Home / Animais / Pinguim é Mamífero ou Ave? Como Ele Choca Ovo?

Pinguim é Mamífero ou Ave? Como Ele Choca Ovo?

As pessoas sempre guardam muitas dúvidas a respeito dos animais. Portanto, é bastante comum que muitas das informações referentes ao modo de vida animal não sejam conhecidas por toda a população mundial. Dessa maneira, essa falta de informações se torna ainda mais comum quando se trata de animais distantes dos grandes centros urbanos, seja pelo fato de estarem no interior da selva ou, então, pelo simples fato de necessitarem de climas diferenciados para o seu pleno desenvolvimento.

Assim, um grande exemplo de animal distante das pessoas é o pinguim, que, apesar de ser conhecido por grande parte da população, não faz parte do dia a dia da maioria das pessoas. Logo, há muitas confusões em relação ao modo de vida desse animal, com muitas pessoas tendo dificuldades de entender como os pinguins vivem.

De toda maneira, ainda que as dúvidas em relação ao modo de vida desse animal sejam grandes, nada supera aquele velho questionamento: afinal, o pinguim é mamífero ou ave? Por mais que muitos saibam a resposta para tal pergunta, a verdade é que a grande maioria das pessoas ainda mantém a dúvida sobre os pinguins. Se você é uma dessas pessoas e quer descobrir mais sobre os pinguins, veja abaixo tudo sobre esses animais lindos e extremamente interessantes.

Pinguim é Mamífero ou Ave?

Os pinguins são grandes, gordinhos, não aparentam ter penas e, dessa maneira, levam muitas pessoas a imaginar que são mamíferos. Afinal, é exatamente assim que se pode definir um mamífero, tal como acontece com cachorros ou gatos, por exemplo. Entretanto, apesar de também serem capazes de nadar e de andar sobre duas patas, os pinguins são aves. Isso mesmo, o pinguim é uma ave, ainda que não aparente ter muitas das características mais comuns atribuídas a uma ave.

Porém, por mais que não pareça, os pinguins têm penas. Contudo, outro ponto que cria confusão nas pessoas é o fato de que os pinguins não voam. Isso realmente é verdade, sendo que esse tipo de animal é incapaz de levantar voo, por mais que tenha penas.

Todavia, os pinguins podem nadar e, na verdade, são muito bons quando se trata de mergulhar. Assim, é muito comum que os pinguins nadem por centenas de quilômetros diariamente, mostrando o quanto esse tipo de animal pode ser eficiente quando se trata de movimentação e locomoção. Então, ainda que existam dúvidas a esse respeito, o pinguim é uma ave.

Características Principais dos Pinguins

O pinguim é uma ave marinha e, dessa forma, não possui a capacidade de voar, mas sim de nadar. Assim, os pinguins podem nadar por muitos quilômetros todos os dias, seja m busca de alimentos ou de locais mais frescos.

Típicos do Polo Sul, os pinguins nem sempre se dão muito bem com o frio. Isso porque esse tipo de animal até gosta de temperaturas amenas, mas, na grande maioria dos casos, o pinguim não se dá bem sob temperaturas negativas. Portanto, em muitos momentos há casos de pinguins que podem até mesmo morrer de hipotermia por conta do frio intenso.

Pinguim Características

De qualquer forma, algumas poucas espécies de pinguins são capazes de viver até mesmo sob os 50 graus Celsius negativos. Os pinguins costumam ter um tempo de via muito grande, vivendo quase sempre mais de 20 anos, até mesmo pelo modo de vida simples desses animais. Muitas vezes o pinguim apenas se afasta do seu habitat por sua vontade de querer caçar, não sendo sequer obrigado a nadar muito quando precisa de alimento. Todavia, até mesmo por diversão, é muito comum que os pinguins mais jovens nadem por muitos e muitos quilômetros.

Mais Informações Sobre o Pinguim

O pinguim é um animal que, em geral, costuma realizar a maior parte das suas atividades ao longo do dia. Assim, diz-se que o pinguim possui hábitos diurnos, algo que até mesmo facilita o animal a capturar presas no mar. Além disso, o pinguim ainda conseguem fugir dos seus predadores ao caçar e realizar as outras atividades ao longo do dia. Isso porque orcas, tubarões e focas estão entre os animais que podem matar o pinguim, sendo verdadeiras ameaças a esse tipo de animal marinho.

Em relação à sua anatomia, há um fator biológico para explicar o porquê de o pinguim não ser capaz de voar. No caso, o pinguim não consegue voar por ter a sua asa atrofiada, sendo assim transformada em barbatana. É interessante notar, também, que o pinguim costuma secretar uma espécie de óleo para se proteger contra o frio.

Dessa maneira, muitas vezes o animal consegue suportar temperaturas um pouco mais baixas justamente em razão dessa secreção. Porém, vale lembrar que nem todas as espécies de pinguins suportam bem o frio, com algumas delas estando muito distantes de gostar das temperaturas negativas, sobretudo aquelas que vivem na Nova Zelândia e na Austrália.

Como o Pinguim Choca o Ovo

O pinguim é uma ave e, como tal, esse animal se reproduz a partir de ovos. Em geral, as fêmeas do pinguim começam a sua fase de reprodução antes dos machos, sendo muito mais precoces que eles. U detalhe importante é que muitas vezes os pinguins levam anos para aprender a lidar com a reprodução, que pode ser feita de maneira errada por algumas vezes antes de haver um acerto.

Dessa maneira, muitas vezes o casal de pinguins acaba por não encontrar o ninho ideal para os ovos ou por reproduzir no local errado, impedindo a maturação do filhote. No caso dos pinguins, se coloca apenas um ovo por vez, com macho e fêmea alternando quem choca esse ovo. Todo o processo costuma levar de 2 a 3 meses, até o momento em que o filhote nascerá e poderá começar a sua vida.

Como o Pinguim Choca o Ovo

Contudo, ainda nessa fase de filhote o pinguim passará muito tempo sob os cuidados dos pais, sendo amplamente protegido. Os sinais mais claros de que o filhote já está pronto para começar a sua vida de forma um pouco mais independente aparecem quando o animal se mostra pronto para entrar no mar, iniciando seu contato com a natação.

Veja também

Lagarto Chicote- de- Garganta- Alaranjada: Características e Fotos

O lagarto chicote de garganta alaranjada (nome científico Aspidoscelis hyperythrus) é uma espécie nativa do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *