Home / Animais / Ouriço Do Mar Reprodução: Fecundação E Tempo De Gestação

Ouriço Do Mar Reprodução: Fecundação E Tempo De Gestação

A reprodução dos vários tipos de animais é tão diversa quanto às próprias espécies existentes de seres vivos. Um desses animais que possui uma reprodução, digamos, “peculiar” é o ouriço do mar, membro do filo dos equinodermos, grupo do qual pertence, por exemplo, a nossa tão famosa estrela do mar.

E, esse será o tema do texto a seguir: a reprodução e a gestão desses animais.

Meios Reprodutivos Do Ouriço Do Mar

Assim como outros animais invertebrados, o aparelho reprodutor dos ouriços do mar é bastante simplório, mas, sob certo aspecto, muito eficiente naquilo que se propõe. Só para constar: existe, sim, a diferenciação entre os sexos masculino e feminino desses animais. No entanto, a fecundação desse ouriço é feita fora do seu organismo.

O processo é bem simples: com um movimento de contração da sua musculatura, tanto os machos quanto as fêmeas lançam na água seus óvulos e espermas. E é ali, nessa aparente “confusão”, que a fecundação é feita. Inclusive, tanto os espermatozoides quanto os óvulos têm cerca de 0,1 mm de tamanho.

No total, as fêmeas secretam milhões e milhões de óvulos, enquanto que os machos liberam seu esperma por meio de 5 poros dispostos em torno do ânus. Das milhões de possibilidades de pequenos ouriços, apenas alguns poucos conseguem atingir a vida adulta.

Isso acontece porque os óvulos produzem uma espécie de substância química que tem por objetivo atrair os espermatozoides. É justamente por conta desse tipo de “mensageiro químico” que ambas as células conseguem se encontrar em meio aquele caos. Afinal, sem isso, corria-se o risco de terem espermatozoides de outras espécies na água.

Os ovos, então, transformam-se em embriões, e, logo depois, em larvas. Estas nadam pelas águas nessa forma por algumas semanas, até se fixarem em algum lugar para poderem completar a sua transformação, e virarem ouriços do mar adultos.

A reprodução desses animais se dá, essencialmente, entre a primavera e o verão. Nesse aspecto específico, esses animais são dioicos, ou seja, cada um deles produz um tipo só de gameta, seja um espermatozoide, seja um óvulo. No entanto, são poucas as espécies que possuem dimorfismo sexual.

Desenvolvimento Embrionário Do Ouriço Do Mar

O desenvolvimento, em si, do embrião desse animal começa com o ovo e termina com a formação da larva propriamente dita. Esse desenvolvimento, por sinal, é indireto, e termina ao final de um período muito curto de tempo (até por conta do pouquíssimo material reserva de que o ovo dispõe para sobreviver).

No total, são três etapas desse desenvolvimento embrionário: a segmentação, a gastrulação e a organogênese.

Na primeira dessas etapas (a segmentação), ocorrem sucessivas divisões celulares. Esses processos dividem o ovo em 2,4 e 8 blastômeros (a estrutura resultante dessa divisão). É após a terceira divisão que duas camadas de blastômeros se formam, uma superior, e outra, inferior. Essa etapa é bem rápido, durando pouco mais de 2 horas apenas.

As divisões ocorrem até atingirem todo o ovo, com os blastômeros ficando unidos desde a primeira divisão, o que resulta em um emaranhado de células. É quando se organizam pra formarem uma camada celular, além de outras estruturas no futuro animal, como os cílios, por exemplo. Daí, já se vão mais cerca de 6 horas de processo. Ao final, a membrana se rompe, e o embrião passar a nadar na água com a ajuda dos cílios.

Na segunda das etapas (a gastrulação), ocorre a formação de um tecido embrionário que, futuramente, irá gerar o esqueleto da larva. Também vão se formando estruturas para revestirem o intestino primitivo do ouriço já adulto, além de irem surgindo camadas de “pele” que farão parte do corpo do ouriço, nem processo que demora quase 1 dia inteiro pra acontecer.

Por fim, temos a última etapa, que é a organogênese, onde ocorre a diferenciação dos tecidos, e no qual o embrião achata certa parte do corpo que fará parte da região ventral da larva. Ânus e boca também se formam nessa fase, e, enfim, temos a larva completa, que é algo que demorar quase 48 horas para a finalização de todo esse processo.

A Forma Larvar Do Ouriço Do Mar

Quando passa de embrião a larva, o ouriço é chamado de pluteus, tendo vida livre e uma simetria bilateral. Nessa fase de sua vida já começa a se alimentar de algas unicelulares por meio dos seus cílios.

É quando passar a sofrer muitas metamorfoses até, finalmente, virar um ouriço do mar adulto. Entre a larva e o animal já plenamente formado, há um espaço de aproximadamente 1 mês. Bom salientar que o ouriço do mar chega à sua maturidade reprodutiva apenas com 2 anos de idade.

O ouriço do mar que possui espinho curto é um dos tipos desse animal que cresce muito rapidamente. Pra se ter uma ideia, com apenas 1 ano, já estão 75 mm de diâmetro, e entre 2 e 5 anos, atingem o tamanho máximo de 160 mm. É basicamente o padrão de todos os ouriços do mar.

Por sinal, a expectativa de vida desses animais é bem alta. O ouriço do mar vermelho (de nome científico Franciscanus mesocentrotus), por exemplo, é um dos organismos com vida mais longa do mundo, podendo chegar, facilmente, a mais de 100 anos de idade.

Com a Fecundação, Dois Tipos De Ouriços Podem Se Formar

Após a fecundação do ouriço de mar ser realizada, dois tipos bem específicos desses animais podem surgir: os regulares e os irregulares. A maioria das espécies desse bicho são o que chamamos de regular, ou seja, possuem um corpo que é esférico, e com uma coloração bem variada, indo do preto ao verde.

No entanto, aqueles ouriços do mar que podem ser classificados como irregulares possuem menos espinhos e são de menor tamanho. O formato deles também é diferenciado, sendo mais oval e achatado do que os outros.

Até mesmo o sistema respiratório tem suas similaridades entre esses tipos. Os regulares, por exemplo, respiram através de petaloides, que são justamente pés ambulacrais modificados nesse tipo de animal. Já os irregulares, por sua vez, respiram por meio de brânquias parecidas com as dos peixes em geral, por exemplo.

Veja também

Qual O Significado do Texugo? O Que Eles Representam?

O significado ou importância dos texugos (o que eles representam) dentro de um ecossistema está …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *