Home / Animais / Por Que as Borboletas Tem Desenhos Nas Asas?

Por Que as Borboletas Tem Desenhos Nas Asas?

As borboletas possuem algumas das cores mais impressionantes encontradas na natureza. Enquanto voam de flor em flor, coletando néctar, suas asas coloridas parecem brilhar e mudar de cor diante dos seus olhos. Os pilotos que voam sobre a floresta tropical podem ver os azuis brilhantes da borboleta morfo da América do Sul a até 800 metros de altura.  A cor rica de uma borboleta pode atuar como camuflagem , atração por parceiro e sinal de aviso.

Por Que as Borboletas Tem Desenhos Nas Asas?

A cor estrutural das borboletas é onde as coisas ficam interessantes. Esse tipo de cor decorre da estrutura que configuram as asas das borboletas e explica por que algumas das cores de uma borboleta parecem mudar e parecer tão intensas. Essa qualidade de mudar de cor à medida que você, o observador, se move é conhecida como iridescência e ocorre mais na natureza do que você imagina.

As conchas de madrepérola, os peixes e os pavões são apenas alguns exemplos de animais com essa qualidade, mas são mais pronunciados na família das borboletas. Isso acontece quando a luz passa através de uma superfície transparente e multicamada e é refletida mais de uma vez. As múltiplas reflexões se compõem e intensificam as cores.

O efeito, chamado iridescência ocorre quando todas as reflexões se concentram e compõem cada efeito colorido, causando exibições visuais de cores mais vibrantes. Asas de borboleta são feitas de duas membranas proteicas, cobertas por milhares de escamas e pelos minúsculos. Essas escamas das asas são partes sobrepostas da proteína quitina e são modificadas, cerdas em forma de placa. As cores e os padrões das asas de borboleta e mariposa vêm dessas camadas de escamas minúsculas. Existem muitos propósitos para as escalas e sua coloração.

Qual o Objetivo de Tantas Cores

Borboletas com padrões e cores brilhantes anunciam aos predadores que são desagradáveis. Também há borboletas e mariposas muito coloridas que imitam uma espécie de mau gosto na esperança de enganar seus predadores.

As escamas formam padrões que fornecem camuflagem às borboletas, ajudando-as a se esconder dos predadores, misturando-se facilmente com o ambiente. Formas comuns de camuflagem de borboleta ou mariposa são padrões de asas que se assemelham a folhas ou casca de árvore. Freqüentemente, as escamas no topo das asas de uma borboleta são coloridas, enquanto as escamas na parte inferior são modeladas para camuflar enquanto a borboleta descansa.

As borboletas usam cores e padrões para atrair e enganar. Algumas borboletas procuram certas cores ou padrões ao procurar um parceiro. Várias espécies de borboletas e mariposas têm manchas nas asas. Isso leva os predadores a pensar que a borboleta é realmente um animal maior, como uma coruja.

Muitas vezes há padrões ultravioletas nas asas que podem ser vistos por outras borboletas. Esses padrões são invisíveis para nós, mas são usados ​​pelas borboletas para encontrar e distinguir parceiros.

Ilusão de Ótica

Existem muitas espécies de borboletas e mariposas que desenvolveram o que parecem ser olhos extras. Essas marcações distintas das asas são geralmente chamadas de manchas oculares, olhos falsos ou manchas falsas e vêm em uma ampla variedade de cores e tamanhos.

Os padrões geralmente evoluem para ajudar os animais a se esconderem dos predadores, mas os olhos geralmente aumentam a visibilidade. Mas sua notoriedade sugere sua eficácia – o traço dificilmente teria evoluído tão amplamente se fosse em detrimento do inseto.

Borboleta Camuflada
Borboleta Camuflada

Pensa-se que nem todas as borboletas e mariposas usam seus olhos da mesma maneira. Existem duas teorias principais sobre como elas funcionam como defesas anti-predadores.

A primeira é que eles evoluíram por intimidação. Pensa-se que os olhos simplesmente imitam os olhos dos predadores. Nesse caso, eles agem como um impedimento para os predadores, fazendo com que os atacantes pensem que de repente estão enfrentando um animal maior e potencialmente perigoso.

Defesa Contra Predadores

Em um estudo de manchas oculares de lepidópteros , foram oferecidas asas a predadores com vários padrões de manchas oculares . As asas que tinham focos oculares com centros cintilantes foram consideradas mais eficazes para deter os predadores do que aquelas sem eles.

A hipótese da intimidação também sugere que os olhos são eficazes, pois são um sinal perceptível. Isso sugere que as borboletas e as mariposas são desagradáveis ​​para seus predadores, pois estão cobertas de padrões de cores vivas e altamente contrastantes.

Em vez de impedir um ataque completamente, outro uso para os olhos é distrair os predadores. As marcações incentivam o atacante a apontar para partes do corpo do inseto que não são vitais para sua sobrevivência – como as bordas das asas.

Borboleta Com as Asas Abertas
Borboleta Com as Asas Abertas

As manchas oculares podem ser usadas para chamar a atenção. Se um predador bate na cabeça, ele mata a borboleta ou a mariposa instantaneamente. Por isso, pode ser que eles sejam usados ​​para distrair o predador de partes vitais do corpo.

Os ataques direcionados às margens da asa oferecem uma chance maior de sobrevivência, pois o inseto seria capaz de sobreviver com apenas uma asa rasgada.

Muitas lagartas são indefesas, mas algumas espécies descobriram maneiras de evitar serem capturadas por predadores, incluindo coloração enigmática ou cabelos que causam irritação quando tocados . Mas outros desenvolveram uma abordagem visual.

Instrumento Natural de Defesa

A lagarta inteira é vulnerável e onde quer que um predador atinja, ela será danificada. Então, para as lagartas, é definitivamente importante fazer com que pareçam outra coisa.  Não é necessário  haver uma função para um gene sobreviver. Mas as manchas são recorrentes, não apenas em mariposas e borboletas, mas também em outros insetos e animais.

Um exemplo impressionante é o mantis de flores (Pseudocreobotra wahlbergii ), nativo da África Austral e Oriental. Os adultos desta espécie têm um padrão de olho em turbilhão, verde e amarelo em seus antebraços.

Pseudocreobotra Wahlbergii
Pseudocreobotra Wahlbergii

O louva-a-deus é outro exemplo de uso de cores como instrumento de defesa, ele levantará as asas e exibirá os olhos com destaque, fazendo com que pareça muito maior e ameaçador para os predadores.

A borboleta marrom acinzentada (Bicyclus anynana) apresenta uma série de manchas ao longo das bordas externas das asas. Os padrões variam dependendo da época do ano e das suas necessidades em virtude de predadores temporais.

Veja também

Cabra Treinada

Qual a Diferença Entre Caprinos e Ovinos ?

Os caprinos pertencem ao gênero taxonômico Capra, ao passo que os ovinos pertencem ao gênero …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *