Home / Animais / Pode se dar Paracetamol aos Cães? Ele Ajuda?

Pode se dar Paracetamol aos Cães? Ele Ajuda?

Acetaminofeno (paracetamol), ibuprofeno e aspirina são apenas alguns dos medicamentos comumente usados ​​por humanos para o alívio da dor. Os cães não devem ingerir analgésico produzido para consumo humano, exceto sob a orientação de um veterinário.

Pode se dar Paracetamol aos Cães? Ele Ajuda?

Os analgésicos vendidos sem receita e outros medicamentos humanos podem ser muito perigosos e até fatais para os cães.

As reações alérgicas são sempre uma possibilidade, embora seja importante lembrar que são raras. Os medicamentos são testados antes de serem aprovados, para que não tenham grandes chances de causar uma reação. Mesmo assim, alguns cães podem reagir mal a certos medicamentos, por isso é sempre bom estar atento (principalmente ao iniciar um novo medicamento).

Efeitos Colaterais

Quando as funções orgânicas do animal são afetadas adversamente pelos analgésicos humanos, os cães podem desenvolver problemas como:

Úlceras gastrointestinais;

Vômitos e diarreia (geralmente com sangue);

Lesão hepática (em alguns casos).

Sempre obtenha instruções específicas sobre medicamentos para animais de estimação com seu veterinário. Não tente extrapolar a dose de humanos para animais de estimação; sempre pergunte ao seu veterinário a dose certa.

Sob supervisão veterinária, o paracetamol pode ser usado para febre e dor leve em cães , mas é fatal para os gatos e NUNCA deve ser administrado a eles sem prescrição médica.  Os cães podem morrer sem tratamento adequado. O acetaminofeno pode causar danos no fígado em cães e gatos e diminuir a capacidade de transporte de oxigênio no sangue. De fato, ibuprofeno, acetaminofeno e aspirina resultaram em cerca de 10.000 ligações para centros de controle de venenos de animais em 2008.

Mantenha todas as formas de acetaminofeno e outros medicamentos de venda livre (comprimidos) fora do alcance do seu animal de estimação. E lembre-se, o paracetamol geralmente é combinado com outros medicamentos sem receita médica, como tratamentos para gripes e resfriados, portanto, mantenha-os fora do alcance dos animais de estimação também.

Analgésicos Para Cães

As empresas farmacêuticas criaram medicamentos específicos para a dor de animais de estimação que são mais seguros e eficazes para cães do que aqueles projetados para pessoas. Seu veterinário pode prescrever remédios contra a dor feitos para cães que podem aliviar com segurança e eficácia o desconforto do seu animal.

Analgésico para Cães
Analgésico para Cães

Os analgésicos comumente usados ​​em cães incluem carprofeno , etodolac e meloxicam.  Além de obter uma receita do seu veterinário, existem outras maneiras de controlar a dor do seu cão. Algumas condições, como a artrite, podem melhorar quando você altera a dieta do seu cão. A suplementação de alimentos com ácidos graxos ômega-3 ajuda a reduzir a inflamação nas articulações e o monitoramento do peso também pode ajudar a reduzir a pressão nas articulações.

Alguns suplementos, como glucosamina e condroitina, também podem ajudar no alívio da dor. Há evidências de que eles podem ajudar a reduzir o inchaço nas articulações e reparar a cartilagem.

Com Identificar a Dor nos Cães

Os cães possuem a capacidade de esconder sua dor. É instintivo para eles. Assim , se o seu cão estiver mostrando alguma quantidade de angústia, você deve agir imediatamente.  Muitas vezes, quando um cão começa a mostrar sinais de dor, qualquer que seja a condição de que esteja sofrendo pode estar relativamente adiantada.  Antes de poder ajudar a curar seus cães, os donos de animais precisam primeiro reconhecer que seu bebê está com problemas.

Felizmente, os donos de cães não precisam desenvolver habilidades de leitura da mente. Existem vários sinais indicadores de que seu amigo peludo provavelmente está sofrendo:

Cão com Falta de Energia
Cão com Falta de Energia

Falta de Energia – O primeiro sinal notável de que Fido está em perigo é uma diminuição significativa do nível de energia. Primeiro, os donos de animais precisam conhecer o nível de energia “normal” de seus cães. Todos os cães são diferentes. Por exemplo, se seu companheiro de quatro patas tende a estar no lado preguiçoso do espectro de energia , um pouco de letargia extra pode não ser motivo de preocupação.  No entanto, se o cão normalmente está agitado e agora está deitado o dia todo, é provável que seja um sinal de que eles estão sofrendo ou combatendo algum outro problema de saúde.

Cão com Falta de Apetite
Cão com Falta de Apetite

Falta de Apetite – Quando você está com dor, provavelmente não sente vontade de se levantar e ir até a geladeira. Da mesma forma, quando nossos filhotes estão com dor, seu apetite geralmente diminui. Se você perceber que seu filhote não está comendo ou bebendo tanto quanto costumava, a dor pode ser o motivo.

Cão com Agressividade
Cão com Agressividade

Agressividade Outro sinal de dor ou angústia é morder, incluindo morder a si próprio ou morder os outros. Uma indicação clara da dor é quando o cão não quer ninguém perto deles ou tocando em uma área que possa ser sensível.  Se o seu cão geralmente é mansinho e de repente começa a dar sinais de agressividade, provavelmente há algo mais sério acontecendo do que um mero stress.

Cão com Vocalizações
Cão com Vocalizações

Vocalizações – Os cães podem fazer bastante barulho quando estão com dor. Uivos, gemidos, choramingos, grunhidos e latidos são sons que os cães podem emitir quando experimentam dor.  Se seu filhote está mantendo você acordado à noite com suas lamentações ou outras vocalizações, é hora de descobrir o que está causando tanto desconforto.

Cão com Edemas
Cão com Edemas

Edemas O sinal mais visível de dor e angústia é o inchaço. Inchaço e inflamação são sinais indicadores de que algo não está certo, seja doença ou lesão.  Os donos de animais devem se certificar de que estão sempre de olho em todas as mudanças no comportamento e no corpo dos filhotes.

Posição da Cauda do Cão
Posição da Cauda do Cão

Posição da Cauda Outro sinal revelador de que seu amigo peludo pode estar com algum tipo de dor é a posição da cauda dele.  Se o rabo do seu cão geralmente está na vertical e agora está entre as pernas ou um pouco caído, normalmente é um sinal de que eles não estão se sentindo como os melhores, muitas vezes devido a dor ou angústia.

Expressão do Olhar do Cão
Expressão do Olhar do Cão

Expressão dos Olhos Por fim, os olhos podem ser muito reveladores. Cães com dor geralmente têm pupilas dilatadas ou olhos injetados.  Seu filhote também pode ter olhos enjoados e doentios (da mesma maneira que os olhos humanos ficam quando estamos nos sentindo mal).

Veja também

O Que Acontece Se Quebrar o Casco da Tartaruga?

Os répteis são muito especiais e despertam a curiosidade nas pessoas. Assim, lagartos, camaleões, crocodilos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *