Aproveite nosso blog e se aprofunde mais a respeito das características da cada um destes espécimes curiosos!

Veja também

Qual o Maior Urso que já Existiu?

Animais fascinantes, os ursos já povoam a Terra a milhões e milhões de anos. Pra …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *