Home / Animais / Pantera Negra: Curiosidades sobre o Animal

Pantera Negra: Curiosidades sobre o Animal

Classificação e Evolução da Pantera

A Pantera (também conhecida como a Pantera Negra) é um grande membro da família Big Cat, nativa da Ásia, África e Américas. A Pantera não é uma espécie distinta, mas é o nome geral usado para se referir a qualquer felino de cor preta da família Big Cat, mais notavelmente Leopardos e Jaguares.

A pantera é um animal elusivo e poderoso que se adaptou bem a uma variedade de habitats ao redor do mundo, e é conhecido por ser um dos escaladores mais fortes de todos os felinos.

Embora a Pantera não seja tecnicamente classificada como uma espécie separada, ela é considerada ameaçada por muitos devido ao declínio do número de leopardos e onças-pintadas em grande parte de suas áreas naturais.

Anatomia da Pantera e Aparência

A Pantera tende a ser marrom escuro a preto na cor e é idêntica à espécie felina a que pertence. A única exceção real a isso é a Pantera da Flórida, encontrada na região sudeste dos EUA, que se acredita ser uma subespécie de puma e raramente é de cor marrom escura e tende a ter uma aparência mais salpicada.

Ao contrário dos leopardos e jaguares, a pantera não tem manchas no seu corpo longo ou cauda, ​​mas em vez disso tem uma camada brilhante de pelo escuro. As panteras têm cabeças pequenas com mandíbulas fortes e olhos verdes-esmeralda, e tendem a ter patas traseiras que são maiores e um pouco mais compridas que as da frente.

Sendo um membro da família Big Cat, a pantera não é apenas um dos maiores felinos do mundo, mas também é capaz de rugir que é algo que os felinos fora deste grupo não são capazes de fazer.

Distribuição do Animal e Habitat

Panteras são encontrados nativamente em três dos continentes do mundo, com sua localização dependendo se é ou não um Leopardo preto ou um Jaguar Negro.

Existem 30 diferentes subespécies de Leopardo encontradas em toda a Ásia e África subsaariana, e com a onze grande variedade natural do Jaguar que se estende pela América Central e do Sul e até mesmo em partes dos EUA, a pantera se tornou um animal incrivelmente adaptável que se encontra em vários habitats diferentes.

Pantera Negra Deitada na Árvore
Pantera Negra Deitada na Árvore

Embora seja mais comumente encontrada em florestas tropicais, a pantera também pode ser encontrada em ambos os pântanos e pântanos, juntamente com pastagens e áreas ainda mais hostis, como desertos e montanhas.

Juntamente com alguns dos maiores felinos do mundo, ela está se tornando mais raro na natureza, principalmente devido à perda de habitat na forma de desmatamento.

Comportamento e Estilo de Vida

A Pantera é um animal incrivelmente inteligente e ágil que é muito raramente visto por pessoas na natureza, pois são animais muito tranquilos e cautelosos. Seu pelo marrom escuro camufla a pantera na floresta ao redor e os tornam quase invisíveis na escuridão da noite.

A Pantera é um animal solitário que leva ao estilo de vida noturno, passando boa parte das horas do dia descansando em segurança nas árvores. Como o Leopardo e o Jaguar, as panteras são alpinistas incríveis e eles não só descansam nas árvores, mas também são capazes de vigiar as presas sem serem vistos.

A Pantera é um animal incrivelmente poderoso e destemido que é temido por muitos, devido ao fato de que eles também são muito agressivos. A Pantera é muito territorial, cujos machos cujas áreas de origem se sobrepõem às de um número de fêmeas e são ameaçados por outro macho.

Reprodução da Pantera e Ciclos de Vida

Pantera Negra Acasalando
Pantera Negra Acasalando

Embora existam apenas duas espécies diferentes de Big Cat que são consideradas panteras, leopardos e onças-azuis são, na verdade, muito relacionadas, apesar de viverem em partes separadas do mundo.

Leopardos negros e onças-pintadas frequentemente ocorrem na mesma ninhada de filhotes pintados, com a fêmea dando à luz entre 2 e 4 filhotes após um período de gestação de cerca de 3 meses (é um gene recessivo simples que torna um filhote preto e um que é carregado por ambos os pais).

Os filhotes da pantera nascem cegos e não abrem os olhos até quase duas semanas de vida. Eles são incrivelmente vulneráveis ​​a predadores, especialmente quando deixados pela mãe, que deve caçar sua comida.

Quando chegam há alguns meses, os filhotes da Pantera começam a acompanhá-la em busca de presas e muitas vezes não a deixam até que tenham quase 2 anos de idade e tenham estabelecido um território para si mesmos.

Dieta e Presa da Pantera

A Pantera é um animal carnívoro e um dos predadores mais temidos e poderosos em todo o seu ambiente natural. Caçando sob a cobertura da noite, o pelo escuro da pantera torna quase impossível detectar o que significa que ele pode se mover através da selva completamente invisível.

Embora a maioria de sua caça seja realmente feita no solo, eles também são conhecidos por caçarem em árvores, o que significa que eles podem emboscar suas presas a partir de cima.

A dieta exata da pantera depende de onde no mundo ela vive, embora os herbívoros de médio a grande porte compreendam a maior parte da dieta de muitos Gatos grandes. Animais, incluindo cervos, javalis, javalis selvagens, antas e antílopes são caçados por panteras, juntamente com espécies menores, como aves e coelhos, quando presas maiores são escassas.

Predadores e Ameaças da Pantera

O Jaguar é o maior felino das Américas e, portanto, as panteras do Novo Mundo são os predadores mais dominantes em seus ambientes.

Os encontrados na África e na Ásia, no entanto, são ocasionalmente atacados por outros grandes carnívoros, como leões e hienas, mas o predador mais comum e a maior ameaça a todos os panteras são as pessoas.

Jaguar Atacando Um Jacaré
Jaguar Atacando Um Jacaré

Esses animais raros não só foram caçados por pessoas em grande parte de sua área natural, mas também sofreram uma drástica perda de habitat, particularmente na forma de desmatamento tanto para o crescimento de assentamentos humanos quanto para abrir caminho para a agricultura. Números populacionais de felinos grandes estão declinando em todo o mundo e, quando estão sendo empurrados para bolsões cada vez menores de seus habitats nativos, as panteras estão se tornando ainda mais raros do que já eram.

Fatos Interessantes e Características da Pantera

Embora tecnicamente apenas leopardos negros e onças-pintadas sejam geralmente considerados as únicas verdadeiras panteras pela ciência, o termo também é usado para descrever uma série de outros gatos escuros por habitantes locais em seus habitats nativos, incluindo pumas, tigres, pumas, linces e linces.

A Pantera Negra é visto como um dos predadores mais inteligentes e ferozes da América, por isso a imagem de uma Pantera é amplamente usada como logotipo ou como mascote de equipes esportivas.

Algumas panteras são capazes de nadar, embora não aqueles que são Leopardos, já que os Jaguares são conhecidos por terem um verdadeiro amor pela água. Essas pessoas não apenas preferem as florestas inundadas, mas passam muito tempo nadando, brincando e caçando na água de resfriamento.

Relação de Pantera com Humanos

Os grandes felinos do mundo têm sido caçados por pessoas como troféus, particularmente, nos últimos dois séculos. Isso causou enormes declínios no número populacional de leopardos e onças-pintadas, com o desaparecimento completo de algumas áreas de sua área histórica.

As panteras também foram submetidas à degradação severa do habitat em grande parte da Ásia, África e América, o que significa que esses predadores esquivos são agora ainda mais raros. Eles são muito raramente vistos por pessoas que só estão realmente conscientes da presença de uma pantera por suas marcas deixadas no chão e marcas de arranhões nas árvores.

Eles são de fato tão sorrateiros que as panteras são frequentemente chamadas de “o fantasma da floresta”.

Status de Conservação da Pantera e Vida Hoje

Embora a Pantera não seja considerada uma espécie pela ciência, tanto os Leopardos quanto os Jaguares estão se tornando cada vez mais vulneráveis ​​em grande parte de sua área natural e estão listados como espécies ameaçadas no mundo todo.

No entanto, devido ao fato de que dois indivíduos portadores de genes precisam se acasalar para produzir uma Pantera Negra e as chances disso diminuírem com a perda de habitat, muitos especialistas em vida selvagem consideram esses animais ameaçados em todo o mundo.

Veja também

História do Guepardo e Origem do Animal

Um dos felinos mais conhecidos do mundo, conhecido especialmente por sua velocidade, é o guepardo. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *