Home / Animais / Pica-Pau Curiosidades e Fatos Interessantes Sobre o Animal

Pica-Pau Curiosidades e Fatos Interessantes Sobre o Animal

O pica-pau é uma ave muito interessante, pois, entre outras coisas, esse animal pode ter diferentes espécies, com cada uma delas ostentando formas de vida muito distintas entre si. Todo o cenário faz com que o pica-pau tenha muitos fatores curiosos, já que a variedade de tipos do animal proporciona isso.

Ademais, o modo de vida do pica-pau é único, pois toda a sua rotina é muito sonora e oferece sensações boas a quem escuta. Seja quando o animal já começa a sua cantoria, logo pela manhã, ou quando o pica-pau bica a madeira e se faz escutar ao longe. Além disso, por conta das muitas espécies que existem desse animal, é muito complicado encontrar alguém que jamais tenha visto um exemplar de pica-pau em sua frente.

No Brasil, por exemplo, o animal está presente em todas as regiões, mesmo que com população reduzida. Ademais, não se trata do mesmo tipo de pica-pau para todas as partes do país, mas só o fato de a ave ocupar toda a extensão do território brasileiro já é muito relevante. Se você deseja conhecer mais curiosidades sobre o pica-pau, veja alguns fatos interessante sobre o animal logo abaixo.

Principais Características do Pica-Pau

O pica-pau pode ser de muitas espécies diferentes e, dessa forma, o animal pode variar muito em relação ao modo de vida. O mais comum é que o pica-pau seja pequeno e muito veloz, o que ajuda no momento de buscar alimentos e também para fugir dos predadores – as aves maiores podem causar muitos problemas para o animal. Em geral, o mais comum é que o pica-pau seja colorido, com cores que podem mudar bastante.

A maior parte dos machos possui uma crista em vermelho, mas isso não é regra para o pica-pau. Portanto, caso você encontre um pica-pau sem a crista avermelhada, saiba que o animal realmente pode ser legítimo. O pica-pau tende a viver em bosques, áreas mais isoladas dos centros urbanos e, ao mesmo tempo, também isoladas das porções mais profundas da floresta.

Assim, o animal se mantém distante de ambos os perigos. Quanto à reprodução, o mais natural é que o pica-pau coloque de 4 a 5 ovos por ciclo reprodutivo. Macho e fêmea são responsáveis, igualmente, por chocar os ovos. Todo o processo leva cerca de 20 dias e os filhotes nascem com muitas fragilidades. É importante ressaltar que cada espécie pode ter algumas variações exclusivas, o que é normal.

Língua Ligada ao Cérebro e Golpes Com o Bico

A grande marca do pica-pau, como o seu nome já indica, é o fato de o animal golpear a madeira com o bico. Assim, ainda que você não saiba disso, o pica-pau é capaz de dar 15 bicadas em um pedaço qualquer de madeira por segundo, marca extremamente considerável.

O animal possui muita intensidade em sua forma de golpear as árvores, o que gera sons que podem ser escutados ao longe. Na verdade, se há um pica-pau por perto, é muito provável que você saiba disso de cara. Pois, como o animal bica a madeira com muita velocidade e consistência, o som produzido por ele acaba por ser muito alto.

Língua do Pica-pau
Língua do Pica-pau

Além disso, um fator curioso é que a língua e as narinas do pica-pau estão diretamente ligadas ao cérebro. Esse fato acaba por funcionar como um bloqueio de segurança do animal, de forma a evitar lesões por bicar excessivamente. Assim, no fim das contas a anatomia do animal faz com que ele saiba o momento exato de parar de golpear as árvores, pois se continuasse por tempo indeterminado poderia gerar problemas para o cérebro.

Pica-Pau Come Muito e Tem Cabeça Forte

A cabeça do pica-pau precisa, necessariamente, ser forte. Isso porque o animal bica a madeira com muita força e intensidade, o que poderia gerar sérios problemas caso o seu crânio fosse enfraquecido.

Assim, o crânio do animal costuma ser mais grosso do que aquele de outras aves, mostrando o quanto o pica-pau pode ser interessante. Ademais, é provável que você não soubesse esse fato sobre o animal: o pica-pau come muito. Sim, a ave se alimenta a todo momento e precisa disso para se manter viva. Dessa maneira, o pica-pau precisa, por dia, de cerca de 900 mil larvas para ficar satisfeito.

Pica-Pau Comendo
Pica-Pau Comendo

Esse cenário faz com que o animal enfrente problemas quando o seu habitat é destruído, já que sem as árvores é muito mais complicado encontrar alimentos em volume adequado. Além disso, o número é tão alto pelo fato de o pica-pau procurar comida para si e também para os seus familiares, o que cria uma demanda muito maio e faz com que o animal precise de alimentos em maior escala. Portanto, caso você decida acompanhar a rotina de um pica-pau, verá que o animal come muito ao longo de um único dia.

As Bicadas do Pica-Pau

O modo de vida de um pica-pau está inteiramente ligado às suas bicadas, já que esse animal impõe muita força ao bicar e, além disso, necessita das bicadas para encontrar alimentos. Para se ter uma ideia de como o pica-pau golpeia as árvores de maneira forte, o impacto recebido pela cabeça do animal é cerca de mil vezes mais forte do que aquele imposto pela gravidade.

Além disso, considerando o seu tempo de descanso, o pica-pau pode bicar cerca de 12 mil vezes em um único dia, número muito alto e que mostra o quanto o dia a dia da ave é voltado para as bicadas. Ademais, algo muito interessante é que a cabeça do pica-pau pode atingir a velocidade de uma munição enquanto o animal busca por comida.

Bicadas do Pica-Pau
Bicadas do Pica-Pau

Por isso há tanta proteção para a cabeça da ave, já que o impacto realmente é muito forte e, dessa maneira, o animal poderia sofrer graves consequências por seu modo de vida. Outro fato interessante sobre o pica-pau é que o animal pode armazenar muitos alimentos para o inverno, mas nem todas as espécies fazem isso. Assim, aquelas que não se preocupam tanto em fazer um bom estoque de comida podem sofrer quando a temperatura cai de abruptamente.

Veja também

Marreco Pompom: Características, Hábitat e Nome Científico

O marreco pompom (crested duck) é uma ave ornamental considerada uma variação genética do marreco …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *